Avançar para o conteúdo principal
Eu gosto do Inverno.

Identifico-me mais com o Inverno. Com o tempo instável, um tanto ou quanto irritante.

Não me custa passar pelo frio, pela neve, pelo nevoeiro, pedraço ou (para os que têm sorte) pela neve.

Gosto de estar no meu quarto, deitada na cama a ler, e ver a chuva lá fora. É relaxante.

Gosto de me munir de cachecóis e luvas acriançadas.

Gosto de caminhar pela rua, sentir um arrepio e apertar mais o casaco.

Gosto de tomar chá à meia-noite, para dormir mais quentinha. Faz-me bem, adoro o ritual. Durante a semana, não prescindo disto.

Faz-me bem chegar a casa e preparar, com mais cuidado, o lanche. Sentar-me a comer e deixar passar o tempo.

No Inverno sinto sempre mais vontade de cozinhar, de fazer bolos e biscoitos. E eu gosto tanto destas coisas. De me sujar com a farinha e a margarina. Mesmo que o resultado final deixe muito a desejar, gosto do "processo".

Gosto de me aninhar no sofá, durante a tarde, pegar nos meus gatos e dedicar-me a não fazer coisa nenhuma.

Gosto dos aconchegos durante a noite. Abraçar a outra pessoa, à procura de calor.

:)

Comentários

  1. Adorei a descrição:)...mas definitivamente não gosto do Inverno! beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Gosto disso tudo, e de algo mais que raramente encontro. Sentir a chuva na cara, conseguir evitar a tentação de franzir os olhos e baixar a cabeça. Prefiro caminhar calmamente, sentindo as gotas baterem no rosto, como se estivesse em comunhão com a natureza.

    Beijo!

    PS: não funciona com granizo

    ResponderEliminar
  3. Do Inverno só gosto da chuva xDD

    Agora tu :O caramba! n imaginava quantas coisas ainda s podiam fazer! ;)
    Bom Espírito!!!

    Bjinhos

    ResponderEliminar
  4. "Always look at the bright side of life", certo? Eu gosto do frio, da chuva, da neve.

    Rafeiro, obrigadinha pelo aviso. E eu que pensava que passear quando cai cranizo devia ser mesmo agradável. :P

    ResponderEliminar
  5. Eu sou suspeita, pois sou a menina do verão e da praia, mas diga-se de passagem que nestes dias de chuva intensa tem sabido mesmo bem estes dias em casa a ouvir a chuva lá de fora com os pés assentes numa botija e água quente e enrrolada nuns fofinhos lençois... Hummmm que bom!!!! É das melhores coisas que pode haver!!!

    Beijocas e parabéns pelo blog!!!

    Se quiser visitar o meu cantinho... aryssu.blogs.sapo.pt

    ResponderEliminar
  6. Também sou um adorador do Inverno. Por isso tudo que dizes, embora cozinhar goste em qualquer altura do ano, mas também pelas cores. O cinza/negro dos dias, condizem mais comigo. O verde da paisagem mais brilhante, como pequenos olhos límpidos que nos observam, o mar mais batido, salpicando de sal a cara e a boca, as mãos frias que me fazem sentir que estou vivo, o calor de uma lareira enquanto o vidro escorre as gotas de água de uma chuva, o passo chapinhado numa rua quase vazia, o cheiro da terra molhada, o tremer que nos faz retesar os músculos e faz andar em frente.

    ResponderEliminar
  7. Mais uma acha para a fogueira:

    eu gosto do inverno à beira mar, ver o mar revolto, a água a saltar nas pedras, desajeitadamente colocadas a tentar conter a fúria das marés! O vento cortante carregado de humidade, que pousa nos nossos lábios, deixando um agradável sabor a maresia...
    para ficar o quadro completo, só falta o aconchego quente do regaço de alguém que nos ama..

    ResponderEliminar
  8. Desde já obrigada pelos teus comentários :)
    Devo dizer-te que sou um pouco diferente... Adoro o Verão, o calor! Nõ suporto muito bem o frio e nunca escapo a uma gripe ou constipação

    ResponderEliminar
  9. Hum, acho que me convenceram com essas descrições rapazes. :)

    Nada há de melhor do que um tarde de Inverno junto a uma lareira, ou enrolada num sofá.

