Avançar para o conteúdo principal

Não sabia que o Porto era a selva

"Os dois comboios que transportam adeptos do Benfica para assistirem ao jogo com o F.C. Porto já chegaram a Campanhã, onde já estavam muitos outros adeptos à espera para se juntarem ao grupo.

À saída dos comboios, foram imediatamente acolhidos pela Polícia e ladeados por elementos do Corpo de Intervenção. (...) Não houve incidentes. (...)

Ontem, sábado, a equipa do Benfica chegou ao Porto escoltada pela polícia, que se mantém de prevenção junto ao hotel onde a equipa descansa nos momentos que antecedem a partida de logo à noite.

Os primeiros incidentes ocorreram ainda antes da chegada da equipa, quando o autocarro em que seguiam foi apedrejado na A1, na zona de Vila Nova de Gaia."


Mas que raio? Aqui no Porto vive gente ou vivem bichos? Isto é exagero ou é mesmo necessário?

Nem vou usar o meu lindo cachecol, não vão os bichos decidir atacar-me. Por bichos entenda-se toda a espécie de homem que não tem mais de dois neurónios e faz do futebol a questão mais importante da sua vida.

Vou limitar-me a ir para o café do costume ver o jogo e enfardar uma francesinha. Quando o meu Benfica ganhar (não me deixes ficar mal pah!) vou sorrir discretamente. É que a brincar a brincar...

Vim editar o post só para vocês, meus tesourinhos. Se alguém faz algum comentário sobre a valente porcaria que acaba de se passar no Dragão, entra na minha lista negra.

Comentários

  1. desculpa mas aí no porto vivem bichos, no que diz respeito a futebol. são intolerantes.

    ResponderEliminar
  2. Cá em cima basta verem um bocado de vermelho que deixam de ser pessoas... Infelizmente é assim =S

    ResponderEliminar
  3. Axo isso td um absurdo.. o que é divertimento acaba em violencia!!!

    ResponderEliminar
  4. pelo que eu vi à pouquinho tempo aqui em terras algarvias são animais disfarçados de pessoas. Claro que nem todos, mas por uns pagam os outros. Mas vá-lá que os comboios ainda chegaram inteiros porque a claque do Benfica não é das melhores também, longe disso. Não entendo essa parvoíce, há campeonatos para todos.

    ResponderEliminar
  5. O problema não está no Porto ou em Lisboa, está no fanatismo! Não viste o que se passou no Benfica Sporting?

    ResponderEliminar
  6. Concordo com a Malena , fora isso o Porto é uma cidade linda (:

    ResponderEliminar
  7. Mulher prevenida vale por duas...
    Muita gente sabe que FCP não é Porto e que nem todos os seus associados são "selvagens"!
    Abracinho

    ResponderEliminar
  8. Porra realmente, e vê lá se te apanham a comer a francezinha. xD

    A minha mãe babou-se quando lhe dei a ler o texto. +.+

    ResponderEliminar
  9. ena!
    eu li Francesinha!!!!
    o resto não me interessa nada...
    uhhh Francesinha.... nhammm nhammm

    ah le fut... ok, pois é uma pena... é triste e tal...
    venha de lá a francesinha!

    ResponderEliminar
  10. É a mesma merda. Se fosse aqui era o mesmo.
    Ou já se esqueceram do autocarro incendiado pela claque do Benfica?
    Eu gosto do Benfica e pelo que conheço das pessoas do Porto, não tenho motivos para não gostar delas. Do que eu não gosto é de claques. Esses gajos deviam ser abatidos com metralhadoras instaladas nos estádios e nas imediações, para se acabar de vez com esta pouca vergonha.
    Claro que os presidentes dos clubes também têm culpas no cartório. Convém-lhes exaltar as hostes e pôr no adversário as culpas das suas incompetências.
    Não dou muito crédito às gentes do futebol. Gosto de ver bons jogos, sem facciosismo, sem rancores... a não ser o rancor que nutro por certas bestas ligadas ao meio, que já deviam estar atrás das grades há muito tempo.
    Mas isso é outra conversa.

