quinta-feira, 23 de agosto de 2012

Ainda há quem duvide que os gatos são fabulosos

Cenário: Casa da minha mãe à hora de almoço. A mãe opta por fechar algumas portas, porque temos um gato que adora marcar território.

Estava eu sentadinha na cozinha e o Fred miava, miava, miava. Arre, ele só costuma miar quando anda atrás de moscas, por isso ignorei. 5 minutos, 10 minutos. Não pode ser, a mosca tem de ter fugido! Lá vou eu pelo corredor, abro a porta número um, nada. Porta dois, nada. Porta três... e tinha o gato Figo fechado no que era o meu antigo quarto.

Os bichos são solidários, pensam o quê? :)

16 comentários:

  1. Os animais são maravilhosos :) uma das melhores "coisas" da vida, sem dúvida!
    Não entendo como existem pessoas que não querem animais, que não gostam de animais... sempre tive animais e não saberia viver sem eles!

    ResponderEliminar
  2. Um gato que mia ás moscas?
    Bom se ele estivesse na casa da minha mãe não parava de miar, aquilo é campo. De dia há moscas, á noite há mosquitos, acho que ficavas com um gato rouco num instante :)

    ResponderEliminar
  3. :) Gatos cães, para mim são todos fabulosos. Adoro mesmo

    ResponderEliminar
  4. ahahah Pinta Roxa, sim, mia ás moscas!!

    ResponderEliminar
  5. Lol... Realmente é verdade! Só quem tem gatos é que tem o privilégio de presenciar cenas únicas assim!

    ResponderEliminar
  6. cat lady in da house! os animais são lindos. os gatos então, são de uma esperteza impressionante.

    ResponderEliminar
  7. Eu tenho alergia de gatinhos, mas adoooooro cachorros!! =)

    Beeijinhos
    http://blogamandacosta.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  8. Inês, oui... põe-se a fazer "quéquéqué", nervoso a olhar para os bichinhos voadores.

    ResponderEliminar
  9. Desculpa mas estou farta de me rir com a cena.....
    gatos a miarem e tu a veres na porta 1,2,e 3. Só me lembra a famosa expressão "qual é a porta que escolhe??A 1???Tem a certeza???"

    ResponderEliminar
  10. ahahah Inês, foi mais ou menos assim. :)

    ResponderEliminar