segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Estava aqui a pensar...

Será que as pessoas que resolvem dizer/escrever maldades sobre os outros, sequer se lembram que os outros podem vir a saber/ouvir/ler essas maldades? Estamos a falar de probabilidades realistas, não propriamente de dizer mal, sei lá, do Brad Pitt.

Não se importam? Fazem-no com intenção? São parvos?

Em vez de dizerem o que têm a dizer cara na cara, andam a dizer aqui e ali, ainda por cima a pessoas próximas dos visados. E escrevem no Facebook directas & indirectas. Todos os dias leio porcarias do género nas redes sociais.

Isso diz tanto sobre elas... tanto, mas tanto. 

16 comentários:

  1. Sim, diz tanto delas. E tu tens grandes amigos assim. E isso também diz tanto mas tanto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo, não sei a que se refere porque eu apenas tenho um grande amigo, o meu companheiro. Mas se acha que sabe, continue a achar... o que não falta por aí são os "Reis do achismo".

      Eliminar
  2. Por acaso tenho uma tendência natural para evitar esse tipo de "literatura facebookiana" e os seus autores.
    Porque isso, de facto, diz muito sobre as pessoas. Diz que são amargas, frustradas, infelizes e muito pequeninas.
    Se calhar é um ato egoísta porque essas pessoas precisam, certamente, de ajuda porque estão mesmo muito tristes. Mas a minha tendência é mesmo fugir delas a sete pés. Dessas pessoas e das pessoas que estão sempre prontas a ver uma ofensa em tudo e a armar um pé de vento. Quando acho que vale a pena digo.lhe o que penso com educação e serenidade e depois ignoro-as tanto que, para além do bom dia e do adeus ao fim do dia, nem dou por elas.
    Aconselho-te vivamente a fazer o mesmo. :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Purpurina, não me meto em bate bocas facebookianos. Dispenso perfeitamente. ;)

      Eliminar
  3. Já somos duas . Para essas pessoas digo apenas para deixarem de ser cobardes e falarem na cara do outro/a

    ResponderEliminar
  4. sabes que dizer cara a cara não é para todos

    ResponderEliminar
  5. Das duas, uma: ou são burros e pensam que não lhes irá chegar aos ouvidos, ou simplesmente não querem saber... É tão mais fácil dizer tudo nas redes sociais do que cara a cara... assim, evitam o confronto.

    ResponderEliminar
  6. Olha, também já referi isso no meu blog...o meu ex é desses que não faz mais nada que é andar a mandar bocas ou então a por posts de coitadinho! Não perco tempo a comentar, mas às vezes são de tal forma hilariantes de tão ridiculo que ele se torna!

    ResponderEliminar
  7. Well recentemente falei mal ou melhor, disse factos de alguém que não conheço no blogue, não pensei nas consequências nem quero saber, porque se a carapuça servir, problema é da pessoa (como me serviu agora um bocadinho também). MASSSS tu estas a falar doutras situações que eu sei (ou pelo menos tenho a mania que sei) e as vezes não sei o que é pior... se é a pessoa mandar as indirectas ou se é a pessoa que lê e acha que é para ela, responder. Mas pronto.. não sou muito apologista de lavar roupa suja no facebook.

    ResponderEliminar
  8. Mas não é precisamente o mesmo que estas aqui a fazer? Em vez de escrever este post porque não o disseste diretamente a quem merecia?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Evidentemente que não, eu não estou a mandar bocas a ninguém em concreto.

      Eliminar
  9. As pessoas tem a mania de fazer do face uma lavagem de roupa suja, de utilizarem frases já feitas e ditas, para mandarem bocas a quem elas acham que encaixam. Não me encaixo nesse nível. Sigo o meu caminho e gosto de escrever o que penso.

    ResponderEliminar
  10. Não me digas que isto é por causa do Altos & Baixos... Que falta de poder de encaixe.

    ResponderEliminar