terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Mimos de quatro patas

Sempre fui daquelas pessoas relaxadas - mas atenta - com os bichos. Desde tenham amor, comida e cama lavada, não me preocupo muito com as idas regulares ao veterinário. Sempre deu resultado e acredito que cuidados em excesso os tornam menos resistentes. As minhas gatas são saudáveis, mais rijas que aço, e nunca ficam doentes.

Já o cão é a maior flor de estufa. Passa a vida no veterinário. Enquanto era bebé, ia tomar as vacinas. Mas também já lá foi porque apareceu com uma ferida junto ao rabo. E agora anda com problemas de pele. Tem manchinhas na barriga e coça-se como o caraças. Pode ser uma dermatite. Pode ser alergia a qualquer coisa. Já está a ser medicado.

E eu que pensava que os rafeiros eram mais rijos...

46 comentários:

  1. Eu tive 3 peixes uma vez e morreram. Não sou muitos de animais.

    ResponderEliminar
  2. Pode não ser rijo...mas é muito muito giro!:))
    Bjs
    maria

    ResponderEliminar
  3. Poderá ser alergia à picada da pulga? O meu cão tinha isso :\

    ResponderEliminar
  4. Tens de ver o que lhe anda a fazer mal

    ResponderEliminar
  5. Lá vai ele dar cabo do teu orçamento. :( Tadinho!

    ResponderEliminar
  6. Então as melhoras bem rápidas.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Nunca fui ao veterinário com o meu gato... Achas que era necessário??
    É que tenho noção que é muito caro... :S
    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma consulta não é muito cara. Deves levá-lo a uma consulta de avaliação, costuma rondar os 20 euros. Só mesmo para ver se está tudo bem. ;)

      Eliminar
  8. Ele é tão mimado pelos papás. Adoro o teu Pirata!

    Susana Alves

    ResponderEliminar
  9. Olá!
    Se fizer bem as contas, com o q gasta com os animais q tem, já dava para criar uma criança (sua ou adotada), diga-se, bem mais salutar e enriquecedor de afetos para ambas as partes
    Portugal está a envelhecer, precisa de mais nascimentos. Você, pelo q tenho me apercebido, é uma jovem cheia de talento,de amor para dar...então dê aos da sua espécie, a um seu descendente...lidar muito tempo com animais faz muito mal, as pessoas começam numa progressiva desumanização. A observação durante anos diz-me q essas pessoas tornam-se insensíveis à dor dos outros, e quanto mais os anos passam (exemplo dos velhos com cães) mais intolerantes ficam e vivem num mundo muito limitado, onde não há espaço para o novo. É das pessoas q não têm cão q se encontram as melhores pessoas, as mais inovadores e livres de pensamento, as q vêem mais à frente....você era assim...agora...estou coriosa para ler o q escreve daqui a uns 5 aninhos....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esse seu comentário é qualquer coisa de incrivelmente mau.

      Eliminar
    2. Nem acredito. Quem escreveu o que escreveu deve ter sido apenas pra picar, porque não é possível alguém achar isso. O coração é bem grande: lá cabem vários tipos de amor, quer de pessoas, quer de animais.

      Eliminar
    3. Não consigo sequer perceber este comentário...mas as pessoas continuam mesmo a achar que quem ama animais não ama pessoas?

      Eliminar
    4. Bê, anónimo das 21:33, acredito que só possa ser para chatear. Não faz o mínimo sentido e é um preconceito terrível.

      Eliminar
    5. Eu tenho medo de saber que há pessoas que pensam assim. E sim, é a maior barbaridade pensar que quem não tem animais não gosta de pessoas, ou é uma alguém melhor. Aliás, acho mesmo que quem tem animais tem melhor coração, é mais sensível a uma série de questões sociais. Enquanto escrevo isto tenho o meu gato a dormir-me aos pés, com aquele ar descansado que só os animais e as crianças conseguem ter. Mal possa terei filhos, e estou certa que também eles irão adorar animais, pois é assim que eu e o pai deles vivemos. Qual a incompatibilidade, anónimo?

      Eliminar
  10. Aiai estes animais só nos dão preocupações, são os nossos bebes :)
    espero que o problemita se resolva facilmente ;)

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  11. Vá á agropecuaria que já dão um sabonete que dando banho já resolve.
    bjs
    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  12. Parece o meu gato. Aparexe-lhe tudo :( Ainda me vai levar à falência... Mas tem de ser.

