quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Facto


O meu companheiro tem direito a uma estátua. Aturar-me tem sido uma verdadeira cruz, nos últimos tempos. Dizem que as mulheres são de luas, mas a minha lua está insuportável há uns tempos consideráveis.

Desculpa, amor meu. 

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Facto


Podes ter 5, 15 ou quase 28 anos... mas a canjinha da mãe vai ser sempre a suprema comida reconfortante.

Isso e o queijinho, os chocolatinhos e as frutas que trouxe. :D

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Ai, ai!


Ainda não vai ser este Outono/Inverno que vou deixar os ponchos e as capas.

Coisa linda, em caxemira. Da C&A.

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Ouch!

Esta até a mim doeu... Já sei que o New York Post é famoso pela sua Page Six e que é este o tipo de jornalismo que faz... mas caramba, esta capa é algo de incrivelmente arrojado e disparatado ao mesmo tempo.

Na verdade, quem não seria a Jennifer? Por mais que simpatizasse com o casalinho Angelina + Brad, não foram correctos. Entendo a Jennifer... e acredito piamente que deve ter esboçado um sorriso com a notícia.

http://nypost.com/


Mais para ver, aqui e aqui

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Instaweek

Qualidade de vida.

As pequerruchas da família.

Lenços novos para dias mais frescos.

Que classe...

Mãos ao alto... assalto de fofura!

Cats, cats, cats.

Pequeno sobrinho já com penteado à homem grande. :D

Boa semana!

sábado, 17 de setembro de 2016

Nós

Às vezes surpreendo-me com a facilidade com que tudo aconteceu na nossa relação. Conheci-o em Setembro de 2010, começamos a namorar em Outubro, dois meses depois ele estava a dizer-me que era "para a vida". Eu só consegui verbalizar o amor que sentia mais de meio ano depois. No entanto, fomos caminhando seguros e certos de que era isto que queríamos. Um ano depois, começamos a procurar casa... e em Janeiro de 2012 juntamos os trapos e fomos viver juntos.

Do lado da minha família, nunca ninguém fez comentários, mas suspeito que achassem que era uma loucura juntar-me um ano e três meses depois de o conhecer. 

A verdade é que já se passaram quase cinco anos.

Oh, isto tem sido uma montanha russa, com altos e baixos. Felizmente, há já uns bons meses que estamos no alto, apesar das adversidades da vida. Tivemos uma fase péssima-péssima, há três anos (a crise dos três anos?), mas lá a ultrapassamos e percebemos que o que nos prejudica são sempre factores externos e nunca as nossas emoções. Depois de "encaixarmos" esta ideia, é mais fácil fazer as pazes.

Bom, tudo isto porque ontem fomos sair, deixamos o cão em casa, ainda estivemos a assistir a um concerto cá na cidade, e eu só confirmei aquilo que já sabia: todos os dias estou um bocadinho mais apaixonada.

Para mim, é lindo. Para mim, é um prazer ouvi-lo falar. Para mim, é um privilégio encostar-me ao peito dele, enquanto assistimos a um (bom) concerto de música. Para mim, é o melhor do mundo. E é meu. 

E eu estou melosa, sim. Aguentem.

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Ensinamentos


Como eu tenho uma irmã gémea, sempre tive uma pessoa que me percebia na perfeição. Se alguém dizia alguma coisa e olhávamos uma para a outra, sabíamos perfeitamente que estávamos a pensar a mesma coisa. Não precisávamos de falar. Percebíamos. Great minds think alike. ;)

Eu bem tento ensinar ao mais-que-tudo esta técnica, mas o desgraçado não tem igual perspicácia. Não entende os meus olhares, os meus avisos silenciosos ou os meus pedidos mudos.

Há uns meses atrás - ele ainda comia carne -, fomos comer a um restaurante do centro comercial cá da cidade. Ele pediu francesinha. Eu fiz-lhe aquele olhar. A minha irmã teria imediatamente percebido "não peças essa merd* aqui, não presta!". Ele não percebeu. Eu não me ia pôr a verbalizar o pensamento, porque ia lá todas as semanas e era um bocado chato. Mal nos afastamos, eu disse-lhe. Ele admitiu que não percebeu o meu olhar esbugalhado. 

Pagou e não comeu. É o que dá ser distraído. Eu percebo praticamente tudo aquilo que ele me diz, mesmo quando não diz nada. Até adivinho o motivo pelo qual ele amua comigo, mesmo quando ele não se queixa e guarda para reclamar uma semana depois. ;)

Lindas por dentro e por fora... ;)


A convite da empresa, fui visitar a Dama de Copas e conhecer algumas novidades. Uma pessoa perde-se. Para quem, como eu, adora lingerie, é uma maravilha poder experimentar. Não me venham com a conversa do "eu sei o meu número", porque modelos diferentes podem exigir tamanhos diferentes. Em peitos grandes, como o meu, isto ainda é mais verdade. As costas são sempre as mesmas, mas posso variar uma copa, conforme o modelo seja mais subido, mais decotado, mais relaxado, mais rendado, mais desportivo... não é uma ciência exacta. Daí que seja tão importante experimentar, mexer, tocar, perceber o que nos fica bem.

