Ano novo, vida velha

Sim, muda o ano. So what? Muda alguma coisa só porque entramos em 2010?

Os problemas desaparecem? As guerras terminam? O dinheiro passa a nascer como cogumelos?

Não acho piadinha nenhuma ao ano novo. Não muda nada, fica tudo na mesma. Muita gente se dedica a fazer uma introspecção nesta altura do ano. Pensam na vida, no que deviam ter feito e não fizeram, no que deviam ter dito e não disseram... Lamentam não ter feito mais, não ter dito mais, não ter querido mais. Lamentam, no fundo, não ter aproveitado melhor.

Esse exame de consciência tento fazê-lo todos os dias, não apenas no fim do ano. Tento avaliar o meu percurso e ponderar se tem sido bom ou mau.

Também não gosto das festinhas de ano novo. Oh que estamos todos tão felizes, vamos vestir a nossa melhor farpela e sorrir à vida. Bah, não gosto. Pronto, é verdade que eu não aprecio discotecas e bailaricos, mas aprecio ainda menos a falsa felicidade.

Gosto tanto do Ano Novo como gosto do Carnaval. Parece que é obrigatório estar-se feliz.

Pensando melhor... Sou capaz de gostar mais do Ano Novo. Ao menos como que me farto. Aqui está o meu primeiro desejo para 2010: emagrecer os quilos que já estou para emagrecer há três ou quatro anos.

Comentários

  1. Eu gosto muito da festa de ano novo. Porque é uma festa, e gosto de todas as festas. Mas só porque as festas para mim costumam ser com aqueles de quem mais gosto, a jogar uns monopoly's ou uns party&co's e a sermos felizes naquele momento em que estamos juntos (Não considero que haja falsa felicidade em algum dos momentos!). E admito que adoro a sensação de "começar de novo", também. Acontece-me com um ano lectivo novo, com um ano do calendário novo, com um caderno novo, e até mesmo com um novo shampoo, que me faz logo ir tomar banho para o experimentar! Mesmo que não ligues à festa, olha: desejo-te um óptimo 2010, com essa ponderação diária que fazes sempre muito positiva;)*

    ResponderEliminar
  2. Tenho a mesma opinião que tu. O único desejo que peço é ter sucesso na escola, mas isso peço todos os dias. A festa... Até há 2 anos sempre foi em casa a ver fogo de artificio pela janela com o pessoal cá de casa. Agora tenho ido pra disco, mas eu gosto de dançar e vou porque gosto de dançar e vou com quem gosto. De resto, é um dia como os outros. Só muda de 31 de Dezembro pra 1 de Janeiro como muda de 31 de Agosto pra 1 de Setembro.

    Mas pronto, não deixo de desejar um bom 2010. Que emagreças esses quilos.

    ResponderEliminar
  3. Tal e qual como intitulaste o post, 'Ano novo, vida velha'.. Nao gosto da pressão de felicidade forçada. Acho que o ano vive-se durante os outros dias,e não apenas de 31 para o dia 1, mas enfim.. =)

    ResponderEliminar
  4. Apesar de estar com uma sensação especial em relação a este ano, concordo contigo nesse aspecto. Nada muda, ou melhor, nós devemos mudar se acharmos que precisamos, mas não só porque é ano novo

    ResponderEliminar
  5. Sou da mesma opinião sobre o Ano Novo. Exactamente. No entanto, feliz 2010 :)

    ResponderEliminar
  6. Implicar com uma festa parece-me bastante deprimente. O Ano Novo e o Carnaval são datas sem significado aparente, a não ser haver um dia especial em que as pessoas terão uma festa de arromba, maior que qualquer aniversário ou saidinha de sábado à noite. Não vejo nada de mal nisso, já agora também vamos implicar com o São João. Que raio é que o Santo fez de especial? Pq nos temos que divertir nessa data? E pq não? É feriado, está instituido que temos um dia para o deboche, pq não aproveitar?
    Quanto às pessoas pensarem no que irão fazer para o Ano e daí fazerem resoluções tb não vejo nada de errado. Não que tudo mude, mas já que dividimos o tempo, faz sentido que mentalmente dividamos a nossa vida em etapas e planeemos com mais ou menos rigor o que iremos fazer em cada etapa ou reflectimos sobre o que correu mal nesta e pensamos como melhorar na próxima. Fazer isso diariamente com tanta profundidade simplesmente não dá, senão andavamos todos os dias a matutar.

