Avançar para o conteúdo principal

Facto(s)

O problema das pessoas é confundirem o direito de dizerem o que querem e muito bem lhes apetece com o dever de respeitar os outros. É aquela máxima do "tudo se pode dizer, desde que se saiba dizer". Não aguento gente que esconde o facto de ser bronca, mal formada e rude atrás do "sou muito frontal".

Comentários

  1. É verdade essa do "sou muito frontal" ás vezes é para esconder o facto de se ser muito mal educada/o!
    Bj S

    ResponderEliminar
  2. desde pequena q ouço a minha mae a dzr, por vzs as "frontalidades" são mais um sinal de má educação!!
    por isso concordo plenamente com este texto!

    ResponderEliminar
  3. Mas há pessoas que teimam em não entender as diferenças entre "ser frontal" e "ser rude".

    ResponderEliminar
  4. eu sou frontal e educado ao mesmo tempo, parece-me um pouco delicada esta abordagem S*

    ResponderEliminar
  5. Tendem a confundir má educação com frontalidade...

    ResponderEliminar
  6. O olhar do Lobo, e contra isso, nada! :)

    ResponderEliminar
  7. É isso mesmo, S*. Irrita-me um bocado a falta de respeito escondida atrás de um "ah eu sou muito sincera, digo tudo na cara"!

    ResponderEliminar
  8. É, tornou-se hábito camuflar má educação com frontalidade. *

    ResponderEliminar
  9. Seria bom que a frontalidade andasse sempre de mão dada com a sensibilidade para intuir a forma como as coisas devem ser ditas, e que nunca fosse utilizada como desculpa para encobrir uma tentativa velada para magoar alguém.

    ResponderEliminar
  10. ai sim, é isso e o 'não é defeito é feitio' ... qual quê, é parvoíce mesmo!

    ResponderEliminar
  11. sim é verdade! pessoas mal educadas que pensam que são as maiores só porque dizem as coisas da boca para fora!

    ResponderEliminar
  12. Eu chamo a isso a síndrome das concorrentes de reality shows (dizem todas que são muito directas e frontais).

    ResponderEliminar
  13. Pensam que isso da frontalidade lhes permite dizer tudo o que quiserem -.-'

    ResponderEliminar
  14. Concordo, essa do sou muito frontal tem muito que se lhe diga, dizem tudo o que lhes apetece e nem pensam que estão a magoar os outros.
    Falta de ponderação.

    ResponderEliminar
  15. Exactamente o que ando a dizer há muito tempo. Um pouco à semelhança daquele anúncio da Zon: há uma linha que separa a frontalidade da má educação. Infelizmente há pessoas que não percebem essa linha e "protegem-se" atrás da suposta frontalidade.

    ResponderEliminar
  16. Eu acho que as pessoas andam numa fase em que a revolta interior delas dirige.se instantaneamente contra os que lhe estão mais próximos. Vai daí e dá asneira.

    ResponderEliminar
  17. É, mas nessas pessoas nota-se sempre uma leve falsidade. É daquelas situações, quem acha que sabe tudo é quem não sabe nada

    ResponderEliminar
  18. Ai como concordo contigo S*!! É que é isto mesmo... há tanta gente a confundir as coisas.

    ResponderEliminar
  19. Concordo absolutamente. É mesmo isso. :)

    ResponderEliminar
  20. Olha nem mais, estou completamente de acordo!

    ResponderEliminar
  21. Eu sou muito frontal e ás vezes, reconheço, que roço o rude...mas sou assim, impulsiva e não gosto que me caguem na cabeça nem façam de mim burra e por isso digo o que não gostam de ouvir. Não sou perfeita... e reconheço os meus defeitos.

    ResponderEliminar
  22. Também não levo desaforo para casa nem mando dizer por ninguém.

    ResponderEliminar
  23. Já escrevi em algum lugar que estamos numa sociedade tão pobre de espírito que acha que só tem direitos - os deveres são para os outros!!
    é isso e a mania das etiquetas! se chamamos a alguém mentiroso (por que mentiu) essa pessoa fica muito ofendida porque esperava que disséssemos "não disseste a verdade"...haja paciência!!
    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  24. Pois o "sou muito frontal" é desculpa para muita coisa, e depois acham têm o direito de dizer tudo o que lhes vai na cabeça e ainda por cima com má educação, e ainda se ofendem caso a parte contrária responda no mesmo tom!
    Não suporto...

    ResponderEliminar
  25. Actualmente, a maioria das pessoas acha que só tem direitos, não tem deveres - e isso aplica-se a muita coisa...

    ResponderEliminar
  26. "sou muito frontal"
    Balão de pensamento: ahm, ahm, tens é uma grande falta de chá!

    ResponderEliminar
  27. O problema é saberem distinguir uma coisa da outra.

    ResponderEliminar
  28. Estou num dilema porque depende de quem é. A minha melhor amiga é assim, frontal a roçar a má criação e às vezes digo-lhe mas perdoo-lhe sempre. A minha sogra é assim frontal a roçar a má educação e não a suporto. Dilemas, dilemas...

    ResponderEliminar
  29. Juanna, é um facto que toleramos muito mais os defeitos daqueles de quem gostamos.

    ResponderEliminar
  30. Há coisas que por uma questão de respeito não devem ser ditas, mas há muita boa gente que não sabe o que é o respeito.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã. Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte? Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria. Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

Um ano a dois

Como o tempo voa, hoje celebro um ano de um relação calma, que me foi conquistando aos poucos e que, hoje em dia, me dá todas as certezas. Quando nos conhecemos, em Abril do ano passado, viramos amigos. Na verdade, tornou-se meu confidente e aturou-me durante semanas e semanas a "chorar-me" por outra pessoa. Já eu percebi que ele gostou de mim no primeiro café que tomamos, mas como é tão ou mais discreto que eu, nada feito. Ficamos assim, entre avanços e recuos, entre conversas diárias e afastamentos semanais. Ao meu lado quando fui operada e nos dias que se seguiram. Eu ainda sem rumo, à procura de algo que não sabia ainda o que era. Foi no dia 6 de setembro de 2021 que a amizade evoluiu para algo mais.  Desde o primeiro dia que não me deixou dúvidas de que queria estar ao meu lado. Acho que foi exactamente isso que (de forma um pouquinho "umbiguista") me fez apaixonar por ele. Sempre percebi que gostava de mim. Sempre me senti acarinhada, querida e desejada.  Dura

Coroas caseiras

Este ano a senhora minha mãe entreteve-se a fazer coroas de Natal. :) Para ela, fez uma coroa mais tradicional, com as peças decorativas em plástico, à moda antiga. Para a minha irmã, fez uma rena.  Para mim, fez a coroa mais espectacular de sempre, com flores artificiais, muitas bolas coloridas e pendentes dos corações. Romântica, como eu.  Contagem decrescente para o dia mais especial do ano... Amanhã inaugura-se o calendário de advento com quadradinhos de chocolate!