    ResponderEliminar
  13. A minha anda com uma coceira que faz aflição (e enche a casa de pelos). Tenho-lhe desinfetado a barriga com Betadine e ponho-lhe Quadriderme, uma pomada que lhe receitou o veterinário uma vez que veio de férias cheia de pulgas.
    Tem andado mais calma, mas se a deixo um bocado sozinha dentro do carro, quando chego já tem mais uma pelada... às vezes é preciso paciência de corno para lhe aturar as manias. Principalmente desde a última operação, que recebe tantos mimos que está feita uma "maricas". :)

    ResponderEliminar
  14. a minha Puca passou pelo mesmo e teve que ser medicada :)

    ResponderEliminar
  15. Eu sou igual a ti, acreditas? Eles só vão ao veterinário levar as vacinas e depois só lá vão se efectivamente estiverem mal. Não há cá consultas de rotina :P

    http://miscelaneathesecond.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  16. As melhoras do Pirata!

    (fiquei chocada com um dos comentários.... seriously????)

    ResponderEliminar
  17. Eu também só levo as minhas para as vacinas :)
    As melhoras do Pirata lindo.

    ResponderEliminar
  18. Gatos, passarinhos, peixes e tartarugas são animais de estimação. Um cão...é um elemento da família! Li algures e subscrevo inteiramente e este teu caso parece ser o exemplo disto.
    Beijinho e as melhoras do patudo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Maria, garanto-te que um gato é tão ou mais companheiro que um cão. ;)

      Eliminar
    2. Peço desculpa Maria, mas não concordo nada nada. Quando os trazemos para casa todos devem ser tratados como elementos da família, todos devem ser amados e bem tratados. É assim com os meus três gatos e sempre foi assim com todos os gatos e cães que tive. E arriscaria dizer que a S* tb não faz essa distinção entre as suas gatas e o seu cão, apenas exigem cuidados e atenções diferentes, porque são diferentes.

      Eliminar
    3. Bê, sobre pássaros e peixes não falo porque nunca os tive. Mas um gato é tão ou mais mimado e carinhoso que um cão. Claro que um cão é mais dependente, mas não me dava sem as minhas princesas felinas.

      Eliminar
    4. Não estava a comparar os pássaros e peixes com gatos e cães :) embora continue a achar que, quem os tem, os deve tratar o melhor possível. Estava sobretudo a reforçar que não se pode fazer a distinção entre gato e cão considerando o primeiro um animal de estimação e o segundo um elemento da família. Para mim, são todos família ;)

      Eliminar
    5. Bê, quem tem gatos sabe que eles nunca podem ser outra coisa a não ser os líderes da casa. Claro que são família. ahahah

      Eliminar
    6. O meu gato também é um elemento da família!! Tão importante como todos os outros.

      Eliminar
  19. Olá.
    O meu cão teve os mesmos sintomas e levámo-lo ao vet para ver o que se passava, era alergias. A partir daí tivemos de passar a dar-lhe banho com mais frequência com um shampoo especial de corrida, há um ano teve uma recaída e deixou de andar completamente, após varias consultas sem efeito mudámos de vet e descobriu-se que as alergias eram uma infecção que já tinha há alguns anos de uma picada de carraça (é o que dá viver no meio campo com muitas ervas para os meninos passearem a vontade) após 2 semanas ficou como novo... (durante 2 semanas andámos a chorar que nem uns perdidos a pensar no pior, o cãozito já tem 12 anos e custa pensar que um dia nos vai deixar)

    Atenção não estou a dizer isto para te assustar, nada disso, só que pode ser uma alergia a uma picada ou ás pulgas e tem de se ter mais cuidado...

    Quanto ao comentário acima só tenho a dizer que já tinha reparado que os meus pais estavam a ficar irracionais... será por termos 2 cães, um pássaro, 3 tartarugas e patos, galinhas e uma porca que parece quase um cão??? cure-se

    Beijinhos S* e as melhoras do patudo ;)

    ResponderEliminar
  20. Coitadinho do teu cachorrinho!! As melhoras para ele!! Quanto às gatas,nota-se que têm saúde pela maneira como falas delas. Tudo de bom para os teus animais e tambem para ti!! http://musiquinhasdajoaninha.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  21. Olá, outra vez!
    Não, não sou má nem manhosa, aliás, nem contava q publicasse o meu comentário. Eu apenas tenho constatado ao longo da minha vida um facto q me parece prejudicial à raça humana, tanto como o contrário, ou seja, não se gostar de animais e por isso fazer-lhes mal. Penso q o lugar dos animais é na natureza e há q respeitá-los e deixá-los serem livres/felizes com as suas características próprias, sem os moldar aos nossos interesses, às nossas características.
    Se eu lhe enviei aquele comentário é porque, attavés daquilo que escreve, parece-me ser uma boa pessoa, sendo assim, pareceu-me uma boa coisa alertá-la sobre um assunto q considero ter mais experiência, e, por isso, achar q só lhe fazia bem.
    Considero tb q há q respeitar quem não gosta de ter animais mas q os defende com unhas e dentes quando alguém os desrespeita. Considero apenas que cada macaco no seu galho.
    Eu tenho quase 60 anos, mas sou a favor do progresso, do dinamismo, da criatividade, e isso só consigo encontrar nas pessoas q não têm cão. Para eu dizer isso, é porque já lidei com milhares de pessoas nas duas situações e sei o q estou a falar. Sei reconhecê-las de imediato, sem à partida saber q têm ou não cão, Um exemplo: por acaso entrei num blog de um brasileiro q achei super interessante, com um poder/coerência de raciocinio muito grandes, sem as futilidades, falta de imaginação q se encontra na grande maioria dos blogs...e eu pensei para mim, tendo a certeza absoluta que esta pessoa não tem cão...e não é q encontrei nesse mesmo blog um post q confirmava isso! O nome do post é "Eu não gosto de cachorro e não tenho problemas com isso" e o endereço do blog é: http://outrosventos.blogspot.pt/
    Bjs
    Fernanda