    ResponderEliminar
  7. Minha querida amiga os meus desejos sinceros de um excelente ano 2010, princípalmente com saúde.

    Beijão.

    ResponderEliminar
  8. Caro Jonas, deprimente coisa nenhuma. Tenho o direito a não achar piada à coisa, não tenho? ;)

    Gosto do Natal, gosto do Sao Joao, gosto de muita festinha... Nao gramo o ano novo e o Carnaval português-a-imitar-o-brasileiro.

    ResponderEliminar
  9. O Ano Novo para mim é uma desculpa muito parva para a malta cometer loucuras, exceder-se... Uma porcaria na minha opinião. Eu gosto de festejar com os meus amigos, nada de grandes festas, 5 ou 6 numa casa com bom vinho e comida... Eu também não gosto de discotecas e outras locais onde se festeja com toda a pujança esse dia. Mas cada um é como cada qual... De momento a minha vida não vai boa, ou seja, mesmo me juntando ao meu pequeno grupo de amigos, sei que não vou estar ali a 100%, no entanto, acredito que será uma boa altura para ficar alheio a certas coisas!

    Bom Ano para ti.

    ResponderEliminar
  10. ººº

    ___________0__o_o__0_ _oo____o_0
    ________0____oo___0_ _0_o_____o0
    _______0___o__o_o_0_ _0__o__o_o_0
    ______0_o___o_____0__o__o__o___o_0
    ______00o0000o00o0o0__0o0000o0oo0o0
    _____000o0o00000o000_000o000o000o00
    _____00000o000o00000_000o00000000o0
    _____0o00oo00o0o000___0000o00o00000
    _____0o0o00000o000____000o0o00o0o00
    ______0o0o0000o00______0000o00o00o0
    _______0000o0000________ 00o000o000
    ________0000000___________0000000
    _________00__________________00
    ________00____________________00
    _______00______________________00
    ______00________________________00
    _____00__________________________00
    __000000________________________000000


    . com amizade,,, .

    . desejo um optimo ano... 2____0____1____0

    Bjo enormeeee!!!

    ResponderEliminar
  11. post...muito inteligente..e muitissimo acertado...
    Mudar de vida pq mudamos de ano...não creio....acredito tal como tu...que os nossos problemas, preocupações...nos acompanham também na passagem...por isso sou como tu...penso neles..e no que posso e devo mudar...todos dias..

    ResponderEliminar
  12. Sou como tu ..talvez por isso este poema de diga tanto...........

    Para você ganhar belíssimo Ano Novo
    cor do arco-íris, ou da cor da sua paz,
    Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
    (mal vivido talvez ou sem sentido)
    para você ganhar um ano
    não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
    mas novo nas sementinhas do vir-a-ser;
    novo
    até no coração das coisas menos percebidas
    (a começar pelo seu interior)
    novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
    mas com ele se come, se passeia,
    se ama, se compreende, se trabalha,
    você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
    não precisa expedir nem receber mensagens
    (planta recebe mensagens?
    passa telegramas?)


    Não precisa
    fazer lista de boas intenções
    para arquivá-las na gaveta.
    Não precisa chorar arrependido
    pelas besteiras consumidas
    nem parvamente acreditar
    que por decreto de esperança
    a partir de janeiro as coisas mudem
    e seja tudo claridade, recompensa,
    justiça entre os homens e as nações,
    liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
    direitos respeitados, começando
    pelo direito augusto de viver.


    Para ganhar um Ano Novo
    que mereça este nome,
    você, meu caro, tem de merecê-lo,
    tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
    mas tente, experimente, consciente.
    É dentro de você que o Ano Novo
    cochila e espera desde sempre.
    [Carlos Drummond de Andrade]

    Bjos Bom Ano!

    ResponderEliminar
  13. Concordo.. Acho que nem vou sair de casa!!

    Beijinhos :) e bom ano :D

    ResponderEliminar
  14. É isso mesmo S*zinha! Podes é fazer dessa noite um pretexto para um jantarinho com amigos e conversar animadamente noite dentro! Eu aproveito que a "cria" vai para a festa e faço um jantar maravilhoso com o meu homem, seguido de um filmezinho e...de o que mais nos lembrarmos. :p
    Bjnhs e sê feliz!

