Avançar para o conteúdo principal

O que menos falta faz...?

O correspondente da SIC no Haiti acabou de dizer:

"Têm também chegado equipas de apoio e salvamento a animais... que certamente é o que menos falta faz aqui no Haiti, mas têm também chegado."

O que menos falta faz? Fica-lhe mal dizer tal coisa senhor jornalista, mesmo que muita gente pense como o senhor. Não sou maníaca nem digo que um animal valha tanto como uma pessoa (apesar de em alguns casos, achar que sim)... mas há coisas que não se devem dizer...

Como alguém inteligentemente comentou, são precisas pessoas para tudo. Para tratar dos doentes, para reconstruir casas, para dar carinho às crianças orfãs... e para ajudar os animais, ora essa.

Comentários

  1. Palavras mal escolhidas nunca são agradáveis, o sentido dificilmente seria esse… mas uma das qualidades de um jornalista deveria ser o bom uso das palavras…

    ResponderEliminar
  2. pior foram aqueles médicos da rep dominicada a tiraram fotos todos felizes c os doentes do haiti

    ResponderEliminar
  3. "É o que menos falta faz" para salvar animais como ele.
    Aprende com estas bestas, para que um dia não venhas a ser uma besta como eles. eheheh

    Beijinho

    ResponderEliminar
  4. Esse gajo as vezes só diz mm palhaçada, enfim!

    http://blabla-da-xiomara.blogspot.com

    ResponderEliminar
  5. Já estás com "olho" de jornalista! Ainda te vamos ver a dizer tudo muito direitinho. Ai isso é que vamos!! Bjnhs

    ResponderEliminar
  6. Pois eu acho que é preciso haver gente para tudo.
    Cada um para o que veio!

    É preciso haver gente que se ocupe dos velhinhos, é preciso haver gente que se ocupe das causas das crianças, é preciso haver gente que se ocupe da naureza e proteja o planeta, é preciso haver gente que se preocupe com os animais, que são os nossos companheiros na Terra!

    Pois que mal tem irem equipas com a preocupação de salvar os animais?

    Ele tinha razão de crítica era se não estivessem a salvar pessoas para salvar animais!
    Não foi muito feliz nesse comêntario...

    ResponderEliminar
  7. eu ate entendo o lado dele, no meio de tanta miseria..mas realemente fica mt mal..acho k ele nem se apercebeu o o nivel de "eu odeio animais" que transmitiu com o que disse. k pode n ser verdade mas k deve ter sido o k mt gente sentiu.

    ResponderEliminar
  8. fica mal sim...
    desde que nao se negligenciem as pessoas tem obrigaçao de se salvar os animais.

    ResponderEliminar
  9. Nossa, ele foi muito infeliz em dizer isso.
    Deveria ter ficado calado.
    Abraço

    ResponderEliminar
  10. É claro... é claro que há sempre alguém com frases infelizes, é incrível!

    ResponderEliminar
  11. eu acho que ele tem toda a razão!
    entre animais e pessoas, 1º as pessoas, sempre =)

    XOXO

    ResponderEliminar
  12. O que menos falta faz são comentários desse tipo --'

    é claro que os animais precisam de ajuda que raio -.-'

    ResponderEliminar
  13. Eu penso como tu apesar de toda gente me achar maluca por exemplo num filme me afectar mais a morte de um animal do que muitas vezes de uma pessoa... e concordo ctg comentario mesmo muito desagradavel :O

    ResponderEliminar
  14. Acho que tudo que é importante nos faz falta, mas vai saber o que realmente é importantee para outras pessoas!

    Talvez ele tenha se expressado mal
    paz e luz'

    ResponderEliminar
  15. Tudo faz falta, nos momentos de desespero...

    ResponderEliminar
  16. Acho que foi um comentário infeliz. A vida deve ser respeitada e protegida, seja de pessoas ou animais.

    ResponderEliminar
  17. o que menos faz falta são correspondentes / jornalistas desses. No Haiti e no resto do mundo.
    :P

    ResponderEliminar
  18. A melhor qualidade de um repórter, jornalista, nesse tipo de situações é ser isento de opiniões próprias e limitar-se a narrar os acontecimentos! Tens toda a razão!

    Besito!

    ResponderEliminar
  19. Pinkk Candy, é claro que as pessoas estão em primeiro lugar, isso nem se mete em causa, mas se vier extras como a ajuda aos animais não vamos julgar com algo que não faz falta.

    Fabiana Gomes, lol, eu tb quando assistia aqueles filmes de guerras da época mediavel, chocava-me sempre mais ver os cavalos a cair e serem acertados do que as proprias pessoas...

