sábado, 21 de novembro de 2015

Oh oh oh!


De verdade que gostava de saber como é que as outras pessoas fazem.

No ano passado foi um terror: partiram-me uma árvore de Natal, deitaram ao chão a árvore seguinte meia dúzia de vezes. Tive de passar a árvore para cima da secretária, "depenar" a parte de baixo. Mesmo assim elas não ficaram satisfeitas... a árvore pareceu o chapéu de um pobre ao longo de todo o mês.

15 comentários:

  1. Eu deixei de usar bolas de Natal, uso outros enfeites menos apetecíveis à gatita. Senão andava tudo sempre a rebolar no meio do chão.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi esta a minha solução também. Comprei enfeites em peluche e reformei as bolas. Com a minha gata resultou, há 2 natais que não tenho chatices.

      Anac

      Eliminar
  2. Eu acho que vou estrear essa condição este ano e estou em pulgas para dar início ao "arraial"... Até agora só consegui ter gatos atinadinhos😼

    ResponderEliminar
  3. Pois... eu estou curiosa para ver a reacção da minha filha de qs 18 meses. Acho que deslumbrda com as luzes tb vai atirar a árvore ao chão!!! 😀

    ResponderEliminar
  4. Tal e qual a minha todos os anos :))) Até estou a considerar a hipótese de este anos fazer algo diferente, um desenho na parede quem sabe?? :)))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E porque não falaste nessa do desenho antes?? era o que tinha feito :)

      Eliminar
  5. O meu gato é um anjo, o ano passado nenhuma vez ao chão.Este ano, já é o terceiro dia de árvore cá por casa e tudo impecável, nem uma tentativa , vamos ver os restantes dias.

    ResponderEliminar
  6. A minha gata decide todos os anos fazer a cama debaixo da árvore, já uma vez tentou subir mas deve ter chegado à conclusão que não era seguro :)

    ResponderEliminar
  7. A minha também atira tudo ao chão :)

    ResponderEliminar
  8. O primeiro gato que eu tive era muito pequenino quando fiquei com ele e ainda era bebé quando fiz a árvore de Natal... mesmo assim conseguiu deitá-la ao chão várias vezes. Agora está mais calmo e a árvore já consegue sobreviver.

    ResponderEliminar
  9. É a desgraça, tenho de pôr a árvore em cima da aparadora, pq senão é o que se sabe: trepa à árvore, arranca bolas, tenta comer os enfeites...

    ResponderEliminar
  10. Mas não são só os gatos que se divertem com a árvore de natal, tenho um 'cãozinho' (golden retriever de 50 Kg), que no primeiro Natal pura e simplesmente comeu o presépio (as figuras de gesso,) só deixou a coroa do menino Jesus, as bolas as que não comeu estão todas mordidas até as luzes eles petiscou, como a arvore é muito grande só enfeitei do meio para cima, só que este ano tenho um gatinho e gerou-se uma parceria o gato sobe à arvores e atira as bolas que o cão se entretem a comer, e prontos é assim as minhas decorações natalicias. MjGomes

    ResponderEliminar
  11. Para além da árvore tenho por hábito fazer presépio com musgo natural, local que passa a ser oficialmente a cama da gatinha. ano após ano esta figura faz parte do presépio...

    ResponderEliminar
  12. Eu também não uso bolas, só enfeites em madeira e tecido (e luzes, claro ) e até acho que a árvore assim fica amorosa. Mas não escolhi assim por causa do gato, foi por gosto pessoal. De qualquer das maneiras ele gosta muito de dar com a patita nas coisas penduradas e ficar a vê-las a abanar. Também fica muito concentrado a olhar para as luzes :-D Felizmente nunca tentou trepar à árvore! Já a gata liga zero àquilo.
    A minha única medida de cuidado e prevenção é só fechar a sala quando não estou em casa, porque apesar de nunca a terem estragado ou tombado prefiro precaver um acidente, até porque podem ser eles a sair bem magoados, com luzes e tudo :-/

    ResponderEliminar