    ResponderEliminar
  11. Passando para desejar um inicio de semana cheio de coisas boas!
    beijão

    ResponderEliminar
  12. É mesmo! Há gente aí mesmo ruim! Agredir os adeptos do outro clube não muda o resultado do jogo! -.-

    ResponderEliminar
  13. Mas bichos existem por toda a parte... não é só no Porto. Estão espalhados pelo país, e eu até acho que vão formar um club :P

    *

    ResponderEliminar
  14. Ui, nem me fales em futebol.
    Ando cheio desses gajos.
    Ainda não me disseste se gostas da minha nova foto.
    Achas "tocante"?

    ResponderEliminar
  15. Cromo, acho muito tocante, acho. Aliás, dá para ver que alguém acha mesmo MUITO tocante.

    ResponderEliminar
  16. a quem é do porto, parabéns pelo terceiro lugar. mereceram-no plenamente.

    nós, esperamos uma semana pelo primeiro^^

    ResponderEliminar
  17. ok do porto
    trabalhando numa loja
    mqas do benfica
    não qwero embotar a minha capacidade de julgamento moral

    mas axo qwe degeneraste

    pois qwem não sai aos seus...


    é qwe a brincar a brincar....


    seduzem-se os ventos e criam-se tempestades

    ResponderEliminar
  18. Ao contrário do que a Joana Nunes disse eu também afirmo tirando certos energúmenos do SLB, Lisboa também é uma cidade linda.

    ResponderEliminar
  19. se fosses do FCP também sabias que há bichos por todo o lado, até no estádio municipal de Oeiras, onde sempre que ganhávamos a Taça levávamos com pedras e demais objectos no percurso da relva até à tribuna, debaixo do olhar do Presidente da República e sob escolta policial...
    é triste mas como vês não é exclusivo do norte, apenas cada um vê o que mais lhe convém.

    boa sorte prá semana

    ResponderEliminar
  20. Como só tenho um neurónio, não percebi o texto...

    ResponderEliminar
  21. Sejam azuis, vermelhos ou verdes, a merda é toda a mesma. O fanatismo cega as pessoas.

    ResponderEliminar
  22. Acho tão lindo seres do Porto e seres benfiquista, a sério :D

    Mas isso, infelizmente, não é um problema de clubes ou cidades, é igual em todo o lado.

    ResponderEliminar
  23. Os portistas são uns selvagens, logo perigosos. PONTO.

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã.

Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte?

Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria.

Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

O que é nacional é bom

Anda Portugal a usar cestas desde sempre e esta vossa S* a usá-las há sete ou oito anos... e vem agora a Carolina Herrera descobrir a pólvora (imagens acima).
Por favor, acho isto verdadeiramente errado. A desfaçatez que é pegar em algo tradicional de um país e de o apresentar como uma "criação"... Ainda por cima chamar-lhe "Aveiro"... E em nenhum sítio dizer que tem inspiração portuguesa.
E a pechincha que está? Quase 500 euros por uma cesta. Não tinha nada contra o preço... se efectivamente fosse um produto de original.
É só googlar "cesta portuguesa" e encontram-se imensos exemplares realmente nossos... E sem custarem quase um salário mínimo.
Querem cestas de classe? Então comprem das nossas. Das verdadeiras. Cópias descaradas? Não, obrigada.
Sugiro a Victoria Handmade. Não são caras, são dispendiosas e têm o preço do que é realmente bom. São feitas à mão, são portuguesas e assentam na nossa tradição. 

Voltar ao início

Depois de quase 9 anos e meio de relação, não vamos fingir que são tudo rosas. Ultimamente, temos até de admitir que têm sido mais os dias maus do que os dias bons. As chatices do dia-a-dia, os remorsos, os ressentimentos, os problemas a que somos alheios mas que nos afectam... Não é fácil de gerir e mentiria se não admitisse que já pensamos "será que vale a pena?".
Da minha parte, apesar dos momentos menos bons, continuo com a nítida percepção de que é um bom homem, com bons princípios, e que dificilmente encontraria companheiro que encaixasse tão bem em mim (que eu sou osso duro de roer, no que toca ao convívio caseiro).
Vale sempre a pena, porque não perdemos esta capacidade de nos reencontrar e voltar ao início. Enquanto soubermos olhar um para o outro e reconhecer o valor um do outro, vale mesmo muito a pena.