quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Comentário que vira post

"Devemos amar apenas com metade do coração, para que, com a outra metade, nos possamos amar a nós próprios"


Obrigada Efrem.

29 comentários:

  1. Já que não podemos ter 2 distintos....

    ResponderEliminar
  2. Que linda frase, gostei muito e é uma grande verdade.
    Beijinhos grandes

    ResponderEliminar
  3. É bem verdade. Respeito por nós próprios dá-nos maior clareza na altura de amar outro.

    ResponderEliminar
  4. o que vale é que o coração cresce à medida do amor! :)

    ResponderEliminar
  5. Das coisas mais sábias e verdadeiras que se pode dizer..

    ResponderEliminar
  6. E uma metade não funciona sem a outra. =)

    ResponderEliminar
  7. ora aí está algo muito bem pensado! ;)

    ResponderEliminar
  8. Desde há um tempo que deixei de agir sem primeiro me pôr no lugar do outro e pensar se gostava se me fizessem a mim.. tombos da vida :s

    *

    ResponderEliminar
  9. Muito bem dito.
    Na verdade só poderemos amar de facto o outro se tudo estiver bem resolvido como o nosso amor próprio.

    ResponderEliminar
  10. Eu dou o meu coração por inteiro...mas ainda sobra muito rsrsrsrsrsrs

    ResponderEliminar
  11. O problema é quando amamos alguém com as duas metades, e esquecemos-nos de nós próprios.

    ResponderEliminar
  12. Tem toda a sua lógica. Nunca nos devemos deixar de amar.

    ResponderEliminar
  13. Ai que lindo!
    Então eu amo com o coração todo e mais alguns bocadinhos, para chegar para todos, hehehe!

    ResponderEliminar
  14. Tem razão sem dúvida o problema é que as vezes ocupamos a metade que nos pertence sem darmos conta.

    ResponderEliminar