Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Outubro, 2010

She's always a woman

É por isto que o novo anúncio da Calzedonia está lindo. She can kill with a smile She can wound with her eyes She can ruin your faith with her casual lies And she only reveals what she wants you to see She hides like a child, But she's always a woman to me Vou só ali namorar um bocado. Amanhã volto. :)

O drama, a tragédia, o horror

Irritante tanta centralização das atenções na capital. Irritante que tratem o país como se fosse só Lisboa, valorizando apenas uma cidade, em detrimento de todas as outras. Chove em Lisboa, é o fim do mundo. Lisboa tem inundações, é o fim do mundo. Abre-se o telejornal com cheias em Lisboa. Fantástico, tirando os lisboetas, quem é que é afectado por isso? Eu não sou. Podem dar a notícia, mas 20 minutos de notícias sobre chuva em Lisboa é exagero. Querem ver que aqui em Viana está um tempinho de Verão e ninguém me disse nada? E nas vossas cidades, estão como se estivessem nas Caraíbas, é? O resto do país também conta, senhores jornalistas.

Hachiko

"O filme é baseado na história verídica de um cão. Hachiko costumava esperar sempre pelo seu dono, um professor na Universidade de Tóquio, na estação de comboio de Shibuya. Mesmo depois do professor falecer, o cão continuou todos os dias à espera na estação, durante cerca de dez anos, até que morreu em 1935. Os japoneses ficaram tão sensibilizadas com esta atitude que construíram uma estátua de Hachiko e colocaram-na na estação onde ainda hoje é um dos mais populares pontos de encontro. " Com o Richard Gere - que adoro - e o cão mais amoroso. Resultado final: Choramos todos. Absolutamente lindo.
E aquelas criaturas irritantes que acham que sabem tudo? Valha-me Deus... Deus me dê paciência. E me dê forças para manter a boca calada e não lhe dar duas ou três respostas bem dadas.
Mas que coisinha de mau gosto... Anda aí pelas ruas, nos outdoors. O senhor até pode ser jeitoso - não lhe tiro o mérito - mas a posição frango de churrasco não o favorece. Nem o óleo corporal em excesso. Uma marca tão conceituada merecia uma coisa com mais brio.

E a questão que se impõe é...

Deram-me a conhecer a situação. Nas Perguntas Frequentes do site do Ministério das Obras Públicas, Transportes e Comunicações, lê-se: ´ Em que consistem as isenções e descontos? "As populações e empresas locais abrangidas terão direito a isenção nas primeiras 10 viagens mensais e a um desconto de 15% nas viagens mensais seguintes, na respectiva concessão. A passagem sob dois ou mais pórticos sucessivos conta como uma viagem , desde que o veículo faça o percurso no intervalo de tempo expectável face à distância a percorrer e às velocidades aplicáveis na via." Aqui , página 7. É de mim ou um pórtico não deveria contar como uma viagem? Então porque é que há gente a pagar?
As minhas semanas são passadas a contar os dias que faltam para o fim-de-semana. Por todos os motivos e mais alguns. Pelo descanso, pelo dormir até tarde, por ele. Domingo. Já só faltam dois longos dias para passar o dia (e a noite... cof cof cof) com ele.

Critérios

Há gente que escolhe o café que frequenta pela proximidade. Outros há que escolhem pela simpatia dos funcionários. Pelo ambiente. Pela decoração. Pelo facto de ter internet à pala. O meu critério de selecção é um bocadinho diferente. Vou aos cafés que têm grande variedade de bolos.

Dos casamentos

“Sabes quando a música começa e a noiva faz a grande entrada e todo mundo se vira para a olhar? Eu olho para o noivo, porque o rosto dele diz tudo, sabes? O amor puro. É disso que eu gosto”. Jane Austen no filme "Vestida para Casar" Roubada do blogue do J.J . Fotografia fabulosa de Marianne Taylor.
Meti este sacaninha na orelha, para ver como fica - pretendo usar no casamento. São ouro. Velhinhos, velhinhos, a minha avó diz que os comprou para a sua mãe quando era jovem... logo... têm mais de cinquenta anos. E agora o raio não me sai da orelha. O encaixe é esquisito e não sai nem por nada. Se puxar, parte. Se não puxar, fico com o brinco enfiado na orelha até Sábado. Nice. Adenda: Já saiu, depois de intensos esforços por parte da minha mãe.
Agora diz que era brincadeira. Que vai ser ele a comprar-me a prenda. Não sei se isso é bom ou mau. Esperar pra ver!

