sábado, 14 de junho de 2014

Da gente que é pior que bicho

"Durante sete anos sofreu os abusos do padrasto, que a engravidou. Foi detido mas ficou em liberdade e está a ser julgado no Tribunal de Gaia. A mãe continua a viver com o arguido e culpa a filha." JN


Pior que bicho é elogio, que os bichos não são maus.

Que mulher será esta? Que profundamente egoísta.

17 comentários:

  1. Egoísta não é bem a palavra correcta. Isso é não ter qualquer amor à filha (já para não falar de amor próprio). Se for preciso até tem raiva da filha pelo marido a preferir à mulher.

    http://miscelaneathesecond.blogspot.com

    ResponderEliminar
  2. Há mulheres que não sabem o que é ser mãe. Ou será que a mulher está a ser ameaçada pelo companheiro? Desconheço a história, mas pobre da criança. Enfim...

    ResponderEliminar
  3. Não te espantes. É repugnante, mas muito mais vulgar que se possa imaginar. Quantos e quantos casos destes já me apareceram pela frente. Neste caso foi o padrasto. Mas, às vezes é o próprio pai.

    ResponderEliminar
  4. Ha pessoas assim que infelizmente valorizam mais o outro do que as pessoas que realmente a amam, e ela propria como disse e muito bem Miscelanea!

    ResponderEliminar
  5. Profundamente egoísta? Não seja tão generosa, por favor. A morte é pouco para esse monstro. Merece padecer muito mesmo e só depois ir para o diabo que a carregue. Lixo humano!

    ResponderEliminar
  6. É triste quando vejo notícias dessas. O pior é que há muitas mães assim! Que preferem perder uma "filha" que é delas e do seu sangue, a perder um marido que muitas vezes nem merece a família que tem!

    ResponderEliminar
  7. Que dizer acerca destas histórias? Revoltantes!!! E ninguém faz nada?!

    ResponderEliminar
  8. É uma anormal!!! Que também precisa de tratamento.

    ResponderEliminar
  9. As vezes as pessoas desenvolvem desturbios psicológicos. culpa irracionalmente a filha pela destruição do casamento dela. Estas coisas trocem a perspectivas as pessoas. Obviamente que acho isto de outro mundo mas acho que só algo do foro psicológico pode levar a algo assim.

    ResponderEliminar
  10. Opá eu às vezes leio posts teus que se relacionam com este tipo de notícias e só me apetece soltar uma coisa "QUE MUNDO DE MERDA!" Desculpa o desabafo, mas esta mãe não é mãe, não é nada! Não merece! Tantas pessoas que não conseguem engravidar e depois há estes monstros! QUE NOJO!

    ResponderEliminar
  11. Pois não percebo como uma relação que tem muito provavelmente por base uma dependência se pode sobrepor ao amor de mãe.
    Ou percebo, talvez não tenha amor de mãe. Afinal ter filhos nem sempre significa ser realmente mãe.

    ResponderEliminar