Avançar para o conteúdo principal

Ver o lado positivo da quarentena #9

O senhor meu marido quase rouba os Legos do pequeno e entretém-se a fazer construções. Todos os dias inventa uma diferente. 

Agora até pede para ser ele cozinhar, porque diz que se entretém e acha uma experiência engraçada. Eu não sou muito fã, porque varia entre bifes de frango ou hambúrgueres - um menu repetitivo, portanto.

Isso e vinho. Nunca foi homem de beber, opta por cervejas sociais. Vinho só mesmo na casa da minha família, porque o meu tio é apreciador. Agora dá-lhe para ter desejos de vinho. Não sei se ria ou se chore. Pode ser mau sinal - estamos a levá-lo à loucura.

Comentários

  1. Porque aqui também ando a montar legos, mas foram prendas de Natal que me deram e não cheguei a usar. Estão a dar muito jeito agora 😊
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Sou mais uma que também gosta muito de legos e também sou adulta. :)
    A Lego tem coleções de criança e de adulto e por algum motivo será.

    Se o marido cozinha, mesmo que em modo menu repetitivo, é de aproveitar. O que conta é a intenção.

    A parte da alteração de gostos, desejos e rotinas é efeito da quarentena que trás consigo mudanças e transformações a nível global e pessoal.
    Dei por mim a cozinhar muito mais e a gostar disso e até eu fiquei surpreendida.
    Sobretudo porque me dá para inventar coisas novas.
    Deve ser um mal (bem) geral. :)

    ResponderEliminar
  3. Ah ah ah felizmente ainda não me deu para a culinária (só quando se trata de assados no forno, a minha especialidade), mas já troquei as garrafas por boxes de tinto do Alentejo, o melhor vinho do mundo.
    Legos não tenho e a fase dos puzzles, cá em casa foi na década de 1990.
    Agora o meu passatempo favorito, é ficar o dia inteiro espojado no sofá.
    Estou a ficar com calos nas costas. 🤣

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eheh, Olhe que há uns puzzles bem giros para adultos. Puzzles 3D para da National Geographic.
      Há uns meses passei umas boas horas a montar a Sagrada família em papel/cartão.
      Deu algum trabalho mas fica uma bonita peça de decor.
      E diverti-me que foi a parte mais importante.

      Eliminar
  4. Eu adoro legos =) e playmobil!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã. Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte? Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria. Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

Womanizer - O Feedback

Pois bem, minhas amigas... O Womanizer lá chegou através da Amazon de Espanha ao fim de uns dez dias.  E tenho a dizer-vos que custou 189 euros e vale cada cêntimo. Obviamente que não vou estar aqui a entrar em detalhes, mas é um estimulador muito bonito, com um toque agradável, que vem acompanhado por um gel lubrificante que diz "Orgasm is a human right" , o que me parece um excelente princípio. Admito que, por incrível que seja, ainda demorei uns bons minutos a perceber exactamente o encaixe. Parece óbvio, mas não é, porque vibra mal toca na pele e, com o estímulo, não é assim tão simples quando poderia parecer. Ou sou eu que sou aselha. Mas também garanto, minhas amigas, que a partir do momento em que há encaixe, é uma questão de segundos. Não é exagero, são segundos. E uma coisa que se prolonga até à infinitude... Ou até já não aguentarem mais e desligarem, como acontece comigo. Sim, sou uma descarada. Sim, vale todos os euros. Sim, é garantia total. Repetidamente. Infini

:)

Um mês e dez dias depois, tive oficialmente "alta" médica. Ainda não estou aí para as curvas, mas já obtive autorização para voltar a conduzir. Também posso fazer fisioterapia sem preocupações... Já tinha feito uma sessão - na passada semana - e é impressionante o bem que apenas 45 minutos de fisioterapia me fez! Este fim-de-semana volto para o meu apartamento e para as minhas rotinas. Estou feliz por voltar ao meu mundo, mas reconheço que quase mês e meio no ninho da mãe, nesta fase do campeonato, me fez muito bem. Precisava de curar-me física e emocionalmente. Não estou boa, mas estou quase boa.  O melhor ainda está por vir. A todos os níveis.