Já disse - e é um facto, não sou eu que invento - que a maioria das mulheres usa o número errado. Mistura copas e costas, usa modelos apertados, o que gera o inestético "duplo peito", ou costas largas, que fazem com que os soutiens vão subindo pelas costas ao longo do dia... Eu, para mal dos meus pecados, tenho de ter muito cuidado com o que uso. Vai daí que desenvolvi uma paixão assolapada por boa lingerie... e, neste caso, bonita lingerie.

Opções elegantes para copas grandes.

Coisas bonitas para o dia a dia. Aconselho todas as mulheres a, pelo menos uma vez, fazerem uma consulta de aconselhamento. Vejam a diferença. ;)

Para momentos especiais.

Também têm copas mais pequenas, não pensem que só são tamanhos grandes. Experimentem, a sério. :)

 


Quem lhes resiste?

Linha desportiva mas colorida.

Nova cor, inspirada nos Jogos Olímpicos Rio 2016.

Acessórios originais.

Cai-cais que não caem. Nunquinha. 

Dama de Copas, com uma loja no Porto e duas em Lisboa. Outra em Madrid, já agora.


* Post escrito em parceria com a Dama de Copas. 

domingo, 11 de setembro de 2016

Registos Instaweek

Foi uma semana pobrezinha em fotos. Tenho a cabeça a mil, nem me lembro das fotografias... 

As mais velhas, Blackie e Evita.

Sempre sorridente. Sai à "mãe".

Esta semana fui visitar o pequeno "Nia", agora Romeu. Coisa mais fofa!

Frutas que nunca me cansam: figos e maracujás. 

Gato escondido nas ruas do Porto.


Na Rua de Cedofeita, ideia linda para tornar mais bonitas as caixas de electricidade.

Ida à loja do costume.

BOM DOMINGO!

sábado, 10 de setembro de 2016

Fazer o bem sem olhar a quem


Não tenho problemas em dizer que gosto de mim. Sei que sou boa pessoa. Não chateio ninguém, não me meto com ninguém, nem sou de responder a provocações. Sou calma, pacata, sinto-me honrada por ser o ser humano que sou.

Vai daí que, por mais negro que esteja o céu, acredito sempre que o azul está prestes a chegar. Acredito no "cá se fazem cá se pagam". Estou sempre à espera que a vida me pague em felicidade o bem que tento fazer aos outros e pelos outros.

Bom fim-de-semana... com atitude positiva!

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Em equipa que ganha não se mexe!


Em dia de ida ao Porto, regresso à Dama de Copas. Primeiro vou usar e abusar e daqui a uns dias conto-vos tudo. Experimentei, voltei a experimentar. O desgraçado do meu rapaz ficou hora e meia na rua à minha espera, enquanto eu me apaixonava por modelo atrás de modelo. Acabei por trazer o novo padrão do modelo Jasmine, que já me tinha conquistado outras duas vezes.

Depois conto-vos tudo e mostro ainda mais.


JASMINE ORCHID PRINT, para conhecer aqui.


* Post escrito em parceria com a (maravilhosa) Dama de Copas. Mesmo sem parceria, é a melhor loja de lingerie do mundo e a Raquel é a consultora mais simpática de sempre.

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Nua e crua






Como diria a minha querida avó (que tinha dois armários enormes à sua disposição), sinto-me nua e crua. Com a promessa da chegada do Outono, casaquinhos para o tempo mais fresco fazem-me tanta falta... nem um tenho!

Todos da H&M.



segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Mais nunca é de mais

Na sexta-feira vou tirar o dia para resolver assuntos meus e para voltar ao Porto. Ida ao Porto sem visitar a Dama de Copas nem é dia... Estou de olho nestas novidades!

O modelo Jasmine, o meu favorito de sempre.

O soutien de desporto, o mais confortável de sempre e o que mais uso ao fim-de-semana.


Para quem quiser saber, a Dama de Copas tem vindo a aumentar o número de lojas pelo país (e tem ainda em Madrid):

LISBOA

Rua de Santa Justa 87
Saldanha | Av. Fontes Pereira de Melo 47c

PORTO

Rua de Sá da Bandeira 373, em frente à entrada lateral do mercado Bolhão

domingo, 4 de setembro de 2016

Instaweek

Mesa de jantar? Hummm, também pode ser cama das gatas.

A minha Evita farrusca, classe de gata.

Fresquinha, fresquinha.

É aproveitar o que resta do Verão!

Pedindo perdão por ter fugido na praia.

Parti a tampa do bule. Podia deitar o bule fora, mas nãooo... fiz dele um vaso. 

Usar uma pochet que tenho há dez anos e que nunca tinha usado.

Figos, tão bons!


No fim-de-semana derreto-me com estas pequenas...

Já a Cookie dispensa bem as meias-irmãs.

Quando os figos são opção, não existe opção para mim. :D É ou é!