Conversas entre o casal I

Faço anos dia 8 de Novembro. Disse-o ao meu namorado. "Ah então tenho de te comprar uma prenda!" Uma pessoa fica com aquele sorrisinho parvo... errrr... ter não tens, mas também não te ficava mal. "Sem problema, peço à minha amiga X para escolher". Ressalve-se que é uma amiga que esteve comigo apenas uma vez. ??? PS: Não sei porquê mas desconfio que a rubrica "Conversas entre o casal" vai ter pano para mangas...

Talentos

Sou quase tão boa a falar de forma frenética como sou a comer. Quase. A comer ainda consigo ser melhor. Mais rápida e em maior quantidade.

Mal geral dos homens ou do "meu" em particular?

Será que é assim tão difícil perceber que podiam mandar mais que uma mensagem escrita por dia? Ok que trabalho é trabalho. Mas não me digam que não têm um... dois... meia dúzia de minutos livres para escrever qualquer coisa, já que telefonar é complicado. Estou mal habituada, é verdade verdadinha. Ou bem habituada.

Como calar um puto irritante

Miúdo irritante azucrina a paciência de toda a gente - Blá blá blá... e eu quero fazer, eu posso fazer... Eu tenho direito! Pai já bastante enraivecido - Daqui a pouco espeto-te uma chapada e ficas também com o esquerdo. Impagável. Foi o momento da noite.

Da defesa

Ele diz que eu posso parecer fria se nunca digo a ninguém o que sinto. Eu digo que sou tão, mas tão emotiva que preciso de sentir que me querem mesmo antes de me permitir entregar-me. É capaz de ser egoísta. É ainda mais capaz de ser uma defesa.
Não é por nada, mas qualquer pessoa que se cruze connosco consegue topar - a milhas - que somos um casal apaixonado.
Daqui a uma hora tenho-o aqui comigo. Este nervosismo, esta ansiedade, este não-quero-esperar-nem-mais-um-minuto... O que andei a perder nos últimos dois anos...

Isto sim, parte-me o coração

Repórter português perdeu pernas ao pisar mina no Afeganistão O fotojornalista João Silva foi, este sábado, gravemente ferido, no Afeganistão, vítima de uma mina. O repórter viu o "Pesadelo" das guerras do Mundo. Viu "formas penosas de viver e de morrer". Hoje, o fotógrafo do jornal "The New York Times" vive o pesadelo. Pisou uma mina e ficou com ferimentos graves nas pernas. Tudo aconteceu hoje, quando acompanhava as tropas norte-americanas perto da cidade de Arghandab, no Sul do Afeganistão, ao serviço do "The New York Times". Foi o jornal que avançou a notícia, dando conta de que João Silva foi transportado para a base da NATO de Kandahar, onde foi submetido a uma cirurgia, na qual os médicos não conseguiram evitar a amputação das duas pernas por altura dos joelhos. Os médicos aguardavam que o repórter recuperasse positivamente para ser evacuado para um hospital norte-americano na Alemanha. JN

Da hipocrisia

Tenho um casamento dia 30 de Outubro pelo que, como é normal nas mulheres, tentei marcar cabeleireiro para esse dia. Pois quê amiga! Tudo ocupado. Sabiam que os cabeleireiros estão atolados de marcações porque dia 1 é Dia de Todos os Santos? Sabem que as senhoras vão arranjar o cabelo para ir ao cemitério arranjar as campas? Que coisinha patética.

Muda-se a estação...

Mudam-se os sapatos. Logo, muda-se a imagem. Desta vez quero ver se dizem que só calço sandálias à gladiador. São da minha irmã, é certo. Mas eu também uso. É um hábito, desde o início que a foto de perfil mostra as minhas reais patas. Eu nem ligo a sapatos... E não vale dizer mal. Faço de lápis azul e não publico. ahahah

Dar e receber

Ontem à noite, em minha casa. Eu a preparar-me para dormir. Irmã e namorado da irmã deitados na outra cama. Irmã (a reclamar com o namorado, que é para não variar) - Ai... Estou com o síndrome da perna cansada. Faz-me uma massagem. ... Namorado da irmã - Estou com o síndrome da gaita cansada... Faz-me uma massagem. Toma e embrulha! A vida é dar e receber.

Frases

Que pode ser traduzido, de uma forma bem livre, como... Se eles não te seguem quando tu te vais embora... então continua a andar (que pelos vistos, não vale a pena voltares, acrescento eu).

