Avançar para o conteúdo principal

Facto

Não peço muito mais. Só queria estabilidade. Estabilidade financeira, para que a vida pudesse ser mais tranquila.

Comentários

  1. A vida é mesmo assim, um dia de salto alto, no outro de sapatilha! Aproveita bem os intervalos. Beijinhos e boa semana*

    ResponderEliminar
  2. Também eu. Estou farta desta situação de "este ano tenho trabalho, no próximo já não sei".

    ResponderEliminar
  3. Eu já só pedia estabilidade profissional para que conseguisse equilibrar essa estabilidade financeira...

    ResponderEliminar
  4. Acho que é quase Portugal a pedir o mesmo, complicado.

    beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Eu peço isso e um bocadinho mais de tempo... ter trabalho e não ter tempo para mais nada também é muito frustrante mesmo..

    ResponderEliminar
  6. Acho que é o que grande parte das pessoas gostaria de ter e não tem. Sem estabilidade não se podem fazer grandes planos, a vida fica sempre um pouco em suspenso.
    xx

    ResponderEliminar
  7. EU também peço isso. Era um descanso!
    Ou ter a casa paga! Era um desafogo! : )
    bjs

    ResponderEliminar
  8. Só em 2035.
    Profecia do cavaco. ahahah

    ResponderEliminar
  9. Anda toda a gente com o mesmo problema, a adiar sonhos e projetos. "Gostava tanto de fazer isto e ter aquilo, mas....e se fico sem emprego, e se isto e se aquilo. Conclusão, vamos esperar até ter estabilidade. E isso será quando?

    ResponderEliminar
  10. Encontramo-nos na mesma situação e em sitios opostos... Realmente começa a ser preocupante estas situações.

    Espero que as coisas melhorem.

    beijinhos!

    ResponderEliminar
  11. Isso, hoje em dia, é pedir quase tudo. Infelizmente.
    Saúde, sempre. É aquilo que peço.

    ResponderEliminar
  12. o dinheiro não é tudo, mas ajuda sobretudo nas nossas preocupações eternas..

    ResponderEliminar
  13. é o que todos queremos e procuramos, e é culpa dessa procura que ando sempre a adiar o meu maio sonho, ser mãe!! ;) kiss

    ResponderEliminar
  14. olha junta-te ao grupo
    mas eu so queria estabilidade para começar uma vida a dois...
    bjs*

    http://se-tu-saltas-eu-salto.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  15. Espero que consigas superar este obstáculo :)
    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  16. Isso amiga e muita saúde que é fundamental, hoje tenho mais uma entrevista no meu blog, das boas!

    ResponderEliminar
  17. Que as coisas melhorem, para que isso aconteça.

    ResponderEliminar
  18. A vida por vezes prega-nos partidas...

    ResponderEliminar
  19. O problema são os muitos planos que se põe em espera enquanto não se pode por em prática.

    http://miscelaneathesecond.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  20. Queres tu, quero eu, queremos nós, querem eles. Difícil é encontrar alguém que diga que a tem....

    ResponderEliminar
  21. Ultimamente o Passos Coelho também me tem dificultado a vida... o que vale é que o animal vai tirando ao poucos... ora este mês é o subsidio de férias...no outro são 80 euros... depois são mais 100 euros... e eu... pronto... vou procurando essa tal estabilidade!...
    Vamos acreditar que melhores dias estão a chegar!...

    ResponderEliminar
  22. Se estas a espera de estabilidade não fazes nada nos próximos 20 anos....

    ResponderEliminar
  23. Percebo perfeitamente o teu desejo, porque também é o meu e o da grande maioria das pessoas. O problema é que cada vez mais acho que caminhamos na direção oposta, a da incerteza e isso é horrível porque não conseguimos fazer planos nem a curto quanto mais a longo prazo. Eu desisti de esperar, porque os anos passam e muito depressa.

    ResponderEliminar
  24. Como te compreendo.....

    http://asreceitasdaticha.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  25. Como te compreendo..............


    Ticha
    http://asreceitasdaticha.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  26. :/ eu tb gostava de ter essa estabilidade.
    Tb acho que não seria pedir muito.
    Mas neste momento acho que nem me posso queixar assim tanto ao ver tanta desgraça a acontecer por aí
    :(

    Que consigamos, tu, eu e todos o que neste momento sofrem com a situação financeira vergonhosa do nosso país.

    ResponderEliminar
  27. Eu quero uma coisa muito simples, mas que hoje em dia é um tesouro: trabalho. Estudei tanto, esforcei-me tanto e não vejo retorno desse esforço. Fui para a faculdade a pensar que iria ter uma vida melhor, que teria estabilidade.. pois sim, nota-se. Sete anos depois de ter acabado o curso, tenho estágios mal remunerados e histórias de exploração para contar. Enfim...

    Carrie

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

:)

Um mês e dez dias depois, tive oficialmente "alta" médica. Ainda não estou aí para as curvas, mas já obtive autorização para voltar a conduzir. Também posso fazer fisioterapia sem preocupações... Já tinha feito uma sessão - na passada semana - e é impressionante o bem que apenas 45 minutos de fisioterapia me fez! Este fim-de-semana volto para o meu apartamento e para as minhas rotinas. Estou feliz por voltar ao meu mundo, mas reconheço que quase mês e meio no ninho da mãe, nesta fase do campeonato, me fez muito bem. Precisava de curar-me física e emocionalmente. Não estou boa, mas estou quase boa.  O melhor ainda está por vir. A todos os níveis.

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã. Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte? Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria. Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

Um ano a dois

Como o tempo voa, hoje celebro um ano de um relação calma, que me foi conquistando aos poucos e que, hoje em dia, me dá todas as certezas. Quando nos conhecemos, em Abril do ano passado, viramos amigos. Na verdade, tornou-se meu confidente e aturou-me durante semanas e semanas a "chorar-me" por outra pessoa. Já eu percebi que ele gostou de mim no primeiro café que tomamos, mas como é tão ou mais discreto que eu, nada feito. Ficamos assim, entre avanços e recuos, entre conversas diárias e afastamentos semanais. Ao meu lado quando fui operada e nos dias que se seguiram. Eu ainda sem rumo, à procura de algo que não sabia ainda o que era. Foi no dia 6 de setembro de 2021 que a amizade evoluiu para algo mais.  Desde o primeiro dia que não me deixou dúvidas de que queria estar ao meu lado. Acho que foi exactamente isso que (de forma um pouquinho "umbiguista") me fez apaixonar por ele. Sempre percebi que gostava de mim. Sempre me senti acarinhada, querida e desejada.  Dura