Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Abril, 2011

L-o-v-e

Depois de trabalhar até à meia-noite ontem, vou tirar o fim-de-semana para namorar. Uau, que coisa diferente e original, não é? Nunca namoro ao fim-de-semana. ahahah

Por falar nisso, é bom que aproveite. Até 5 de Junho, vai haver trabalho comó caraças.

Aproveitem!

Outra coisa sobre o casamento real

Que raio é aquilo que as princesas enfiaram na cabeça? Certamente não são chapéus.
Imagens retiradas do blogue Hoje vou casar assim (nome perfeito, ah?).

Sobre o casamento real

Só tenho a dizer que a Kate ia linda linda. Não ia simples, ia realmente elegante. Não sou nada a favor de espalhafato no casamento. A renda é maravilhosa, bem como a tiara e a roda do vestido. Adorei. O William também ia muito bem apessoado, ia sim senhora.

Amo-o porque...

Apesar de gostar de me arranjar, de me produzir, sei que ele me acha igualmente bonita mal acordo, com o cabelo desalinhado, com os pijamas de menina e com os olhos tipo-panda por não ter tirado a maquilhagem toda na noite anterior. É bom aninhar logo ao acordar, ali quietos, abraçados, em momentos só nossos.

:)

Aumentaram - e muito - as minhas responsabilidades/competências no trabalho. Estou contente para caraças. Bom saber que confiam em mim.

Como poderia resistir à tentação?

Aí vem mais uma. Mais pequeno do que o habitual, o novo modelo de alcofa é maravilhoso. Já encomendei, para mim. Acho que é a minha tara para esta Primavera/Verão, que hei-de fazer?
Também já pedi à Carolina Bernardo que fizesse uma mini-alcofa para a minha mãe, que faz anos agora em Maio. Mais discreta, visto que é para uma senhora de 50 anos. Ansiosa por ver o resultado.
Quando virem uma rapariga toda vaidosa com uma cesta no braço, sou eu. :D

Gosto I (muitos mais virão...)

Gosto de ti, pela forma como me tratas. Pela forma como olhas para mim, como se quisesses ler-me. Da forma como entrelaçamos os dedos, a toda a hora. Da forma despreocupada como vivemos, sem pensar muito nas coisas, sentindo mais. Gosto da forma como falas, adoro ouvir-te falar, conhecer-te dia após dia e apaixonar-me por cada pedacinho teu. Gosto de te ouvir rir ao telefone, de me rir só por te ouvir e aninhar-me na almofada a pensar quão feliz sou. Gosto de te contar tudo e de saber poder confiar em ti. Gosto de te confidenciar coisas minhas e de me sentir à vontade em qualquer circunstância. Gosto da força como me abraças, de te cheirar o pescoço quando estás próximo, de me agarrar aos teus braços.

Gosto de achar sempre pouco quando dizes que me adoras. Adorar é pouco, não é? Amar é tão melhor...

Depois de 20 dias a adiar

A inventar desculpas, a "deixar para amanhã", voltei à tese.

Dez artigos lidos e resumidos.

Ah, que bom, já só faltam aí uns 100. Depois, só falta pegar nos mais de 200 artigos que tenho e compilar tudo, tentando que façam sentido e que não fiquem a parecer uma mixórdia. Que alegria. :(
Ele a comer um Magnum, eu a enfardar um crepe com gelado, chantilly, banana e chocolate quente. Esta tarde, esplanada, sol, eu e o meu amor.

Amanhã volta-se ao mundo real. Mas deixem-me estar, ainda que só mais um bocadinho, no meu mundo de sonho. :)
Somos tão compatíveis que me parece impossível não darmos certo. Oh pra mim, toda apaixonada.

Olhó cupcake minhoto!

Entrega especial cá em casa. Entraram 11, sobraram 3. Em dez minutos, que não brincamos em serviço. De chocolate, framboesa, limão e manga. Muito bons.

Da Pastelaria Jardim.

No Minho

Vistas de Cerveira


Quando dizemos que vamos ver o rio mais de perto, vamos mesmo mais perto...
Cerveira - centro
Caminha - centro

O São Pedro ajudou e permitiu um passeio entre Vila Nova de Cerveira e Caminha. Lindo.

Ai está a chover? Who cares?

Da Freya.

Hoje foi dia de escolher o biquíni deste Verão. Com o mesmo corte do que comprei no ano passado, que é para a marca do sol ser sempre igual, independentemente do biquíni que usar.

Acreditem em mim quando digo que me fica tal e qual.