Do conhecimento

Percebes que te dás mesmo bem quando alguém quando a conversa flui sem dificuldade. Quando não existem aqueles silêncios incómodos "e agora, de que vamos falar?" . Gosto dessa empatia, dessa intimidade, da vontade que temos de conhecer alguém e nos darmos a conhecer de volta. Fico frenética, com vontade de dizer tudo, de contar tudo. Sou meia ansiosa, é verdade. Mas isso só acontece porque quero que me conheças bem.

Assaltos

Assaltaram apartamentos no meu prédio hoje. Só são três andares e assaltaram dois deles. A sorte é que cá em casa somos 5 e isto raramente está vazio. Isto assusta-me. Não é que fossem roubar grande fortuna cá de casa, mas a perspectiva de entrarem no meu mundo e o tornarem menos seguro, assusta-me.

Portugal cai dez lugares no ranking da liberdade de imprensa

"Portugal ficou este ano no 40º lugar na classificação da organização Repórteres Sem Fronteiras no que toca ao respeito pela liberdade de imprensa, descendo dez lugares em relação à avaliação feita em 2009. Já no ano passado, Portugal tinha registado uma queda do 16º para o 30º lugar na lista dos países que mais respeitam o trabalho dos jornalistas." JN Oh para o meu ar de admirada... :/

Azucrinar

Chateei-o. Ontem foi isso mesmo que eu fiz, chateei-o. Senti-me insegura e descarreguei nele. Sem motivos, resolvi implicar. Azucrinei-o mesmo. "Desculpa mas isso é mesmo coisa de mulher: não há por onde pegar, inventa-se." Passaram-me os nervos. Adorei-o ainda mais. Gosto da forma pragmática como vê as coisas. Já eu ando à volta, à volta, à volta, até chegar à mesma conclusão. Escusam de vaticinar já o fim da relação. Namoro há dois dias, acho que é normal não estar muito segura.

Para que conste...

Eu pareço ser a única pessoa a acreditar nesta relação. Eu e ele - que também convém. Ouço cada comentário que até me assusto... OK que somos diferentes, OK que temos gostos para lá de opostos, OK que ele tem um feitio digamos que... hum... diferente. OK que ele é tacanho em algumas ideias que tem. Mas que fazer? Engraço com ele. Gosto da maneira como me trata. Deram um mês à nossa relação. Estou pra ver!

Depois de um dia inteiro com ele tenho a anunciar duas coisas:

Gosto mesmo dele. É bom que ele goste de mim também, já que começamos a namorar.

Weekend mood

Sorna e carinho. Pode ser?
Gosto da forma como ele me integra na vida dele. Gosto do facto de ele me querer apresentar a tudo o que é amigo. Faz-me sentir que ele quer isto tanto quanto eu.

Eis uma coisa que me enerva para lá de muito...

"Os refrigerantes, leites chocolatados são apenas alguns dos produtos que vão passar a ser taxados com a taxa normal de IVA, de 23%, de acordo com uma proposta preliminar do Orçamento do Estado para 2011." JN Que se brinque com alimentação. Comida. Ah e tal que são refrigerantes... pois são. Mas o leite achocolatado é um hábito das crianças. E os livros não educativos passam de 6 para 23% de IVA. Para além de não nos deixarem comer à vontade ainda querem que fiquemos burros.

Dói-me a barriga de tanto me rir

Obrigada à Scarlet pela sugestão. Obrigada aos homens pelas figuras patéticas. Para quem não conhece o conceito... Há um site chamado Chatroulette onde, para conversares, tens de ter webcam. Como se calcula, é um local repleto de tarados e gente esquisita. Como esse aí do vídeo. Liguem o som, se faz favor.

Do contentamento

Pois diz que começo já hoje a trabalhar na minha área. A aprender, quero eu dizer. Tenho uma colega que me parece bastante porreira a ajudar-me. Estou contente. Para dizer a verdade, a vida anda a correr-me bem. Estou duplamente contente. Pelo trabalho e por ele. Nota-se assim muito, não nota? :)
Eu - Então... O que é que tu sabes cozinhar? Ele - Sei fazer arroz. Eu - ... Hummm... vai ser um jantar fabuloso, não há dúvidas disso.
O longe e o perto são definidos pelo esforço que fazemos de modo a conseguir contornar a distância. Para quem quer, nada é longe. Para quem pouco faz, nada é perto. Eu sei, tenho uma visão cor-de-rosa do mundo.
Estive a noite inteira à espera que ele me beijasse... Quando o tentou fazer, a minha (absolutamente brilhante) reacção foi virar-lhe a cara. How stupid am I? PS 1: Entretanto a questão já foi resolvida. PS 2: Se ele descobre o blogue, dá-me uma coisinha má.
Gosto muito, muito, muito de mãos. Do formato das mãos, da força que transmitem, dos movimentos rápidos, da textura, do toque... E mais não digo...

