Avançar para o conteúdo principal

Kate & William


A Kate e o William fazem um casal lindo. Tiveram um casamento fabuloso. Apesar do William ser o mais que óbvio futuro rei (sim, que eu duvido que o papá o seja), consegue manter aquele ar de rapaz maroto e relaxado. 

Hoje eles anunciaram que vão ser pais e eu fiquei feliz. Não sou nada destas coisas, mas fiquei feliz.

Comentários

  1. Também eu!
    Torço por eles!
    P.S.- Mas olha que são muito invejosos! Ahahahahahahah

    ResponderEliminar
  2. Não sabia :) Eu também simpatizo com eles e fico feliz pela notícia! Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Se ela não engravidasse entretanto tinha a cabeça a prémio...

    ResponderEliminar
  4. Eu também. Acho que nos identificamos com eles porque parecem ser pessoas bastante comuns. E felizes. Acho mesmo que são muito felizes.

    ResponderEliminar
  5. eu gosto imenso deles. nota-se q eles gostam genuinamente um do outro, e ela e super elegante. fico feliz por eles e com sorte ganho um feriado extra em 2013

    ResponderEliminar
  6. Também vi e gostei : ).
    Só fiquei na duvida se postava...

    ResponderEliminar
  7. Mais um chulo para o mundo. Já andam cá poucos.

    ResponderEliminar
  8. Ainda este fds vi uma reportagem sobre os rumores e pensei mesmo que fosse só isso, afinal hoje confirmaram tudo, também fiquei contente por eles :)

    Andrea

    ResponderEliminar
  9. Que sejam mais felizes que a mamã dele, por quem tenho uma grande admiração :D

    ResponderEliminar
  10. Também simpatizo com eles :)
    Gostei de ouvir a noticia!

    ResponderEliminar
  11. até podem não o ser, mas quase que parecem um casal normal, super fofinho e apaixonado. também gosto deles :)

    ResponderEliminar
  12. Que sejam felizes!
    Também fiquei feliz, aliás um bébé é sempre motivo de alegria!

    ResponderEliminar
  13. Eu acho-a um bocadinho artificial, também por estar no meio de todos aqueles protocolos mas fico feliz por eles :)

    ResponderEliminar
  14. A sério? Fiquei a saber através deste blog... Que bom, também fico mesmo contente. Acho que eles parecem sempre genuinamente felizes :)

    pippacoco.blogspot.com

    ResponderEliminar
  15. Também fiquei. Acho que eles aparentam estar de facto apaixonados e ser um casal feliz. E portanto esta é uma notícia feliz :)

    ResponderEliminar
  16. Se eu fosse inglesa, contribuinte e me esfalfasse a trabalhar para dar balurdios anuais a esta familia nao ficaria nada contente com + uma boca para alimentar.

    Eles nao sao tao normais quanto parecem e o pais nao esta tao feliz quanto os jornais querem fazer parecer. Basta ler alguns jornais ingleses para se perceber.

    ResponderEliminar
  17. Eu também não sou nada destas coisas :P

    ResponderEliminar
  18. Também acho muito linda esta notícia, eles parecem ser muito felizes e o filhinho só vai aumentar isso. Que bom :)

    ResponderEliminar
  19. Eu também fiquei feliz! Por que não ficar feliz com uma boa notícia? :)

    ResponderEliminar
  20. Fazem um casal lindo, lá isso é verdade. Fico feliz por eles :)

    ResponderEliminar
  21. Ficam tão lindos juntos. Espero que sejam muito felizes.
    Beijinhos grandes.

    ResponderEliminar
  22. Também gosto deles! Vai ser a loucura aqui em Inglaterra! Hihihi

    ResponderEliminar
  23. Gosto sobretudo dela, que parece descontraída e espontânea. E ainda bem que engravidou, senão não teria sossego, a rapariga! :)

    ResponderEliminar
  24. Também acho isso!
    Mas fazem tanta especulação em, torno deles! Até já dizem que podem ser gémeos, já viste?!

    Beijinho :)

    ResponderEliminar
  25. gosto tanto deles! nós nunca sabemos mesmo mas eles parecem estar a viver um autêntico conto de fadas :)

    ResponderEliminar
  26. Também gostei de saber. Gosto deles.

    ResponderEliminar
  27. Fico muito contente, principalmente pela Kate. Já paga um preço muito alto por ser casada com o príncipe, se não engravidasse era ex-cumungada e era uma pena porque este casa faz-nos lembrar os contos de fadas em que a miúda do povo fica com o príncipe... e viveram felizes para sempre*

    ResponderEliminar
  28. Parece que crescemos com ele e o irmão não é? Acabam por fazer um pouco parte da nossa história. Também gosto do casal. Parecem muito verdadeiros.

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã.

Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte?

Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria.

Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

O que é nacional é bom

Anda Portugal a usar cestas desde sempre e esta vossa S* a usá-las há sete ou oito anos... e vem agora a Carolina Herrera descobrir a pólvora (imagens acima).
Por favor, acho isto verdadeiramente errado. A desfaçatez que é pegar em algo tradicional de um país e de o apresentar como uma "criação"... Ainda por cima chamar-lhe "Aveiro"... E em nenhum sítio dizer que tem inspiração portuguesa.
E a pechincha que está? Quase 500 euros por uma cesta. Não tinha nada contra o preço... se efectivamente fosse um produto de original.
É só googlar "cesta portuguesa" e encontram-se imensos exemplares realmente nossos... E sem custarem quase um salário mínimo.
Querem cestas de classe? Então comprem das nossas. Das verdadeiras. Cópias descaradas? Não, obrigada.
Sugiro a Victoria Handmade. Não são caras, são dispendiosas e têm o preço do que é realmente bom. São feitas à mão, são portuguesas e assentam na nossa tradição. 

Voltar ao início

Depois de quase 9 anos e meio de relação, não vamos fingir que são tudo rosas. Ultimamente, temos até de admitir que têm sido mais os dias maus do que os dias bons. As chatices do dia-a-dia, os remorsos, os ressentimentos, os problemas a que somos alheios mas que nos afectam... Não é fácil de gerir e mentiria se não admitisse que já pensamos "será que vale a pena?".
Da minha parte, apesar dos momentos menos bons, continuo com a nítida percepção de que é um bom homem, com bons princípios, e que dificilmente encontraria companheiro que encaixasse tão bem em mim (que eu sou osso duro de roer, no que toca ao convívio caseiro).
Vale sempre a pena, porque não perdemos esta capacidade de nos reencontrar e voltar ao início. Enquanto soubermos olhar um para o outro e reconhecer o valor um do outro, vale mesmo muito a pena.