Avançar para o conteúdo principal

Instaweek

Pequeno-almoço perfeito. Raio do lanche, era mesmo bom.

Orgulho em Portugal.

Dentastix. 

Lasanha da mãe, uma perdição.

O amor da minha vida. My one and only.

Quadro de cortiça cá de casa. 

Loja retro num Sábado à noite.

Coisas "do antigamente".

El Comandante.

Bella gorducha.


Comentários

  1. Aquela lasanha tinha cá um aspeto... :)

    ResponderEliminar
  2. Vocês os dois ficam mesmo bem juntos :) A lasanha deu-me água na boca!

    http://miscelaneathesecond.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. bom dia :)
    onde fica essa loja retro? é em Viana? sou de perto e gostava de a ver...
    C

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. C, chama-se À Moda Antiga e localiza-se mesmo em frente ao Jardim Municipal de Viana. :)

      Eliminar
  4. Essa lasanha tem um aspecto delicioso, o que eu me derreto por lasanha :D

    O comandante tem um ar tão matreiro :P

    Beijinhooos :)

    http://princesasemtiara.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  5. A Bella está a crescer a olhos vistos :)

    ResponderEliminar
  6. estou quase pronto a roer um dentastix, tal é a raiva que me deu o meu "orgulho em portugal"

    ResponderEliminar
  7. Que ar de felicidade genuína, o dos pombinhos =)!

    ResponderEliminar
  8. Ar de felicidade genuína, o dos pombinhos =).

    ResponderEliminar
  9. Eu fui em uma loja com objetos de antigamente como esta, em Lisboa.

    A rua com bandeiras de Portugal está linda!

    O casal que aparece sorrindo é querido.

    Beijos de cá.

    ResponderEliminar
  10. O melhor das fotos, o vosso sorriso, diz tudo :)

    ResponderEliminar
  11. Que semana preenchida!!!
    Os teus pequeninos são super fofos!
    beijinhos
    http://direitoporlinhastortas-id.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. E fazem mesmo um casal bonito! :)
    Felicidades

    ResponderEliminar
  13. Fazem um casal super querido e giro! Muitas felicidade, S.* :))
    Marina

    ResponderEliminar
  14. Que boas lembranças de outra época:-))
    Que bem é sorridentes que são :-))

    ResponderEliminar
  15. Que lindas fotos ;)

    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  16. Que fofos:)
    Adoro calças pantalonas e ficam te muito bem.
    Essa loja é um encanto, e as bolachas de baunilha que boas:)

    beijinhos

    ResponderEliminar
  17. Cada um usa o que lhe agrada e com aquilo que se sente melhor, mas eu continuo sem compreender essa tua capacidade de olhar para o espelho (e tu olhas bastante) e não veres o que está mal.
    Essas calças largas ficariam razoavelmente bem (porque realmente bem era quase impossível de tão largas!) a uma pessoa com mais 20cm e menos 10kgs e o casaco preto do outro post está dois tamanhos acima do teu corpo. Os ombros ficam-te quase a meio do braço o que faz parecer que num dia de frio pediste um abrigo emprestado à tua tia gorda. As peças não são feias, estão é nas medidas erradas para o teu corpo.
    Tu tens um sorriso bonito, um ar alegre, mas escolhes roupas que te fazem parecer 20 anos mais velha.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo, eu compreendo que não goste, mas sinto-me bem assim. Acho honestamente que as calças assim largueironas me valorizam porque não tenho muita anca (apesar de não ser magrinha). Logo, como sou mais larga em cima do que na anca, acaba por contrabalançar.

      Quanto ao casaco, desculpe, mas é um L da Mango. O modelo é assim mesmo, com ombros descaídos.

      Eliminar
    2. Nem eu responderia melhor S*... continue a vestir-se como é habitual pois consegue estar sempre linda e bem disposta... talvez porque se olhar ao espelho e gostar do que vê...
      ... quanto às "antiguidades"... ainda hoje uso a Colónia Lavanda... ganhei este hábito quando era miúda e às escondidas usava a da minha mãe... hoje é a minha criança que a costuma oferecer-ma... será que também a usa às escondidas?...beijos

      Eliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã. Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte? Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria. Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

I wish

 Faço anos daqui a um mês e, este ano, vou querer prendas muito práticas e objectivas. Algumas coisas preciso comprar, outras substituir, mas acho que vou deixar um pouco as vaidades de lado e optar por poupança real - porque são coisas que teria de comprar. Alisador de Cabelo a vapor BELLISSIMA My Pro (Titânio - 170 °C - 230 °C ) Este ou outro qualquer, desde que seja bom e não me estrague (demasiado) o cabelo. Uns auscultadores. Preferencialmente giros. Preferencialmente sem fios. Estes ainda por cima dobram-se, o que é muito prático para colocar na mala. Um candeeiro de tecto novo para o meu quarto, que o que tenho é antigo e tapa imenso a luz. A minha irmã comprou este candeeiro de mesa para o quarto do meu pequeno (em preto) e amei de paixão. Queria assim em tom cobre para o meu quarto. :) Todos os candeeiros da Leroy Merlin / AKI.

Work in progress

Aprender a lidar com a solidão não é um processo mesmo nada fácil. Ando a diversificar as minhas formas de entretenimento, mas, convenhamos... A COVID não é muito minha amiga. A chuva rouba-me as caminhadas. Valham-me as amigas que me telefonam para ir apanhar pinhas ao monte e as colegas sempre presentes.  Comecei a dançar às segundas-feiras à noite - com a vantagem de achar a professora uma simpatia. A amiga Netflix tem-me feito muita companhia. Estou a ver a primeira temporada de Outlander e sei que tenho série para umas semanas. Os livros também prometem ser grandes amigos, mas sinto-me sempre com tanto sono e com tanto cansaço que tenho evitado a palavra escrita. Estou bem, mas estou a adaptar-me. Com dias melhores e dias menos bons. Obrigada a todos os que, de uma forma ou de outra, demonstraram caminho.