Well...

Correu bem. Mas não vou escrever sobre isso porque alguém anda a garantir-me que vai descobrir qual é o meu blogue. Então, recuso-me a escrever sobre essa mesma pessoa . A conclusão mais forte da tarde/noite/início de madrugada é que eu, no fundo, até sou uma rapariga tímida. Ouso mesmo dizer, nervosamente tímida. :)

No tal café das famosas bolas de Berlim

Funcionário simpático (coisa rara por lá!) pergunta: "A torrada estava boa?" Sim, sim, estava, claro... Estava tão boa, tão boa... que dos seis pedaços, quatro ficaram no prato. Nem era seca nem nada. A manteiga não sabia a margarina nem nada. Óptima! Senhores dos cafés, convençam-se que manteiga não é o mesmo que margarina. Por favor. Porque é que não disse que estava uma porcaria? Porque o rapaz fez a torrada, foi ele que fez. E teve a delicadeza de perguntar, ia dizer o quê...? Que estava uma bela merda?
OK que só faltam 3 meses para terminar o ano, mas não devia ser uma missão impossível comprar uma Agenda 2010. Todas as superfícies comerciais estão apressadinhas a vender agendas do próximo ano e ignoram que possa haver alguém (como eu) que precise delas ainda para este ano.

Irritadiça

S* *ai tá caladinho! *chato como o raio, tu *Amanhã vem-me chatear cá a Viana, que eu aturo-te. Ele: *(maneira estranha de convidar as pessoas para um café) Estou meio irritadiça. Mas é impossível não sorrir ao ver que tenho amigos que me sabem aturar.

Para ser sucinta

Existem três tipos de homem: * Os que são para casar, * Os "é-para-o-que-é" , * Os que nós queríamos para algo sério mas, infelizmente, vão ser só "para-o-que-é". E é isso. Também podem aplicar às mulheres. Brincadeirinha minha gente. :)
Estou a ficar tão mal habituada... No bom sentido.

Como é que eu não me lembrei disto... Lindo!

Vida sexual mostrada em tese de fim de curso "Uma estudante da Universidade de Duke, uma das instituições mais prestigiadas dos EUA, decidiu fazer uma lista de rapazes com os quais manteve relações sexuais durante o tempo de estudante. A lista tratava-se de um trabalho de fim de curso da aluna. No trabalho, a aluna Karen Owen explica, com detalhe, numa apresentação de Powerpoint, os relacionamentos que teve com 13 rapazes da universidade. Não falta nada. Nome, apelido e fotografias que identificam os estudantes. Cada um foi classificado pelo tamanho do pénis, pela habilidade na cama e pela potencialidade que os mesmos demonstraram. No capítulo final do trabalho, em jeito de conclusão, a estudante dá a conhecer os prós e contras de cada relação. A polémica estalou quando Karen Owen enviou o trabalho a três amigos. Pouco a pouco, como seria de esperar, a lista alastrou-se pela Internet, através de email e das redes sociais. Em apenas três dias todo o país ficou a sa

Quero

"Quero janelas abertas e o sol a entrar... Quero o meu mundo inteiro dentro do teu olha, Eu quero o meu mundo inteiro dentro do teu olhar..." Mafalda Veiga - Estrada

Do esforço

Nunca tive grande ambição de chegar muito longe, profissionalmente falando. Acho que, nesse campo, sou bastante conformista. Não sonho demasiado alto. Não é que duvide das minhas capacidades, julgo é que não as uso na totalidade. Uma questão de personalidade, parece-me. No entanto, não duvido que quando começo uma coisa, me esforço ao máximo para que fique bem feita. Não sou ambiciosa por mim. Acho que o sou quando me sinto espicaçada pelos outros. Não gosto de falhar perante quem me observa.

Perguntas pertinentes sobre a cidade

Por que razão... Sempre que digo ser de Viana do Castelo, as pessoas me dizem que esta é uma das cidades mais bonitas do país (ou mesmo a mais bonita) mas a cidade continua a ser a parvónia? Desde quando é que as pessoas se lembram em primeiro das bolas de berlim do Manuel Natário antes de se lembrarem da catedral de Santa Luzia? São bem boas, lá isso são... Viana tem tanto potencial, é uma pena.
Desconfiem das pessoas que parecem gostar de toda a gente. Eu desconfio... Fico sempre com a sensação de que mordem pela calada.