Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Junho, 2013

Dias tranquilos

Pois é. Piquenique impecável com a família, tarde passada no rio com casais amigos. Que raio de Domingo, foi mesmo bom! Agora banho e sofá. Já agora: Facebook:  https://www.facebook.com/sasterisco.asminhaspequenascoisas Instagram:  http://instagram.com/asminhaspequenascoisas

Deve ser do calor...

Não me apetece muito andar nisto dos blogues.  Tenho uma lista infindável de blogues para ler, já com 10 dias de atraso. A lista vai acumulando, acumulando, e eu fico a olhar para ela de esguelha, a fingir que não reparo. Deve ser do calor, só me apetece andar a passear, de chinelo no dedo, e a comer gelados por aí. Hoje é dia de piquenique e de praia. Um bom Domingo!

São Pedro

Ontem à noite foi assim: muito divertido. Engraçado como existe aquela rivalidade saudável entre os bairros da Póvoa de Varzim. Uma festa animada, um bom tempo desgraçado, farturas e pipocas. Para o ano há mais!

Planos

Este fim-de-semana vai ser de tudo, menos de descanso. Hoje à noite, ir ao São Pedro, na Póvoa de Varzim, com namorado, irmã e cunhado. Amanhã de manhã, o mais-que-tudo trabalha, eu limpo a casa. De tarde, formação na loja da mana, que vou substituí-la durante uma semana. À noite, tenho um evento social ( ahahah, adorei escrever isto ). No Domingo, temos piquenique, pelo que há muito para fazer e preparar. Apesar disso, espera-se uma tarde de ronha, na relva. Bem bom. Ando a precisar de descansar. Ultimamente tenho sempre muito sono e dói-me demasiadas vezes a cabeça.  Bom fim-de-semana!

Facto

Meio triste ouvir um sindicalista cá da zona dizer, antes dos discursos oficiais da greve de hoje, "se tivéssemos montado o palco na praia, tínhamos mais gente". Eu trabalhei, não fiz greve, apesar de entender todos os motivos da greve. Mas caramba, é algo vergonhoso quando até as televisões andam nas praias à procura de grevistas. 

Nós e as Gatas

Cá em casa, com as gatas, eu sou o pulso firme. O mais-que-tudo só as apaparica. Ontem, pela terceira vez, a Evita fugiu de casa. Salta da varanda para a árvore, desce a árvore, e aventura-se no quintal. Mas o chato não é isso - o problema é que ela salta o muro de casa, atravessa uma pequena estrada e enfia-se no quintal da casa da frente. Ela sabe que é errado. Ela só foge quando nós não estamos a ver. Deixamos as gatas irem à varanda, mas não é suposto a mafarrica fugir. Ontem fomos buscá-la novamente à rua. Peguei nela, já a preparar-me para lhe pregar uma valente palmada no rabo peludo, quando entrássemos em casa. De repente, lá diz o mais-que-tudo: "Coitadinha, não lhe batas, ela é aventureira". Fracos. Os homens são uns moles. Nem conseguem dar uma palmada numa gata fugitiva. Deve ser por isso que ela foge - sabe que não tem castigo.

Facto

Hoje, todo o país descobriu o ténis. Descobrimos que, afinal, até é um desporto giro. Eu cá não acho, acho um grande tédio. Tenho cá em casa um namorado fã de ténis, que diz que até joga alguma coisinha (ou jogava), mas nunca foi desporto que me apaixonasse. De qualquer forma, vou juntar-me à euforia geral: Boa Michelle Brito! Pelos vistos, fizeste um jogaço do caraças e eliminaste a boazuda da Sharapova! Um dois em um.

Gaffe australiana

Não vou dizer que foram burrinhos, pois toda a gente comete erros. No entanto, foram tremendamente inconscientes. O Brasil é um país grandioso, revelar com tanta facilidade que nem sabem a língua que lá se fala é, no mínimo, estranho. Dizerem palavrões em directo por inconsciência é coisa que até me causou embaraço. Posto isto, o vídeo está de rir. Uma pessoa tem de se saber rir destas gaffes, que obviamente foram inconscientes mas sem maldade.

"Só nos dão é trabalho!"

