Avançar para o conteúdo principal

Eis uma coisa que me enerva para lá de muito...

"Os refrigerantes, leites chocolatados são apenas alguns dos produtos que vão passar a ser taxados com a taxa normal de IVA, de 23%, de acordo com uma proposta preliminar do Orçamento do Estado para 2011."

JN

Que se brinque com alimentação. Comida. Ah e tal que são refrigerantes... pois são. Mas o leite achocolatado é um hábito das crianças.

E os livros não educativos passam de 6 para 23% de IVA. Para além de não nos deixarem comer à vontade ainda querem que fiquemos burros.

Comentários

  1. Os livros ja estavam mt baratinhos!
    Concordo que agora temos que fazer sacrificios pois os sacanas andaram-nos a roubar este tempo todo, mas ha limites!
    Principalmente no que toca a quem recebe o ordenado minino ou quem é doenta e precisa do dinheiro nao para viver mas subreviver!
    Beijinhos e bem vinda ao grupo lol

    ResponderEliminar
  2. Mas daquilo que eu li, os livros são uma categoria à parte e mantém os 6%. "Os livros, folhetos e outras publicações não periódicas de natureza cultural, educativa, recreativa e desportiva, brochados ou encadernados são integrados numa outra categoria, mas que permanece dentro da Tabela 1 do IVA, mantendo-se, por isso, sujeitos à taxa reduzida." Devem caber no cultural - http://economia.publico.pt/Noticia/iva-dos-refrigerantes-passa-de-seis-para-23-por-cento_1460920.
    Bjs

    ResponderEliminar
  3. Hummmm... não é bem isso o que o JN diz... esperemos que o Público esteja certo.

    ResponderEliminar
  4. República das bananas, é só isso que penso sobre o nosso país e estas medidas.

    ResponderEliminar
  5. sei que não gostas de ordinarices... mas é caso pra dizer: foda-se.

    ResponderEliminar
  6. O simples leite achocolatado vai aumentar de 6 para 23%. Isso não se faz...desde a escolinha que somos habituados a esses leitinhos...e agora é isto??? Haja paciência...

    ResponderEliminar
  7. Com os livros ainda vá que não vá, agora não me lixem que eu preciso da minha dose diária de açúcar!!! :p

    ResponderEliminar
  8. Os refrigerantes não comida. Se é para aumentar nalguma coisa que aumentem nisso, não faz bem a ninguém.

    ResponderEliminar
  9. Desnorte por causa da imprevidência de não terem sido tomadas medidas certas em devido tempo.
    Bjs

    ResponderEliminar
  10. É para nosso bem. Água é que faz bem. Águinha.

    ResponderEliminar
  11. Sem comentários.
    Já estávamos mal...agora então.

    ResponderEliminar
  12. pois que vou ter que dizimar o meu consumo de refrigerantes, pode ser que seja assim que haja menor consumo destes.
    Agora o que eu não gosto mesmo é que os leites compensados sejam aumentados, são leite, com ou sem complementos são leite, já não chega quanto custa normalmente ainda vai aumentar mais.

    ResponderEliminar
  13. E o ginásio, se queres ser saudável, pagas mais.

    Comes pouco, bebes água, começas a ir de bike para o trabalho por causa da gasolina e das portagens, já não precisas de ginásio.

    É tudo para o nosso bem.

    ResponderEliminar
  14. Eu já nem sei mais que pensar sobre estas medidas todas. E o parte do melhorar o país é que é a anedota de tudo isto. É que eu não estou a ver como se pode melhorar o país assim.

    ResponderEliminar
  15. Muito sinceramente, com tanta medida assustadora que foi tomada, acho que essa dos refrigerantes e dos leites achocolatados é muito provavelmente a menos má. Aliás, se é preciso arrecadar mais receitas, eu diria que é das únicas medidas aceitáveis.

    Também há crianças que têm o hábito de comer bolicaos (não sei se é assim que se escreve sequer) e batatas fritas e não é por isso que é saaudável. Nenhum dos dois é bem essencial por isso concordo com a medida. Mas só essa, não me comam viva =p.

    ResponderEliminar
  16. O que sugerem para que possamos sair do buraco em que estamos, então?

    ResponderEliminar
  17. E quem decide quais são os livros não-educativos? A MRP??? Ora porra!

    ResponderEliminar
  18. No estado em que nos encontramos, medidas são precisas. Até são exigidas. Mas que sejam coisas menos ridículas. A questão dos livros, a ser confirmada, não tem adjectivo. Os livros já são um pequeno-luxo, porque já não são baratos, se ainda assim a coisa ficar pior, isto vai ser lindo.

    ResponderEliminar
  19. Nem vale a pena comentar, simplesmente não há palavras para tal estupidez. E se em vez de aumentarem aquilo que nos faz falta, cortassem o rendimento mínimo aos vagabundos que passeiam as nossas custas?! Ah e tal porque são carenciados, tadinhos, que pena tenho deles. Para ajudarem os malandros, sacrificam quem trabalha. Enfim...