    ResponderEliminar
  15. Muito bom! Concordo com quase tudo! O meu post de fim de ano não vai ser muito diferente do teu, hehe!

    Vá, boa sorte na perda dos quilinhos! Eu ando a ver é se engordo, hehe! ***

    Ah, e parabéns pelo bonito e redondinho número de seguidores: 400 ;o)

    ResponderEliminar
  16. Não ligo nenhuma também ao ano novo! e igualmente ao Carnaval...

    Sim devemos ter esses exames de consciencia todos os dias não é só à meia noite do dia 31!!

    Beijo

    ResponderEliminar
  17. Alegra-te rapariga! É em 2010 que o Benfica vai ser campeão!!! (ok eu não sou benfiquista, mas é sempre isto que oiço em todas as passagens de ano -.-)

    ResponderEliminar
  18. Isso isso isso isso!Isso mesmo.Sinto exactamente a mesma coisa que tu!
    Tanta algazarra só por passarmos de um ano para o outro...

    ResponderEliminar
  19. Ora ai estão duas festas que eu dispenso bem. Vou ficar tão bem em casa no quentinho, ó se vou :)

    ResponderEliminar
  20. Eu penso no Ano Novo como uma oportunidade para juntar os amigos todos, o que acaba por ser complicado no resto do ano. Por isso, gosto. Além disso, a vida não muda, mas há aquele elemento psicológico, algo que nos faz pensar "tenho uma nova tentativa", é como um recomeço. Um pouco como quebrar a dieta à 5ªfeira e determinar a 2ªfeira como o dia dos recomeços.
    Já o Carnaval é a desculpa para soltar a louca/slut/qq coisa socialmente mal vista que há em mim. Há 2 anos vesti-me de Madonna circa 1985 :P

    Feliz ano novo!

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  21. Por um lado não deixo de concordar contigo. Por outro, agrada-me a sensação de começar de novo. Tens razão quando dizes que os problemas não desaparecem nem se resolvem mas é como se a esperança se renovasse..não sei, mas aprecio. Um óptimo ano de 2010 para ti S*!!

    ResponderEliminar
  22. ...Festas com hora marcada, pois não, obrigada! Beijos

    ResponderEliminar
  23. Alguém que me entende... LOL

    ;)

    Também não acho piada às "festas" hipócritas...

    ResponderEliminar
  24. Olá!
    Eu acho que o Ano Novo...somos nós que o vamos fazer, e como tal devemos começa-lo animado e com esperança:=)))


    Beijocas

    ResponderEliminar
  25. o que mais gosto do ano novo é do sentimento de esperança e uma espécie de novo fôlego que sentimos nas nossas vidas. como se tudo fosse possível...
    bom ano S*

    ResponderEliminar
  26. também penso de forma parecida.
    em relação ao que escreveste no inicio do post.
    Mas a festa de ano novo sempre foi especial para mim porque é também o meu aniversário, e porque este ano ultrapassados problemas tão complicados quero é aproveitar esta festa para dizer adeus a tudo de mau que passei em 2009!
    beijo querida bom ano!

    ResponderEliminar
  27. Independentemente desse sentimento, não podia de passar por aqui para desejar um fabuloso ano.

    ResponderEliminar
  28. Muda sempre bastantes coisas - mesmo que não seja da tua vida!
    Nesta altura as pessoas tentam ser melhores, para muitas é a nova época de vida para uma pessoa que se pretende dedicar a algo e que recorde 2010 por um lado positivo.
    Beijinhos e um bom ano!
    E não és obrigada a gostar de passagens de ano! :D

    ResponderEliminar
  29. O Ano Novo é uma forma que as pessoa arranjaram de se redimirem dos erros do ano que passou e acaba por ser um sinónimo de esperança, de que se vai melhorar etc.

    Concordo com tudo o que disseste :)

    E desejo-te um Feliz 2010!!! Repleto de muita paz, saúde, amor e felicidade :) BJS***

    ResponderEliminar
  30. E já somos 2 a pensar assim! Bom 2010 :D

    ResponderEliminar
  31. que engraçado, eu coloquei no google, ano novo, vida velha, e achei este texto que fala oq eu penso nesse momento deitado em minha cama, no mínimo mto estranho.

    ResponderEliminar
  32. 'Aqui está o meu primeiro desejo para 2010: emagrecer os quilos que já estou para emagrecer há três ou quatro anos'

    lol

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares