Avançar para o conteúdo principal

Azucrinar

Chateei-o. Ontem foi isso mesmo que eu fiz, chateei-o. Senti-me insegura e descarreguei nele. Sem motivos, resolvi implicar. Azucrinei-o mesmo.

"Desculpa mas isso é mesmo coisa de mulher: não há por onde pegar, inventa-se."

Passaram-me os nervos. Adorei-o ainda mais. Gosto da forma pragmática como vê as coisas. Já eu ando à volta, à volta, à volta, até chegar à mesma conclusão.


Escusam de vaticinar já o fim da relação. Namoro há dois dias, acho que é normal não estar muito segura.

Comentários

  1. S* se nunca te souberes controlar, seja de nervos, inseguranças, seja do que for, acredita que na vida não passam apenas de pequenos relacionamentos.
    relacionamentos esses que duram muito pouco.
    os romences são para serem vividos com intencidade, à base de confiança, paciencia e calma, caso contario nao vale a pena ir em frente com a relação.

    é apenas um conselho de quem gosta seguir o teu blog.

    ResponderEliminar
  2. -__-... -__- vós sois demais.....


    beijo

    ResponderEliminar
  3. Lol...
    As vezes tb invejo um pouco a simplicidade dos homens ;) That have it easier.

    Kiss kiss

    ResponderEliminar
  4. Soraia, cara leitora, a minha relação tem dois dias. Se estivesse muito segura de tudo é que era de estranhar. :)

    Sempre fui pessoa de relação sólidas, para que conste.

    ResponderEliminar
  5. Como te percebo. Às vezes também sou assim, outras vezesé ele. Os relacionamentos não são sempre lineares. Já agora, vou adicionar :)

    ResponderEliminar
  6. Coisas normais, mesmo normais. Com o tempo, o relacionamento vai ganhando o seu rumo e a sua segurança. *

    ResponderEliminar
  7. Eu acho estranho implicares passados dois dias. Isso sim. Sou assim: pragmático. :-P

    ResponderEliminar
  8. o que é uma pena :D

    talvez um dia destes chegue o dia de assentares, estares confiante, segura etc.

    nessa altura vais-te sentir tao bem, tao estavel a nivel pessoal no que diz respeito a sentimentos que nao vais desejar que acabe nunca :)

    ResponderEliminar
  9. Devias estar com TPM, ele compreende porque gosta de ti.

    ResponderEliminar
  10. LOL Desde que nenhum exagere, essas coisas resolvem-se bem. ;) *

    ResponderEliminar
  11. É normalíssimo sentires-te insegura no início, seria estranho se estivesses muito segura, é anormal mesmo. E estas coisas (tu azucrinares-lhe a cebça) é também uma forma de se descobrirem...
    Sabes lá as inseguranças com que ponho o mooço a lidar. Tenho uma sorte do caraças e ele uma paciência de santo ahahahahhahah

    ResponderEliminar
  12. É sempre complicado o inicio de uma relação, até nos habituar-mos a ter um outro alguém para além de nós.

    ResponderEliminar
  13. Implica-se com quem se ama... mas atenção na dosagem.

    ResponderEliminar
  14. Tenta que essa tua insegurança nao afecte a vossa relaçao, acredita em mim.
    Insegurança numa relaçao é o pior!

    ResponderEliminar
  15. No meu caso é um pouco diferente porque eu nunca me senti assim, e foi devido a umas pequenas chatices que fiquei assim.
    Eu sei que isto vai passar, até porque sei que posso confiar nele. Mas ainda custa um bocado, leva sempre o seu tempo.
    O que tiver de acontecer acontece certo? Não podemos evitar nada. Portanto o melhor é mesmo pensar no que realmente nos faz bem, nos momentos fantásticos que vivemos e tudo acaba por passar. E nos fim ainda nos rimos do quão estúpidas fomos :D

    Vá força nisso!

    ResponderEliminar
  16. Uaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaau que boa notícia!!!
    Vive o momento e sê tu mesma!!!
    Dure o que durar... não penses nisso... pensa no agora... afinal ainda é muito cedo para planos de futuro!!!
    E estás feliz??? Sentes borboletas na barriga??? Se a resposta é sim a ambas... FORÇA e não te deixes moldar... sê que és e muuuuuuuuuuuuito feliz!!!
    Ai adoro assistir a histórias de AMOR!!! ;-DDD

    ResponderEliminar
  17. Dois dias? Fogo, parece que foi há seis meses eheheh.

    ResponderEliminar
  18. Tudo é normal para partilhar com quem se gosta. Mas não azucrines muito um homem no 2º dia. Eles tendem a ser um pouco limitados nesse campo e piram-se. LOL

    ResponderEliminar
  19. S* por as razões que falaste deves mesmo levar tudo na boa e nas calmas, afinal ainda são "ovos de pascoa"... como dizem ;)
    bjs*

    ResponderEliminar
  20. Ele tem razão e nós sabemos que sim, que se não temos, havemos de conseguir sempre inventar qualquer coisa :P

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã. Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte? Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria. Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

I wish

 Faço anos daqui a um mês e, este ano, vou querer prendas muito práticas e objectivas. Algumas coisas preciso comprar, outras substituir, mas acho que vou deixar um pouco as vaidades de lado e optar por poupança real - porque são coisas que teria de comprar. Alisador de Cabelo a vapor BELLISSIMA My Pro (Titânio - 170 °C - 230 °C ) Este ou outro qualquer, desde que seja bom e não me estrague (demasiado) o cabelo. Uns auscultadores. Preferencialmente giros. Preferencialmente sem fios. Estes ainda por cima dobram-se, o que é muito prático para colocar na mala. Um candeeiro de tecto novo para o meu quarto, que o que tenho é antigo e tapa imenso a luz. A minha irmã comprou este candeeiro de mesa para o quarto do meu pequeno (em preto) e amei de paixão. Queria assim em tom cobre para o meu quarto. :) Todos os candeeiros da Leroy Merlin / AKI.

Work in progress

Aprender a lidar com a solidão não é um processo mesmo nada fácil. Ando a diversificar as minhas formas de entretenimento, mas, convenhamos... A COVID não é muito minha amiga. A chuva rouba-me as caminhadas. Valham-me as amigas que me telefonam para ir apanhar pinhas ao monte e as colegas sempre presentes.  Comecei a dançar às segundas-feiras à noite - com a vantagem de achar a professora uma simpatia. A amiga Netflix tem-me feito muita companhia. Estou a ver a primeira temporada de Outlander e sei que tenho série para umas semanas. Os livros também prometem ser grandes amigos, mas sinto-me sempre com tanto sono e com tanto cansaço que tenho evitado a palavra escrita. Estou bem, mas estou a adaptar-me. Com dias melhores e dias menos bons. Obrigada a todos os que, de uma forma ou de outra, demonstraram caminho.