    ResponderEliminar
  20. Realmente isto vai de mal para pior.... tenho aqui uma colega que tem gemeos e mais outro filho por semana gasta bem 30 pacotes... estas a ver ao final do mês, do ano etc... enfim... eu também gosto de leite achocolatado :( estou revoltada, só não me aumentam o salário!!!

    ResponderEliminar
  21. Já agora, que seja proibido comprar livros... viva a ignorância!

    Bjokas

    ResponderEliminar
  22. Sempre a prejudicar o consumidor!
    Tanto sitio onde cortar na despesa, mas é mais fácil aumentar impostos!

    ResponderEliminar
  23. Minha querida amiga, se temos que fazer sacrifícios porque não nas bebidas pouco saudáveis que as crianças são habituadas a tomar? O leite com chocolate é uma bebida muito pouco recomendável, digo isto como especialista em nutrição. Quanto aos livros, era bom que num futuro próximo, mais próspero, se disseminasse a existência de bibliotecas, para que como noutros países a leitura fosse facilmente acessível a todos. Entretanto, recomendo compre volumes antigos, mas em bom estado, em feiras e casas especializadas em artigos em segunda mão. Consegue obras de grande qualidade por menos de um euro! Para as edições mais recentes, recorra às bibliotecas - não são tantas quanto gostaríamos, mas elas existem.

    ResponderEliminar
  24. não é só o leite com chocolate mas todo o leite com aditivos: leite de crescimento para os pequeninos, leite com suplemento de cálcio... etc. Leite de soja acho que também, por isso se forem intolerentes à lactose estão lixados.

    ResponderEliminar
  25. acho que vou actualizar as minhas estantes. tenho de arranjar uns livrinhos enquanto posso

    ResponderEliminar
  26. Não! Eles fazem-nos isto porque sabem que já somos burros eheheh.

    ResponderEliminar
  27. Sugiro a compra de livros neste alfarrabista: http://www.alfarrabista.eu/.

    Tem muitos relativamente recentes e saem mais baratos que nas livrarias, recentemente comprei alguns e eram praticamente novos, difilmente alguém diria que já eram em segunda mão. É uma forma de poupar alguns trocados.
    Pelos teus posts parece-me que às vezes vens cá ao Porto. Podes pedir através do site e depois ir à loja buscar, fica ali na Rua do Bonjardim atrás dos CTT.

    ResponderEliminar
  28. Está aprovada de uma forma tão grande!

    ResponderEliminar
  29. Os livros vão passar para 23%???? Ahhhh! Não sabia! Não se aguenta...

    ResponderEliminar
  30. Leite achocolatado não é um bem essencial! Nunca foi e nunca será!

    Já o vinho ficar a 13% é mais incompreensivel, com esta especie de critério sem critério...

    Enfim, vem aí um ano lixado...

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã. Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte? Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria. Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

I wish

 Faço anos daqui a um mês e, este ano, vou querer prendas muito práticas e objectivas. Algumas coisas preciso comprar, outras substituir, mas acho que vou deixar um pouco as vaidades de lado e optar por poupança real - porque são coisas que teria de comprar. Alisador de Cabelo a vapor BELLISSIMA My Pro (Titânio - 170 °C - 230 °C ) Este ou outro qualquer, desde que seja bom e não me estrague (demasiado) o cabelo. Uns auscultadores. Preferencialmente giros. Preferencialmente sem fios. Estes ainda por cima dobram-se, o que é muito prático para colocar na mala. Um candeeiro de tecto novo para o meu quarto, que o que tenho é antigo e tapa imenso a luz. A minha irmã comprou este candeeiro de mesa para o quarto do meu pequeno (em preto) e amei de paixão. Queria assim em tom cobre para o meu quarto. :) Todos os candeeiros da Leroy Merlin / AKI.

Work in progress

Aprender a lidar com a solidão não é um processo mesmo nada fácil. Ando a diversificar as minhas formas de entretenimento, mas, convenhamos... A COVID não é muito minha amiga. A chuva rouba-me as caminhadas. Valham-me as amigas que me telefonam para ir apanhar pinhas ao monte e as colegas sempre presentes.  Comecei a dançar às segundas-feiras à noite - com a vantagem de achar a professora uma simpatia. A amiga Netflix tem-me feito muita companhia. Estou a ver a primeira temporada de Outlander e sei que tenho série para umas semanas. Os livros também prometem ser grandes amigos, mas sinto-me sempre com tanto sono e com tanto cansaço que tenho evitado a palavra escrita. Estou bem, mas estou a adaptar-me. Com dias melhores e dias menos bons. Obrigada a todos os que, de uma forma ou de outra, demonstraram caminho.