Antes de mais nada, importa dizer que não concordo que alguém que esteja a receber o subsídio de desemprego seja obrigado a fazer trabalhos não remunerados, para continuar a receber o tal subsídio. O subsídio de desemprego é um direito que assiste a qualquer pessoa que tenha descontado para tal. Já no que toca ao subsídio de reinserção, tenho opinião diferente, porque todos sabemos que existem imensas e imensas pessoas que vivem dos subsídios, sem nunca fazerem algo de útil pela sociedade. Hoje, depois do almoço, assisti a uma cena, no mínimo, caricata.  Aqui na cidade, como em qualquer sítio, existe uma instituição que fornece refeições aos mais carenciados. Além de ajudar os carenciados, a instituição também ajuda os viciados - viciados em drogas, bebida, eu sei lá... Cruzei-me então com três senhores que sei serem amigos da bebida. Passam o dia a beber e a fazer nenhum nos jardins da cidade, para ser clara. Isto não sou eu a ser preconceituosa, é um facto. Chega e

Facto

Ser mesquinho é das coisas mais feias... Deus meu... mesquinho   (árabe  miskin , pobre, desgraçado, infeliz)  adj. 1.  Que não tem o indispensável em quantidade suficiente. 2.  Que tem poucos recursos.  =  POBRE 3.  Que tem uma visão ou uma compreensão muito limitada. 4.  Infeliz, desditoso. 5.  Inspirado em sentimentos vis. 6.  De aparências ou formas acanhadas. adj. s. m. 7.  Que ou quem é muito apegado ao dinheiro ou a bens materiais.  =  AVARENTO, FORRETA, SOMÍTICO, SOVINA É. Parece que escolhi mesmo a palavra certa.

Operação "Mimos"

Cheguei a casa e vi que o mais-que-tudo está "com o toco". Está aborrecido, desmotivado, cansado, eu sei lá. Não está nos seus dias.  Posto isto, vocês dêem licença, mas vou dar início à Operação "Mimos", que consiste em chagá-lo até o ver sorrir. Até amanhã.

InstaWeek

Esta semana passou a voar, é impressionante. Muito trabalho, como se quer, e bons momentos, como se quer ainda mais. Já vos disse que sou devota à salada russa? Pirâmide gigante de salada russa, para o almoço do passado Domingo, em família. Gataria da minha mãe. Cookie e Figo. Ah... e a almofada do gato lá atrás. Pão com chouriço. Booooom. Quadros giros, na loja da mana. Coisas que a minha mãe pinta. ~ Bacalhau assado, num dos almoços da semana. A minha saia rosa. Amo-a. Coisas giras.  Lanche de Sábado. Chocolate e cenoura.  Sandálias novas. Hoje estreei-me na praia. A maré estava baixa, o namorado fez birra, só lá estive uma hora.

A manha feminina VS O sentido prático masculino

Hoje decidimos ir um bocadinho à beira-mar. O mais-que-tudo parou o carro para levantar dinheiro e eu fiquei logo a olhar para a montra de uma sapataria. Quando ele voltou, disse-lhe que ia "espreitar" a sapataria. Dez minutos depois, ele cansou-se de esperar e entrou na loja. Lá estava eu, com umas sabrinas na mão e umas sandálias na outra mão. Eu - De qual gostas mais? Ele - São ambas giras, mas são estilos completamente diferentes. Eu - Mas de qual gostas mais? Ele - Não sei! Tu é que sabes. As sabrinas são melhores para andar.  Eu - Mas no Verão eu uso mais sandálias... (agarra nas duas, esconde-as atrás das costas) Ele - Vá, direita ou esquerda. Eu - Esquerda. (Saem as sandálias) Oh... não sei! Ele - Deixa-te de coisas, queres é levar as duas. Eu - Ai não! Ele - Anda lá... Vamos embora. Eu - Não sei... Ele - Com licença! (Pega nas duas, leva-as para o balcão) Estás aí com coisas, sabes muito bem que ias acabar

Ponte de Lima

Ontem jantou-se em Ponte de Lima, na vila mais antiga do país. Jantou-se numa varanda convidativa, com uma vista bonita, e degustou-se um polvo grelhado com batatas a murro que estava impecável. Belo início de fim-de-semana. Aproveitem!

