Avançar para o conteúdo principal

Sugestões da S*

Coisas que podiam inventar, pois acredito que seriam um sucesso para casais: lençóis divididos ao meio. De um lado, polares e quentinhos (para mim), do outro lado, frescos e frios (para ele).

Ontem pus os lençóis polares na cama e o mais-que-tudo já começou a reclamar... Eu sou aquele tipo de pessoa que adoooora dormir com mantas e cobertores em cima, com aquela sensação reconfortante de peso. Ele esperneia, destrói a cama, dorme destapado... mas durante a noite já se enrosca nas mantas. É o que é.

Comentários

  1. Detesto lençóis polares. Acho-os quentes demais, fazem transpirar e mesmo o ar da nossa respiração deixa-os com gotículas de água, molhados portanto. Não gosto. No Inverno uso na mesma lençóis de algodão normal, mas se sentisse necessidade de mais quentes, optava pelos tradicionais de flanela. São quentes e mais saudáveis.

    ResponderEliminar
  2. Sou friorenta e gosto de dormir bem quentinha, mas sem extremos. Uso só uns lençóis, dois cobertores e o edredon. Mais pijama. O meu namorado dorme de pijama no Inverno e pouca roupa de cama. Mas é um facto que se dormirmos juntos não tenho frio, apesar dos poucos cobertores, porque o homem é super quente! Acho que não vamos ter esse problema :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como o conceito de extremos pode mudar: cá em casa lençóis e édredon e só a parte de cima do pijama :)

      Eliminar
  3. Eu também sou tipo bloco de gelo! Tenho sempre muito frio. E tenho pijamas térmicos, lençóis térmicos e um hedredon quente! :D

    www.pensamentoseepalavras.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  4. Eu faço isso =P Mas porque sou pobre, para ter uma cama de casal, junto duas de solteiro. Assim numa meto polares, na outra meto fresquinhos. Ninguém reclama e pronto, dormimos juntos na mesma. Beijinhos S*.

    ResponderEliminar
  5. Pura coincidência: outro dia naquele programa dos Tubarões, foi lá um homem com o projeto de uma máquina para colchão! Essa máquina é capaz de aquecer um lado do colchão e arrefecer o outro! ahah
    Ele não passou mas ainda vais a tempo de o contratar :P

    ResponderEliminar
  6. Seria sem dúvidas uma grande invenção :)

    ResponderEliminar
  7. Por aqui os polares ja estao na caminha desde outubro (acho que estou a exagerar um pouco mas nao muito ;) ) e são amados e respeitados pelos dois seres que se deitam neles. Nos adoramos e somos uns friorents de primeira eheh

    ResponderEliminar
  8. Eu compraria esses lençóis, o meu queixa-se do mesmo quando eu ponho os polares :)

    ResponderEliminar
  9. Por aqui também se dorme de lençóis e pijama polar :)

    ResponderEliminar
  10. Já fui o mais possível opositora de lençois quentes. Dormia, em pleno Inverno de lençóis de tecido brancos. Mas a idade não perdoa e, agora, é porque ainda não calhou que não comprei uns polares.

    ResponderEliminar
  11. O meu namorado é igual...Ele dorme sem pijama até no inverno! Já a mim ninguém vê...enfio-me debaixo dos cobertores (muitos de preferência) e assim durmo! :D

    ResponderEliminar
  12. A minha prima (sueca) dorme numa cama de casal com o marido e usam capas de edredon separados. Diz que assim nunca se zangam.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estive em dezembro na Alemanha e nos hotéis usavam este método!

      Eliminar
  13. cama quentinha sim, mas sem peso,por isso, o edredon é um amigo muito querido. já lençóis polares, não. no entanto, acho-os muito fofinhos.

    ResponderEliminar
  14. Se fizerem diz-me sff que eu corro a comprá-los...
    Meu namorado também é como o teu -.- humpffff

    ResponderEliminar
  15. O meu queixa-se do mesmo. Mas como eu sou uma pessoa que precisa de roupa quentinha e fofa na cama, tem que se aguentar à bronca! :D

    ResponderEliminar
  16. Eu aderia. O meu já se cansou de reclamar, pq eu ganho sempre ahahahah mas ele n acha mt graça aos polares!

    ResponderEliminar
  17. Começo a achar que isso é mal geral dos homens :D

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã. Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte? Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria. Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

I wish

 Faço anos daqui a um mês e, este ano, vou querer prendas muito práticas e objectivas. Algumas coisas preciso comprar, outras substituir, mas acho que vou deixar um pouco as vaidades de lado e optar por poupança real - porque são coisas que teria de comprar. Alisador de Cabelo a vapor BELLISSIMA My Pro (Titânio - 170 °C - 230 °C ) Este ou outro qualquer, desde que seja bom e não me estrague (demasiado) o cabelo. Uns auscultadores. Preferencialmente giros. Preferencialmente sem fios. Estes ainda por cima dobram-se, o que é muito prático para colocar na mala. Um candeeiro de tecto novo para o meu quarto, que o que tenho é antigo e tapa imenso a luz. A minha irmã comprou este candeeiro de mesa para o quarto do meu pequeno (em preto) e amei de paixão. Queria assim em tom cobre para o meu quarto. :) Todos os candeeiros da Leroy Merlin / AKI.

Work in progress

Aprender a lidar com a solidão não é um processo mesmo nada fácil. Ando a diversificar as minhas formas de entretenimento, mas, convenhamos... A COVID não é muito minha amiga. A chuva rouba-me as caminhadas. Valham-me as amigas que me telefonam para ir apanhar pinhas ao monte e as colegas sempre presentes.  Comecei a dançar às segundas-feiras à noite - com a vantagem de achar a professora uma simpatia. A amiga Netflix tem-me feito muita companhia. Estou a ver a primeira temporada de Outlander e sei que tenho série para umas semanas. Os livros também prometem ser grandes amigos, mas sinto-me sempre com tanto sono e com tanto cansaço que tenho evitado a palavra escrita. Estou bem, mas estou a adaptar-me. Com dias melhores e dias menos bons. Obrigada a todos os que, de uma forma ou de outra, demonstraram caminho.