Tenho para aí mais quinze quilos, mas fica tal e qual. ahahahah

Ganso tornou-se guia de cão cego na Polónia

"Buttons, um ganso fêmea de quatro anos, tornou-se o amigo inseparável de um boxer cego. Segundo a edição inglesa do jornal Metro, Buttons conduz Bak para todo o lado, quer colocando o seu pescoço por cima dele, quer grasnando para que ele saiba para onde ir.Renata Kursa, de 47 anos, residente em Lublin, na Polónia, ficou destroçada quando Bak ficou cego, devido a um acidente de viação, no ano passado. "Mas, gradualmente, Buttons começou a tomar conta dele e a passear com ele por todo o lado. Agora, são inseparáveis e até perseguem o carteiro juntos", conta."

JN

Os bichos, sempre a surpreender. :')

Quatro dias de férias

Quatro dias para descansar e não fazer a ponta de um corno.

Só num dos dias vou ver o meu amor.

Pronto, assim de repente, perdi o ânimo. Lamenta-se, mas dia sem ele não é dia de jeito.
Ando com trabalho comó caraças,

O namorado está comigo,

Portanto, não é de estranhar que ande meia desaparecida. ;)

Objectivo: Poupar

Fui habituada, desde pequena, a ter o meu dinheiro. Na escola primária, davam-me duzentos escudos por semana. Tinha de gerir aquele dinheiro. Ou o gastava logo todo a comprar um brinquedinho qualquer, ou dividia e ia comprando gomas e chicletes durante a semana. Geralmente, dividia.

Quando entrei para o liceu, recebia 10 euros por semana. Visto que almoçava todos os dias em casa, o dinheiro chegava-me. Era para lanchar qualquer coisa e quando queria carregar o telemóvel, olhava com olhos de carneiro-mal-morto para a tia.

Hoje em dia, sou uma pessoa que sabe gerir o seu património. Nunca me deram muito, por isso sempre soube gerir. Nos próximos meses, o meu objectivo é ir juntando dinheiro para poder ir para a beira do mais-que-tudo no fim do ano. Uma causa digna de todo o empenho. Comecei hoje. :)

DGES

A Direcção Geral do Ensino Superior anda uma fofura. Não me paga desde Janeiro mas agora mandou-se uma sms (nós somos assim, muito tu-cá-tu-lá) a dizer que me pagou os retroactivos. Ontem pagou-me Abril, agora os retroactivos.

Ora bem... Eu penso... Setembro, Outubro, Novembro, Dezembro, Janeiro, Fevereiro e Março... 7 meses. Acendam uma velinha. Quero ver quanto me pagam. Isto de fazer um mestrado não sai nada barato. 130 euros por mês só de propinas. Fora as viagens, fora os livros, fora o resto.

Leituras

Há quase duas semanas que tenho aqui um livro para ler e ainda nem vi a primeira página.

"La sintaxis de la imagen - Introducción al alfabeto visual".

Convenhamos... não parece o cúmulo do interessante.

O meu amor

É a melhor coisa que me aconteceu na vida. A força de um olhar, aliada ao calor do entrelaçar dos dedos, misturada com o cheiro que adoro. Se muitas vezes esquecemos o que nos rodeia? Sim. Adoro que assim seja.

Da Família

Hoje o mano mais velho faz anos. Tem muitos defeitos, é um irresponsável do caraças, mas é meu irmão e eu gosto muito dele.
Hoje vamos ter jantar de família. Adoro os jantares de família. Todos reunidos à mesa, a comer até rolar, a rir, a conversar de tudo e de nada. A minha mãe, sempre tranquila, a zelar pelo bem estar de todos. A minha avó, calma e discreta, mas com um riso contagiante. O meu tio, o meu porto de abrigo, sempre a dizer mal do Socas. A minha tia, a querer comandar as tropas, a dominar os cozinhados e a querer lavar a louça logo depois do jantar. A minha irmã, que é a única que percebe todas as minhas piadas. O meu irmão, que à mínima hipótese volta para os braços da eterna namorada: o computador. O meu amor, ao meu lado, como deve ser.
Perfeito.

Irritantezinho

Ligar a um senhor, por causa de uma notícia mesmo-mesmo importante. Ah e tal, eu ligo-lhe daqui a 15 minutos. OK, certo. Ao despedir-se, já diz que liga daí a 20. Ok, certo.
Ligo de volta mas rejeita a chamada.
20, 25, 30, 35, 40 minutos... grrrrrrrrrrrrrrrr!
Adenda: Assunto resolvido. ;)

4

Gosto de ficar embevecida a olhar para o melhor namorado do mundo: o meu. Lamenta-se, mas deste título eu não prescindo. É o meu e mais nada.
Já vos disse que ele vem hoje para a minha beira e vamos ter quatro (quatro!) dias juntos seguidos? Oh pra mim toda feliz. :D

:)

Bem sei que não és grande fã de telefonemas mas, depois de um dia de trabalho, não há nada melhor do que ouvir a tua voz.

Dramas de uma tese (ou alegrias)

52 páginas de tese. 52.

Visto que a tese tem de ter entre 50 a 100 páginas e eu já tenho 52, não estou nada mal. 52 páginas apenas no capítulo do estudo de caso, que é como quem diz, da análise propriamente dita. Sem capa, sem introdução, sem os dois ou três capítulos que faltam, sem conclusão, sem bibliografias.

Vai-se a ver e até vou ter de cortar. Que orgulho. :D

Piadinhas

Sim, de vez em quando faço piadinhas de teor sexual. Rio-me imenso sozinha com a minha própria piada. O namorado ainda é melhor do que eu a fazer piadas do género.

Facebook (update)

Cheguei ao Facebook. Como página, como mandam as regras. Não, minha plebe, vocês não podem ser meus amigos... Têm de ser meus fãs! Não é para quem quer, é para quem pode... :P

Já tenho 50 fãs, para que conste. Inchada como um peru na véspera de Natal.

Da falta de noção

Agorinha, no telejornal da TVI, uma reportagem sobre família endividadas.

O homem recebia 1259 euros do subsídio de desemprego (irra!!), a mulher recebia cerca de 700 euros por mês... E queixavam-se de falta de dinheiro para pagar as dívidas. Diziam que os 700 da mulher eram todos para pagar dívidas.

Claro que tenho pena de qualquer pessoa que se veja em aflição. Uma pessoa planifica a sua vida, faz créditos de acordo com as suas possibilidades e depois o desemprego corta-lhes as bases. Mas TVI, quando quiserem mostrar pobrezinhos, mostrem pobrezinhos. Isto até é gozar com quem não tem dinheiro para as coisas básicas.

Química

Química. Fundamental. Se existir, pode unir imenso o casal. Se não existir, pode destruir uma relação. Química, desejo, vontade, empatia sexual. Todos sabemos que as actividades entre os lençóis não são a coisa mais importante, mas são capazes de enriquecer qualquer relação. Uma mistura de sal e pimenta que intensifica o sabor da refeição. Como li nos comentários, quanta mais química, mais física. ;)

Para quem já perdeu um amor

I heard
That you're settled down
That you
Found a girl
And you're
Married now

I heard
That your dreams came true.
Guess she gave you things
I didn't give to you

Old friend
Why are you so shy?
Ain't like you to hold back
Or hide from the light

I hate to turn up out of the blue uninvited
But I couldn't stay away, I couldn't fight it.
I had hoped you'd see my face and that you'd be reminded
That for me it isn't over

Never mind
I'll find someone like you
I wish nothing but the best for you too
"Don't forget me," I begged
"I'll remember," you said
"Sometimes it lasts in love
But sometimes it hurts instead."


Adele - Someone Like You

E porque eu sou da opinião de que as pessoas não devem guardar rancores.

Bem sei que é arrogância...

Mas pergunto-me se alguém terá um amor tão bonito como o nosso. Somos tão um do outro que um dia sem ele parece uma eternidade.
Vou para a beira do meu amor.

Tentar abstrair-me da porcaria de ambiente que se instalou cá em casa.

Bom fim-de-semana *

Solução

No dia em que um homem que não me é nada, não é meu familiar, não é meu amigo, não me é nada, me ameaça e caminha na minha direcção, dentro da minha próxima casa, para me bater, só havia uma solução: ou saía ele ou saía eu.

Saiu ele.

Vamos ver por quanto tempo... o amor é mesmo mesmo mesmo cego... :(

"Cafézinho"

À quantidade de saídas para "cafézinho" que esta gente faz durante o horário de expediente, não admira nada que o trabalho fique por fazer...
Bem sei que tive a maior sorte da minha vida no dia em que te conheci. Faço questão que o mundo inteiro saiba que te amo.

Um presente a ti mesma por dia...

Não sabes o bem que te fazia. :)

É pena fazerem-me calor nos pés. Mesmo com os buraquinhos, os raios fazem calor.

Gosto

Gosto de enroscar contigo ao acordar.

Gosto de esplanadas em dias quentes.

Gosto de Magnum.

Gosto da minha cesta e dos elogios que lhe fazem.

Gosto dos teus ombros, dos teus braços, das tuas mãos, da tua boca, do teu pescoço, da tua barriga, da tua voz, do teu sorriso.

Gosto das minhas mãos, especialmente quando te tocam.

Gosto dos dias solarengos.

Gosto da minha família.

Gosto dos meus gatos e adoro o teu cão.

Gosto de manhãs como as de hoje, em que acordo contigo.

Gosto de trabalhar muito.

Gosto da minha vida.

Gosto ainda mais da minha vida desde que te tenho.

Para dizer a verdade...

A orientadora de tese disse que está "muito contente", que tenho a tese "quase feita" e que até apresentou o meu nome para dizer aos restantes orientados que têm de se esforçar. Um exemplo a seguir, eu. Uh huh

Só por causa das coisas, vou ver o mar mais o namorado. Nós gostamos muito de ver o mar. Especialmente à noite.

Porto

Hoje vou ao Porto, reunir com a orientadora, mostrar-lhe o que já tenho feito da minha tese. Espero que ela goste, que me diga que estou no bom caminho... e se não estiver, agradeço que me avise já.
Vou apanhar Sol, passear pelas ruas, sentar na biblioteca a ler artigos, esperar pelo fim do dia, para voltar aos braços do meu amor.

Isto anda um regabofe, têm sido mais os dias em que nos vemos do que aqueles em que não nos vemos. :D

Da vaidade e do Amor

Fico muito vaidosa quando sei que vou estar contigo. Uma vontade imensa de querer estar linda para ti. Vestir aquele vestido preto que sei que gostas, dar atenção a todos os detalhes, arranjar as unhas na perfeição. Sou muito feminina, sempre o fui, mas adoro sê-lo ainda mais contigo. O teu sorriso rasgado sempre que me vês é a melhor recompensa.

Sunshiny day

Que bem me sabe andar de blusa de manga curta, a minha cesta lindona (que se calhar não se usa, mas eu uso e adoro :] ) e os óculos de sol.
Por falar nisso, sabem porque é que se usam tanto os óculos de sol?
É que de óculos de escuros, ninguém parece feio. A não ser que escolham os desapropriados ao vosso rosto, ficam sempre valorizados. Ora estejam atentos, a ver se eu não tenho razão.

:)

Hoje tenho-o aqui, a passar o resto do dia comigo. Maravilhoso poder sair do trabalho e almoçar com ele. Rir-me com as palhaçadas, ouvir as preocupações, partilhar o dia-a-dia. Quero muito, muito, poder criar rotinas diárias com ele.

Das evoluções

No início, quando nos conhecemos, tinha de ter muito cuidado sempre que entrava no carro dele. Basicamente, não devia bater a porta com demasiada força. Não devia encostar-me ao carro, não fosse riscá-lo. Parece que também existia a proibição de beber sumos no carro, para não sujar.

Agora já lhe passou.

Já não respeito as regras. Aproveitei a viagem para retocar o verniz e tudo. Entornei-lhe o frasco de verniz cor-de-rosa no carro, sujei-lhe o telemóvel e ainda ouvi um "Não faz mal amor".

A minha preocupação maior foi ter sujo a minha pochet nova. Isso sim, um real drama.

Esclareçam-me

Estava eu aqui toda vaidosa, a informar o mais-que-tudo de que vou usar a minha cesta giríssima e ele sai-se com:

"*desculpa a frontalidade... :)...
*mas usa-se uma cesta no dia-a-dia?
juro que pensava que era para praia ou para piqueniques..."

Usa-se, não se usa? É que eu acho que usa. Nem vejo qual o problema de querer usar uma cesta, desde que esteja sol e bom tempo.
Venho só informar que apesar de estar um tempinho nojento, frio, nuvens cinzas e coisa e tal... o meu mundo brilha mais que nunca. :)


Sexta-feira à noite

Sexta-feira, noite livre para cuidar de mim. Preparar o meu saquinho, para o fim-de-semana. Tratar das unhas das mãos e dos pés, usar um verniz cor-de-rosa forte. Banho demorado, arranjar o cabelo, pôr-me bonita para mim... e para ele, claro está. Ah, a manteiga de cacau da Vasenol cheira estupidamente bem. Tornei-me fã em dois segundos.

Vou ali cuidar de mim. E amanhã lá vou eu, para o Porto, para os braços dele, ver o Boavista, que já é um hábito. Tratar de ser feliz. :)

Bom fim-de-semana *

Nunca fui grande amiga dos números...

Mas 437.000 visitas depois,
Uma média de 1300 visitas diárias,
E 1200 seguidores,

Muito obrigada. :)