Apelo felino

Uma leitora simpática enviou-me um apelo, para ver se eu ajudava a divulgar. Tem duas lindas gatas malhadinhas para dar. Ora bem, o meu coração fica logo apertadinho e dá-me vontade de adoptar tudo o que é gato, mas não pode ser. Portanto, tenho a informar que este borrachos de gatos estão para dar. Estão na zona de Caminha, aqui no distrito de Viana, bem no norte deste nosso país. São umas gatinhas pequenotas e curiosas, como se pode ver pelas fotos. Fico a torcer para que alguém queira estas meninas. A branca já tem dono, são as duas malhaduças que estão para oferta. O email de contacto da responsável é: lages.cristina@gmail.com

Salsichas frescas

Na quarta-feira fiz salsichas frescas grelhadas. Não volto a fazer salsichas frescas. Até não estavam más, as salsichas frescas. Então por que não voltas a comprar, perguntam vocês? Porque o namorado resolveu comentar, mais do que uma vez, que pareciam a genitália de um cão. Dispenso.

Pareces um congro!

O namorado chega a casa e atira-se para o sofá. "Pareces um congro!", digo eu. "Que é isso?" , pergunta ele. "Pffff", penso eu, respondendo que é um peixe. Eu sei lá por que motivo se usa essa expressão... mas adoro-a.

Chantagem emocional

O mais-que-tudo quer um cão. Ele é uma pessoa de cães, eu sou toda pelos gatos. Ele quer um cão e eu, nestas coisas, sou bem mais racional. Sim, neste momento vivemos numa casa com quintal, temos condições, mas o amanhã é cada vez mais incerto e não quero adoptar um cão que daqui a uns tempos não poderei mais cuidar. Ele hoje disse-me "vai ver uma coisa, no portátil". Eu fui. Encontrei isto. Chantagem emocional pura e dura.

Pagar por sexo

Estava agora a ler o Shiuuuu. Fico sempre estupefacta quando leio homens a contarem de forma quase orgulhosa que foram às prostitutas. Nada contra as prostitutas, são mulheres tão dignas como outras quaisquer, apenas com opções diferentes. No entanto, sobre os homens (e as mulheres) que vão a prostitutas/os, fico sempre com aquela ideia de que não conseguem seduzir ninguém sem ter de pagar. Bem sei que não é verdade - há quem recorra a estes serviços por tara, pelo prazer de mandar, para realizar fantasias, eu sei lá... Mas contar que se foi a uma prostituta com orgulho? Poupem-me. Não é nenhum orgulho pagar a alguém para esse alguém fingir que gosta de estar connosco. Poucas gostarão efectivamente de estar com clientes... para a maioria é mesmo apenas uma obrigação.

Facto

Diz o François Hollande que Portugal não pode ser colocado de joelhos... (ler aqui ) Mal ele sabe que já estamos na posição em que a Alemanha perdeu a guerra.

Tema do dia: greve dos professores

Não pretendo escrever muito sobre a greve dos professores, porque acho que é daqueles assuntos em que todos ralham e ninguém tem razão. Entendo perfeitamente os motivos pelos quais os professores fazem greve (apesar de ser da opinião que deveriam ter 40 horas de trabalho semanal, a serem cumpridas na escola), mas também entendo que os alunos são a prioridade. Ou deveriam sê-lo, sempre.

O pecado da gula

Ao fim da manhã, resolvi comprar um pão com chouriço, com mais uns colegas. Estava quentinho, bom como tudo. Deus castiga os que sofrem de gula, consegui espetar um pedaço da crosta do pão nas gengivas. Dói-me.

Fotografias mostram Nigella Lawson (a senhora da culinária) a ser agredida pelo marido

O Daily Mirror revelou as fotografias. Durante um almoço, Nigella Lawson discutiu com o marido e ele, além de gritar com ela, repetidamente lhe atirou a mão ao pescoço. Deus meu, até fiquei arrepiada. As imagens falam por si, o ar aterrorizado dele revela tudo. Este homem estava bem era morto e enterrado sete palmos abaixo da terra. Pobre mulher. Felizmente, as últimas notícias indicam que ela já abandonou o lar.

Instaweek

No feriado, passeou-se à beira-mar. Foi um dia de puro descanso.  Quase lasanha... Carne picada, molho de tomate, tomate fresco e beringela. Queijo magro em cima.   Detalhes da semana. Rosas do meu jardim. Feira Medieval na cidade. Di Casa, em Vila Nova de Gaia. O restaurante escolhido para o aniversário da L. Desconhecia, fiquei fã. Espaço bonito, elegante, comida booooa. Eu e a minha nova saia. Adoro-a.

João Moura Jr.

