Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Setembro, 2019

Agora, SIM!

Foi o dia mais feliz de todos. Um lindíssimo dia de sol, uma quinta que nunca desilude, bom ambiente, família e amigos felizes. Infelizmente, consegui cometer o pecado de apagar todas as fotografias que tirei (sim, que eu tiro fotos, mesmo com fotógrafo contratado), mas ficam algumas publicadas por mim e por amigos nas redes sociais. Obrigada a todos e todas pelo carinho demonstrado. O ramo. Alegre, colorido, simples... como eu! Preparativos. Casada! Não poderia pedir melhor. O vestido! O corte do bolo.  Agora, vamos lá para seis dias de passeio. OBRIGADA!

Happiness lives here!

É hoje.  As minhas colegas gozam e dizem que é o evento do ano. Não será caso para tanto... Mas promete ser um dos dias mais felizes da minha (e da nossa) vida. Até vamos ter uma coreografia ensaiada para abrir o baile - coisa que nunca na vida imaginei fazer.  Vamos lá ser felizes?

Memórias

Deve ser por estar perto de casar e infelizmente não ter a minha avó comigo que, ao ver a caixa de comentários aqui do blogue (o forrobodó habitual), pensei... Caramba, eu realmente devia ser mais como a minha avó. Era uma senhora. A minha mãe disse-nos algumas vezes (e era verdade) que a minha avó não tinha estudado grande coisa, nem tinha tido profissões que exigissem grande intelecto... Mas era uma senhora. Sabia estar em todos os momentos, nas mais variadas situações, com qualquer tipo de pessoa, independentemente do nível de formação. Se não tinha nada a acrescentar ou não percebia de um assunto, remetia-se ao silêncio, sempre educada e serena. Sempre com uma postura correcta, uma presença discreta, um rosto tranquilo. E é assim que pretendo ser, cada vez mais: serena e polida. Ela havia de ficar muito contente ao ver os dois filhos, os três netos e os quatro bisnetos assim felizes.

Esta tranquilidade...

Que é saber que dentro de cinco dias vais casar com o amor da tua vida. Tenho 30 anos. Estamos juntos há quase 9 anos. Praticamente um terço da minha vida ao lado da mesma pessoa. A pessoa a quem conto tudo, a quem tudo confidencio. O meu melhor amigo, o meu companheiro, a minha pessoa favorita.  Passamos a vida pegados. Estamos constantemente às turras. Somos tão diferentes que até dá nervos... Mas estamos de acordo nas coisas mais fundamentais de todas.  É o amor da minha vida e, apesar de nada nervosa, começo a ficar ansiosa por tornar-me sua mulher. No papel, vá. Na vida, já sou há muito. 

Facto

Quer no grupo de amigas do mestrado, quer no grupo de amigas do trabalho, existe um elemento que gosta de experimentar restaurantes inovadores, diferentes, com comida mais moderna e um ambiente mais 'cool'. Eu? Eu sou sempre a que só quer comer uma francesinha.

Vaidades friorentas

As castanhas! As pretas! As amarelas, coisa mais fofa. Ou as cor-de-vinho (que aquilo não é vermelho). As verdes. Num dia de Verão com aspecto de Inverno, já só penso nas botas novas que gostaria de comprar. Gostaria.

Netflix

E ao fim deste tempo todo, lá aderimos à bendita (ou será maldita?) Netflix. Primeira temporada da "You" já cá canta. Que nervos de série. "La Casa de Papel" estamos a ver a dois... Demora mais a ver, porque só conseguimos ver à noite, depois do pequeno adormecer - o que nem sempre corre às mil maravilhas. Já vi o filme "Obsessão Secreta" numa noite solitária, em que o senhor meu futuro marido teve despedida de solteiro.  Só queria ter tempo para ver tanta coisa boa que a Netflix tem para mim! Apenas lamento o facto de não estar actualizada no que toca às duas séries que ando a seguir - "Rainha do Sul" e "How to get away with murder". Bons filmes que me aconselhem? Séries é mais complicado... Falta-me disponibilidade.

Rola e voltar a rolar...

Bom, a brincar, a brincar, desde 1 de Janeiro deste ano já perdi 10 quilos. Eu não noto assim grande coisa, embora repare que as roupas me ficam mais folgadas e toda a gente me diga que perdi 'uns bons quilos'. A verdade é que não custou nada, nem me privei de nada. Optei por fazer jejum intermitente em 5 dias por semana (não como entre as 21h00 e as 13h00) e a comer 'normal' (sem ser muitooo excessivo) no período em que posso comer. Aprendi foi mais a compensar... Se abuso ao almoço, ao jantar opto por legumes ou fruta. Se abuso ao jantar, no dia seguinte jejum intermitente sem qualquer falha (muitas vezes, falho, porque tomo um pingo directo de manhã...). Se vou virar pessoa hiper mega saudável no que toca a escolhas alimentares? Claro que não. As francesinhas, as torradas, os queijos, as lasanhas, os panados e os 'cordon bleus' desta vida são demasiado importantes para mim.

Mudar, 'a gente' não muda a decoração da sala...

Mas fazemos cada carrinho virtual de compras... Secretária e cadeira Kullaberg. Mesa extensível Ekedalen. Cadeira Odgen. Móvel de TV Besta. Combinação de portas e prateleiras Besta. Mesa de centro Ypperlig. IKEA, I love you.

Insta last MONTHS

Continuo a tirar muitas fotografias, mas já não publico assim tantas vezes nas redes sociais, pelo que tenho vindo a adiar esta compilação de registos do Instagram. Tem sido um Verão de muita diversão, muita experiência nova para o pequeno cá de casa. Ele é um festeiro, adora música, dança, carrosséis, luzes e animação de toda a cor e feitio! Ah e tal, isto agora é só fotos da criança... Pois! Eu digo que não, eu digo que não, mas depois viro verdadeira mãe galinha.  Primeira Feira do Livro. Aguentou perfeitamente 45 minutos de representação. Agora já pede para que lhe contemos histórias. Adora "Os três porquinhos" e "O Capuchinho Vermelho".  Um verdadeiro peixe na água... Aquela alegria de ir ao parque ao final do dia. Pausa nas fotografias do pequeno. Este meu amor, o meu Dom Pirata, chegou aos 6 anos de vida. Que privilégio poder ser a 'mãe humana' deste cão. Piqueniques. Adorou o conceito! Visita aos dinossauros..

Está quase!

Vamos casar a 28 de Setembro. A brincar, a brincar, faltam menos de quatro semanas. Acredito que vai ser um dia muito feliz e mega relaxado e o meu único stress é pensar que, pela primeira vez na vida, o meu pequeno não vai fazer a sua sesta da tarde. É a única coisa que me enerva e se alguém tiver dicas, eu ficaria muito agradecida. Não tenho problemas nenhuns em quebrar a rotina dele apenas um dia, mas sei que se não dormir, irá ficar birrento, mauzinho, chatinho... E é a minha dor de cabeça principal saber que isto vai acontecer! Também é o dia do Baptizado dele e gostava mesmo que estivesse bem... Mas o baptizado inicia às 15h00, segue-se o casamento civil... Se o pai não o conseguir pôr a dormir de manhã (o que nunca acontece!), temo pela nossa sanidade mental. Venha de lá o dia! Tenho a certeza de que vai correr tudo bem e, se não correr, paciência. Desde que tenha a família e os amigos reunidos, estará sempre tudo perfeito.