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fernanda, desculpe, isso não faz qualquer sentido e é uma teoria com alguma maldade, sim. Os meus tios têm mais de 60 anos, têm 14 gatos e dois cães e são das melhores pessoas que conheço. A minha avó, já na casa dos 80 anos, vive com eles e também não ficou afectada por ter animais. Aliás, foram afectados com amor, com carinho, com devoção dos animais!

      Isso é discurso de quem não gosta de bichos.

      Eliminar
    2. Não sei se me rio ou se choro!

      Eliminar
    3. O conselho q eu lhe dei foi para si S*, porque através do que escreve parece-me ser boa pessoa, não foi para mais ninguém, portanto o comentário q está abaixo, se não for seu, está a mais, mostrando ser de uma pessoa sem imaginação, utilizando uma frase feita, sem argumentação própria, apenas e só para provocar e deitar a baixo...infelizmente, típico de pessoas q têm cão há muito tempo,

      Eliminar
    4. Calha bem que nunca tive um cão na vida... Apesar de gostar muito deles, acho que não tenho "perfil" para dona de cão. Mas gatos sim. Tenho, tive e terei. Se for fazer uma breve pesquisa, verá a quantidade de génios que tiveram gatos. Ainda não percebi se o seu problema é só com cães ou com animais em geral.

      Eliminar
    5. se é contra as toiradas devia ser, pelo mesmo fio de raciocínio, contra a domesticação dos animais. é uma maneira invejosa de confinar um animal à vida de humanos que não lhe dizem nada. se gosta de animais, deixe-os viver em paz e sossego.

      José D.

      Eliminar
    6. Boa tarde,
      Antes de mais, queria dizer q eu não tenho “problema” com os animais, mas pontos de vista. Gostar q eles sejam felizes, eles próprios na natureza , não considero problema. Quando disse q a falta de criatividade era típico de pessoas com cão, não disse exclusivo, mas mais frequente.
      Quando me refiro em particular aos cães, é porque considero q têm características, mais do q qualquer outro animal, q exigem dos donos domínio, ou seja, imposição de regras, para assim os poder levar a fazer cegamente tudo o q pretendem (“amor” incondicional, ladrar/morder para os estranhos q se aproximem de determinado lugar, viver num apartamento pequeno durante toda a sua vida, para fazerem companhia a alguém, para os donos descarregarem frustrações sem receberem retaliações em troca, preparados para lutas entre cães, passagens de moda caninas, etc., etc., etc.).
      Todos as raças de animais têm as suas características e os humanos, como é vulgar entre si, têm preferências, ou não, pelas características de determinados animais. Nunca tive um cão, nem conseguia ter, já q a exigência de regras e tudo o q disse atrás não me agradam. Penso q a convivência duradoura com o hábito de impor obediência através do castigo, da recompensa, do hábito, etc., habitua também os humanos a fazê-lo com os seus semelhantes, mesmo sem se aperceberem.

      Eliminar
  22. O comentário anterior deveria estar um pouco mais acima...peço desculpa!
    Fernanda

    ResponderEliminar
  23. Pode mesmo ser alergia à picada da pulga. Não precisa ter pulgas para isso acontecer, basta uma ter picado... a minha cadela sempre que é picada de pulga fica toda sem pêlo e quase que arranca a pele a coçar-se toda. Gastei rios de dinheiro em tratamentos e afinal era "só" isto. Tenta que não haja mesmo possibilidade de ele apanhar pulgas, acho que é por aí que se devia começar... :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada! Ontem voltamos a aplicar desparasitante externo... ainda há 3 semanas tinha colocado um pipeta, mas a veterinária aconselhou... a ver vamos!

      Eliminar
  24. Os meus animais quase nunca estao doentes,sinceramente ja nem me lembro da ultima vez...

    ResponderEliminar