Avançar para o conteúdo principal
Ser ponderada, calma, racional... e não nos magoarmos?

Ou...

Ser emocional, arriscar, ser intensa... e doer-te?

Comentários

  1. Penso que em qualquer uma das hipóteses acabas sempre por sofrer, por isso, acho que deves agir emocionalmente, intensamente e arriscar tudo o que tiveres para arriscar ;)

    Beijo*

    ResponderEliminar
  2. A opção de baixo sem dúvida nenhuma. bjs

    ResponderEliminar
  3. Em ambas vai acabar por haver sofrimento. Podes ter a certeza. Ou por uma coisa ou por outra. Ou pelo que se tem ou pelo que se podia ter e não se tem. Por isso, é seguir o instinto na hora. Seguir o momento. E ir tentado gerir um pouco desses dois lados.

    Big Kisses

    ML

    ResponderEliminar
  4. Eu prefiro a dor do sentir do que a dor do vazio.

    ResponderEliminar
  5. As duas, claro! Mas um poucochinho mais da segunda! ;-))

    ResponderEliminar
  6. - não sei qual a melhor , mas talvez se tentares as duas O;

    ResponderEliminar
  7. Ambas...nem tanto à terra nem tanto ao mar...

    ResponderEliminar
  8. equilibrio...
    nada te garante que não sofres...
    e nada te garante que sofres...

    ResponderEliminar
  9. Se encontrares a resposta definitiva, partilha-a connosco, S*... :)

    ResponderEliminar
  10. Eu acho melhor a segunda hipótese.
    Acho difícil que alguém que seja "pendurada", consiga manter-se calma e racional.
    Eu cá, se um dia fosse "pendurado", ia espernear comó caraças.
    :) :) :)
    Bjos.

    ResponderEliminar
  11. Eu sou a primeira opção, mas gostava de conseguir ser a segunda...

    ResponderEliminar
  12. Eu até dizia o que penso, mas conheces-me demasiado bem para saber que resposta eu escolhia... Até já tive direito a um post, que luxo! :D


    Atira-te, S*, antes morrer a tentar que viver parada ;)


    Beijos da "Amiga" xD

    ResponderEliminar
  13. Todos nós somos conseguimos ser isso tudo! :)

    ResponderEliminar
  14. Fiz a segunda!!!
    Agora é aguentar com a porra da dor no peito e desejar que um camião de uma tonelada e meia me passe por cima.
    Abraços grandes
    S*

    ResponderEliminar
  15. Costumo dizer que se tiver que se arrepender de algo, arrependasse do que fez. Nesse caso, arrisca-se ficar magoada, mas, em compensação, poderá ser o contrário, que achas?
    Abraços do Brasil

    ResponderEliminar
  16. Sempre fui muito pela a primeira mas ultimamente opto mais pela segunda.
    bjs

    ResponderEliminar
  17. eu por mais que tente não ser, sou sempre a segunda hipótese :S

    ResponderEliminar
  18. acho que doí das 2 maneiras, apenas é de forma diferente por isso arrisca.

    ResponderEliminar
  19. Eu não faço ideia de como reajo. mesmo que meta na cabeça que tenho de ser calma e racional, a maior parte das vezes dói, de uma forma ou de outra. Por isso, é complicado dizer =p

    ResponderEliminar
  20. A segunda, preferencialmente ;)

    ResponderEliminar
  21. O ideal memso é encontrar o equilibrio. Não devemos ser nem demasiado racionais nem demasiado emocionais.

    ;)

    Boa Páscoa!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã. Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte? Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria. Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

Womanizer - O Feedback

Pois bem, minhas amigas... O Womanizer lá chegou através da Amazon de Espanha ao fim de uns dez dias.  E tenho a dizer-vos que custou 189 euros e vale cada cêntimo. Obviamente que não vou estar aqui a entrar em detalhes, mas é um estimulador muito bonito, com um toque agradável, que vem acompanhado por um gel lubrificante que diz "Orgasm is a human right" , o que me parece um excelente princípio. Admito que, por incrível que seja, ainda demorei uns bons minutos a perceber exactamente o encaixe. Parece óbvio, mas não é, porque vibra mal toca na pele e, com o estímulo, não é assim tão simples quando poderia parecer. Ou sou eu que sou aselha. Mas também garanto, minhas amigas, que a partir do momento em que há encaixe, é uma questão de segundos. Não é exagero, são segundos. E uma coisa que se prolonga até à infinitude... Ou até já não aguentarem mais e desligarem, como acontece comigo. Sim, sou uma descarada. Sim, vale todos os euros. Sim, é garantia total. Repetidamente. Infini

I wish

 Faço anos daqui a um mês e, este ano, vou querer prendas muito práticas e objectivas. Algumas coisas preciso comprar, outras substituir, mas acho que vou deixar um pouco as vaidades de lado e optar por poupança real - porque são coisas que teria de comprar. Alisador de Cabelo a vapor BELLISSIMA My Pro (Titânio - 170 °C - 230 °C ) Este ou outro qualquer, desde que seja bom e não me estrague (demasiado) o cabelo. Uns auscultadores. Preferencialmente giros. Preferencialmente sem fios. Estes ainda por cima dobram-se, o que é muito prático para colocar na mala. Um candeeiro de tecto novo para o meu quarto, que o que tenho é antigo e tapa imenso a luz. A minha irmã comprou este candeeiro de mesa para o quarto do meu pequeno (em preto) e amei de paixão. Queria assim em tom cobre para o meu quarto. :) Todos os candeeiros da Leroy Merlin / AKI.