quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Sobre os avanços e recuos do Governo

Já era fácil de prever que o Governo fosse anunciar que o aumento da Taxa Social Única era para todos e depois recuasse um pouco. Pelos vistos vai recuar e dizer que quem ganha menos não vai sofrer este aumento da contribuição para a Segurança Social. Eu agradeço, a sério, mas não acredito que isto foi inocente. É uma boa estratégia de marketing. Assim o povo fica a pensar "ufa, podia ter sido pior".


27 comentários:

  1. pois eu continuo a achar uma m... (descilpa lá a linguagem), mas isto não faz sentido.

    Bjos
    Maggie

    ResponderEliminar
  2. é sempre assim, mas estes já nem assim se safam,

    ResponderEliminar
  3. isso chama-se mandar areia para os olhos dos que todos os dias se sacrificam mais um pouco!

    ResponderEliminar
  4. Cá para mim eles vão "apalpando" terreno, para ver até onde podem ir! Só houver muito alarido, voltam com a palavra atrás. Se ninguém se queixar mais do que é suposto, seguem em frente com estas "iniciativas".

    É o mesmo com os combustíveis! Diminuem muito pouco o preço e na semana seguinte há aumentos brutais!

    ResponderEliminar
  5. Vou já espreitar as notícias porque não ouvi nada sobre recuos. Oh gaita...

    ResponderEliminar
  6. Vamos ver no que isto vai dar!
    Eu vou fechar a minha empresa e passar a funcionar a recibos verdes porque neste momento não é viável a quantidade de impostos que somos obrigados a pagar, é pena.
    Bj S

    ResponderEliminar
  7. Concordo contigo, acho que é uma estratégia da parte deles. E o pior é que funciona!

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  8. Podes crer! "Tomem lá uma bomba, agora contentem-se com o pouco que não é mau. "

    ResponderEliminar
  9. Mas se não houvesse manifestações, deixavam ficar... São uns bons fdp's...

    ResponderEliminar
  10. A mim cheira me é que o governo vem a baixo antes do fim do ano.

    ResponderEliminar
  11. Eles sabem muito! O que gostaria de saber é se os Sr's deputados vão continuar a receber ambos os subsídios como receberam até aqui e se também vão levar o corte de 7%! Disso não vejo ninguém falar!

    ResponderEliminar
  12. Se eu estava a pedir um aumento ao meu patrão... agora estou a pensar pedir uma redução... que caraigos!

    ResponderEliminar
  13. Isto é mais uma medida em que nos chamam de parvos à descarada.
    Andam sempre com estes jogos estúpidos apenas e só com a intenção de nos atirar umas pequenas areias apara os olhos e para pararmos de berrar. Era evidente que eles iam acabar por fazer isto. Isto (a intransigência deles) a mim só me faz pensar que como sempre eles estão a esconder muito mais do que nos contam .... 700.00€ brutos, lá vão as pessoas ser comidas em quase 200 lecas.
    Bjs

    ResponderEliminar
  14. Não consigo concordar com esse "recuo" e nem vou em estratégias de marketing.
    O aumento da TSU não pode existir seja de que maneira for e para quem for.
    É incorrecto e ninguém cai nessa.Está toda a gente contra.
    Se não recuam nessa medida, não ficam lá muito mais tempo.

    ResponderEliminar
  15. Já foi estratégia o próprio do aumento para todos. Foi em substituição à possibilidade de retirarem um subsidio a todos, feitas as contas é exactamente o mesmo valor que se perde ao final do ano, o valor de um salário.
    Já nem sei que pense em relação a isto tudo :/

    ResponderEliminar
  16. Eles tiveram de dar um passo atrás, o povo falou muito alto.

    ResponderEliminar
  17. Facto: ah e tal, tenho uma notícia má e uma notícia péssima. Digo-vos a péssima primeiro e vão ver como depois já tudo parece muito lindo quando vos disser a má. *

    ResponderEliminar
  18. Um dia destes no Eixo do Mal, acho que foi o Daniel Oliveira que contou essa piada: a da mãe que diz ao filho 'o teu pai e a tua avó morreram, o gato foi atropelado, o cão comeu veneno para ratos, e eu estou grávida de gémeos' para depois o aliviar dizendo 'estou a gozar, foi só a tua avó que morreu'.

    ResponderEliminar
  19. Mais uma vez nos tomam por parvos, e eles na assembleia têm vários empregos, carros topo de gama, almoçam do bom e do melhor, viagens pagas, enfim um sem numero de coisas, tudo pago por nós...
    E nós vamo trabalhar de transportes públicos e levamos marmita...que eu me orgulho muito.

    ResponderEliminar
  20. Andas com umas deduções muito interessantes.
    Já pensaste filiar-te num partido?
    Acho que tinhas futuro. lool

    ResponderEliminar
  21. E as injustiças prevalecem.

    Bastará pensar que um casal sem filhos que ganhe 700 euros cada um fica isento. Um casal com dois filhos em que apenas um trabalha mas que tem o "azar" de ganhar 1500euros vai ter que pagar e ainda fica sem subsídio de férias e sem subsídio de Natal.

    O Tribunal Constitucional vai-se deliciar...

    ResponderEliminar
  22. Eu sou da tua opinião! Para mim ele exagerou na primeira comunicação para depois recuar e para alem de arrecadar o que pretendia ainda passa a imagem de que afinal podia ser pior e até tem um bom coração.
    Eu acho realmente indecente tirar a quem ganha pouco... mas tirar mais 100 euros a quem ganha mais de 700 continua a não ser muito doce.


    * beijocas

    ResponderEliminar
  23. Concordo com a Ni e com a Tixa.
    Mesmo que seja progressiva não tem sentido e viola a dita "equidade".
    Têm que recuar na medida e ponto final.
    Nem o partido do governo concorda com a medida, nem os patrões, nem sindicatos.
    A manifestação de sábado tem que ter servido para alguma coisa.

    ResponderEliminar
  24. Mas eu acho bem que a Taxa Social Única aumente para quem ganha mais.

    ResponderEliminar
  25. Ainda ontem falei com uns amigos acerca disso mesmo

    ResponderEliminar