Anda por aí uma polémica sobre um grande idiota (e não me coíbo de o dizer, é mesmo um grande idiota!), que diz que é toureiro e que diz que tem cães. Então ele achou super lúcido e sensato postar umas fotografias no Facebook, onde se podiam ver os seus cães a ferrar uma pobre vaca. Diz ele que os cães não estavam a ferrar a vaca, que foi uma situação única e um acidente. E como acidente que foi, ele - esperto que dói! - resolveu fotografar o grandioso momento e, num rasgo de genialidade, partilha-me o raio das fotografias no Facebook. O chato é que uma associação de animais deu por ela. O chato é que o asqueroso do senhor agora anda a ser insultado em tudo o que é lado. O chato é que ele, tão armado em macho que até fura touros, não tem tomates para assumir o que fez e arranja desculpas ridículas. Só por causa das coisas, o Bruno Nogueira dedicou um "Tubo de ensaio" a este senhor.  João Moura Júnior, o pior amigo do homem , ouçam. Se querem saber mais so

Friends

Quando este post for publicado, estarei a caminho do Porto, a caminho das minhas melhores amigas e do amigo Tiago. Somos apenas 6, mas somos muito bons. O mestrado já terminou há dois anos e continuamos irredutíveis nesta amizade. Hoje celebramos o aniversário da L., que fez anos no mesmo dia que o meu rapaz. Hoje a noite será marcada por um jantar italiano, muitos risos, muitas inconfidências, e muita amizade. Fora isso, tenho de conduzir no Porto... e eu odeio conduzir no Porto. É para lá de enervante! Bom fim-de-semana!

Grrr

O problema da minha relação é que somos os dois pessoas de fortes convicções. Ele é obviamente convicto, eu tenho este ar de pata choca mas ainda sou mais convicta do que ele. De vez em quando dá-nos para discutir sobre aqueles assuntos mais complicados que o decifrar do sexo dos anjos... E acabamos sempre pegados. Irra.

Dos elogios

Quem não gosta de ouvir elogios? Eu, por exemplo, não sou pessoa de elogiar ninguém. Tenho a melhor irmã do mundo, a mãe mais amiga de sempre e o melhor homem que poderia pedir, mas nunca digo nada a ninguém. Pronto, já disse. E agora, é hora da jantarada. Hasta!

Parabéns my love!

O Homem da Minha Vida faz hoje anos. 33 anos.  Espero ter a oportunidade de passar pelo menos os próximos 33 anos ao lado dele. Ou os próximos 66, que se é para pedir, há que pedir em grande! Amo-te. Ontem, hoje, sempre, para sempre.

Carinho

Gosto quando ele me pisca o olho e me manda um beijo pelo ar, a propósito de nada. E só por causa disso, vou colocar o avental e tratar da carne, da sobremesa, das entradas e tudo mais. O estuporzinho foi ensaiar com os amigos, mas foi ameaçado de morte caso não estivesse à minha beira às 23:30. Sim, eu sou das que faz uma festa à meia-noite.  Boa noite, eu vou cozinhar.

S* vibrante

Ele não liga nenhuma a estas coisas, eu ando frenética com a organização do jantar de aniversário dele. Prendas todas compradas, comida comprada - falta preparar, que é o pior. E ainda tenho de saber o que vou arranjar para o pequeno-almoço do dia 12...  Vibro com estas coisas!

Dia de Portugal

O Google mais lindo, que homenageia aquilo que é nosso, aquilo que é português. Eu bem sei que este nosso país à beira mar plantado tem os seus defeitos, bem sei que a vida não é nada fácil, mas tenho muito orgulho de ser portuguesa. Adoro as nossas tradições, aplaudo a nossa solidariedade, o saber receber e a nossa humildade (não confundir com subserviência). Gosto do nosso país unido, simples mas orgulhoso, cheio de sol e de mar. 

InstaWeek

Detalhes da semana. A segunda-feira foi assim. Um final de dia perfeito, com passeio à beira-mar, esplanada e jantar a dois.   Uma das malas da semana. Salada mista, que continuamos com os almoços saudáveis (os jantares é que são pecado). Omelete e salada.  Almôndegas de peru, bem boas. Colar da borboleta.  Uma pechincha, que eu sou fã de pechinchas. Cada uma, um euro. Onde está o Fred? Alguém sabe onde é que ele se escondeu? Decoração linda do bar onde os Chain Halter (banda do meu rapaz) actuaram, em Amares. Pecado de Sábado à noite, na companhia de uma blogger sorridente. Prego na caçarola, uma coisa estupidamente boa. A Ana Martins comeu uma salada, daí estar jeitosa!  Comprei uns cordões com este gato giríssimo, o Cheshire Cat.  Ficou um espectáculo.