    ResponderEliminar
  10. Nada como uma tarde de inverno a trabalhar :|

    ResponderEliminar
  11. Eu cá, não gosto de Inverno. A única coisa boa é mesmo o se notar mais o calor humano... :) E o chá, e o chocolate quente ;P


    Beijocas

    ResponderEliminar
  12. O calor humano, o chá e o chocolate... coisas tão boas. :D

    ResponderEliminar
  13. Gosto disso tudo, pois sinto falta de tudo isso. Estou numa altura em que não tenho tempo para ficar em casa a ver a neve lá fora. Mesmo para ler, opto por usar transportes públicos em vez de carro.

    O teu texto fez-me lembrar que tudo isso me faz falta. Excepto a parte da cozinha, que é uma divisão onde faço sempre estragos. Nao há dia em que entre lá, que não faca caca!

    ResponderEliminar
  14. Eu também gosto, e gosto da roupa de Inverno do chá bem quente, de ouvir a chuva enquanto estou na cama e gosto mais das maquilhagens de Inverno, mais carregadas, mais glamourosas!!

    E eu bem sei que não te maquilhas, mas quiçá não tenhas curiosidade ;)

    Um beijinho de Inverno para ti

    ResponderEliminar
  15. tb gosto de ouvir a chuva por exemplo ao fim de semana em que não tenho que sair de casa obrigatoriamente de casa para ir trabalhar, e chegar ao trabalho toda molhada!
    Mas gostos são gostos!

    ResponderEliminar
  16. Eu cá sou do verão! Inverno, só mesmo quentinha dentro de casa!
    **

    ResponderEliminar
  17. ó Sanxeri é muito bonito...mas eu com duas pequenitas a chuva e o frio são sinónimo de bronquiolites!!! Por isso venha o verão sff!!!

    ResponderEliminar
  18. Ao ler o teu texto até gostei assim um pouquinho do Inverno =) conseguiste ver quase todas as coisas boas desta estação! Este ano tive, pela primeira vez, a experiência de ver e sentir a neve a cair e foi realmente bonito..mas decididamente eu quero é o Verão e calor.. tou fartinha de chuva, vento e frio...

    Bj

    ResponderEliminar
  19. Com a tua descrição do Inverno quase me convencias,mas o Inverno e eu não nos damos muito bem....beijão

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã.

Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte?

Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria.

Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

O que é nacional é bom

Anda Portugal a usar cestas desde sempre e esta vossa S* a usá-las há sete ou oito anos... e vem agora a Carolina Herrera descobrir a pólvora (imagens acima).
Por favor, acho isto verdadeiramente errado. A desfaçatez que é pegar em algo tradicional de um país e de o apresentar como uma "criação"... Ainda por cima chamar-lhe "Aveiro"... E em nenhum sítio dizer que tem inspiração portuguesa.
E a pechincha que está? Quase 500 euros por uma cesta. Não tinha nada contra o preço... se efectivamente fosse um produto de original.
É só googlar "cesta portuguesa" e encontram-se imensos exemplares realmente nossos... E sem custarem quase um salário mínimo.
Querem cestas de classe? Então comprem das nossas. Das verdadeiras. Cópias descaradas? Não, obrigada.
Sugiro a Victoria Handmade. Não são caras, são dispendiosas e têm o preço do que é realmente bom. São feitas à mão, são portuguesas e assentam na nossa tradição. 

Voltar ao início

Depois de quase 9 anos e meio de relação, não vamos fingir que são tudo rosas. Ultimamente, temos até de admitir que têm sido mais os dias maus do que os dias bons. As chatices do dia-a-dia, os remorsos, os ressentimentos, os problemas a que somos alheios mas que nos afectam... Não é fácil de gerir e mentiria se não admitisse que já pensamos "será que vale a pena?".
Da minha parte, apesar dos momentos menos bons, continuo com a nítida percepção de que é um bom homem, com bons princípios, e que dificilmente encontraria companheiro que encaixasse tão bem em mim (que eu sou osso duro de roer, no que toca ao convívio caseiro).
Vale sempre a pena, porque não perdemos esta capacidade de nos reencontrar e voltar ao início. Enquanto soubermos olhar um para o outro e reconhecer o valor um do outro, vale mesmo muito a pena.