    ResponderEliminar
  20. Apoiada! É preciso ter cuidado com as palavras. Os animais tb têm sua importância.

    ResponderEliminar
  21. e, na minha opinião ele não tem razão!!!

    ResponderEliminar
  22. Não seria essa a intenção dele... Devia querer dizer que eram mais urgentes as equipas de ajuda às pessoas.. mas a forma como disse foi muito desagradável! ; ) ***

    ResponderEliminar
  23. @ MIKAS - eu acho que ele não disse nada assim de tão terrível que mereça esta discussão sequer!

    ResponderEliminar
  24. @Pinkk Candy - Sim Pinkk, ele não disse nada de tão terrivel, e eu tb não considero que estejamos a discutir, apenas a trocar de ideias.

    Eu acho que se calhar a intenção dele era a de tentar salientar a verdadeira realidade que os seres humanos estão a passar, mas isto creio que já é sabido, já é sabido que toda a ajuda é pouca, que são poucos os recursos existentes por lá, que mesmo vendo as imagens que chegam até nós não temos a ideia da dura realidade.

    Saliento que não estou a discutir nem a impor a minha opinião!
    Aliás fui cuscar o teu blog que achei giríssimo e reparei que tb gostas de animais.

    Fica Bem
    *****

    ResponderEliminar
  25. Bem, achar que é errado enviar ajudar para os animais enquanto as pessoas não estiverem todas "tratadas" é o mesmo que dizer que, enquanto houver miséria em Portugal (por exemplo) não deviamos desperdiçar recursos a ajudar outros paíes...
    Temos que ter consciência que a maioria dos animais não sobrevive sem a nossa assistencia, foi assim que os criamos e, por isso somos responsáveis, dentro do possivel, pelo seu bem estar.
    Adicionalmente, um repórter deveria saber que em alturas de caus, animais abandonados podem tornar-se num gravissimo problema de saude publica...

    ResponderEliminar
  26. Foi uma besta distraída que disse aquilo.

    Mimi

    ResponderEliminar
  27. Olá Mariana Marciana!
    Concordo plenamente contigo.
    Gostaria apenas de acrescentar algo aqui neste tópico.

    Tenho uma conhecida em Luxemburgo que treina animais para resgatar pessoas, e colegas da equipa dela têm ido lá para o Haiti com os seus cães para essa missão de salvamento das vítimas.

    Temos acompanhado um pouco a situação através das noticias que ela nos vai dando pois também tem sido dificil alimentar esses cães de salvamento, houve um altura que já tinham água para lhes dar de beber.

    São pormenores importantes que nos escampam porque não pensamos nas coisas ou porque não sabemos.

    Bem e não vou criticar mais o dito jornalista, até porque sou aluna do curso de Comunicação Social e posso vir a pagar pela lingua ;-)

    Bjs a todos

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã. Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte? Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria. Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

Womanizer - O Feedback

Pois bem, minhas amigas... O Womanizer lá chegou através da Amazon de Espanha ao fim de uns dez dias.  E tenho a dizer-vos que custou 189 euros e vale cada cêntimo. Obviamente que não vou estar aqui a entrar em detalhes, mas é um estimulador muito bonito, com um toque agradável, que vem acompanhado por um gel lubrificante que diz "Orgasm is a human right" , o que me parece um excelente princípio. Admito que, por incrível que seja, ainda demorei uns bons minutos a perceber exactamente o encaixe. Parece óbvio, mas não é, porque vibra mal toca na pele e, com o estímulo, não é assim tão simples quando poderia parecer. Ou sou eu que sou aselha. Mas também garanto, minhas amigas, que a partir do momento em que há encaixe, é uma questão de segundos. Não é exagero, são segundos. E uma coisa que se prolonga até à infinitude... Ou até já não aguentarem mais e desligarem, como acontece comigo. Sim, sou uma descarada. Sim, vale todos os euros. Sim, é garantia total. Repetidamente. Infini

:)

Um mês e dez dias depois, tive oficialmente "alta" médica. Ainda não estou aí para as curvas, mas já obtive autorização para voltar a conduzir. Também posso fazer fisioterapia sem preocupações... Já tinha feito uma sessão - na passada semana - e é impressionante o bem que apenas 45 minutos de fisioterapia me fez! Este fim-de-semana volto para o meu apartamento e para as minhas rotinas. Estou feliz por voltar ao meu mundo, mas reconheço que quase mês e meio no ninho da mãe, nesta fase do campeonato, me fez muito bem. Precisava de curar-me física e emocionalmente. Não estou boa, mas estou quase boa.  O melhor ainda está por vir. A todos os níveis.