Avançar para o conteúdo principal

Manias

O desafio foi-me lançado pela Malena. Como estou bem disposta, resolvi aceitar.

Cada bloguista participante tem de enunciar 5 manias suas, hábitos muito pessoais que os diferenciem do comum dos mortais. E além de dar ao público conhecimento dessas particularidades, tem de escolher 5 outros bloguistas para entrarem, igualmente, no jogo, não se esquecendo de deixar nos respectivos blogues aviso do "recrutamento". Cada participante deve reproduzir este "regulamento" no seu blogue.

Manias:

- Sou obsessiva compulsiva. Há "rituais" que repito um certo número de vezes. Já tentei evitá-lo, mas é mais forte que eu. Felizmente, nada de grave. Tudo tem uma ordem no meu quarto. Não durmo se o raio das pantufas não estiverem direitinhas lado a lado.

- Sou muito meiga, quando gosto de alguém. Tenho de me controlar para não ser tão remelosa. É capaz de ser chato.

- Gosto de chorar. Há dias em que sinto necessidade de chorar. Junto umas músicas lamechas, ponho-as a tocar no telemóvel, e deprimo-me. Daí a um pedaço passa-me.

- Brincos. Tenho uma certa obsessão por brincos. Nem é que tenha muitos, mas não saio sem eles de casa. Se reparo que não tenho brincos, fico incomodada.

- Higiene. Nunca saio de casa sem tomar banho e lavar os dentes. Tomo, na boa, dois ou três duches por dia. Cremes, perfume, não dispenso nunca.

Bem, não estava com grande pachorra para passar o desafio a alguém, mas vai ter de ser:

Galo (sim, tu, o rabugento que visita o blogue :P)
Petra Pink
L'Enfant Terrible
Hyndra
Narizinho Lunático

Comentários

  1. Olá!
    Gostei de te conhecer mais um bocadinho:=)
    :=)

    Beijocas

    ResponderEliminar
  2. Eu também não saio de casa sem brincos e também dá-me ataques súbitos de choro.

    Gostei!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Vais prá bicha, meu amor, porque já és a terceira eheheh.
    Eu bem digo: se esperar mais um dia fico com uma dúzia de convites e depois faço o all in one eheheh.

    Oube lá, ó... remelosa, então eu sou rabugento?
    Não te metas comigo, olha que eu dou-te umas palmadas no traseiro que tu ainda passas a gostar mais de chorar (até choras para andar de lambreta eheheh).
    E essa mania dos brincos deve ser hábito da terra. As minhotas usam (usavam...) aqueles brincos do tamanho dos enfeites de Natal da Rua Augusta eheheh.

    Beijiiiiiiinho.

    ResponderEliminar
  4. Eh pá! Esqueci-me dessa dos brincos! Eu sou maníaca! Compro brincos a toda a hora, de preferência compridos. E o Sôr Galo fachabor de respeitar as Minhotas, tá bem? Não são brincos do tamanho dos enfeites de Natal...são brincos à rainha!!! Tenho uns bem grandes e ADORO!!!
    Bjnhs

    ResponderEliminar
  5. Confesso que me ri com a tua "do gostar de chorar".. se bem que te entendo perfeitamente.. antes chorar por querer do que chorar involuntáriamente. Quanto aos brincos devo dizer que dos muitos que possuo gosto de uns pequenos com cristais swarowski(?) e os à rainha em prata ;)
    KissKiss

    ResponderEliminar
  6. Essa cena do quarto ter que estar com tudo no lugar...pareces eu! lol Ou eu pareço tu! Enfim... agora lembrei-me de ir escrever um post sobre isto!

    ResponderEliminar
  7. Todos temos certos rituais eu tambem nao saio de casa sem tomar banho, creme na cara e pequeno almoco
    bjoooo

    ResponderEliminar
  8. Hey you. Estou à espera de um mail teu, a contar o pior encontro. Vá, aposto que te lembras de um de fugirrrrrr

    ResponderEliminar
  9. LOL

    A das pantufas também tenho!
    Já do quarto arrumado :P


    Beijinho*

    ResponderEliminar
  10. LOL! :)
    Estou metida em trabalhos! :p

    Essa das pantufas lembra-me alguém... Não digo quem sou, mas lá que lembra, lembra! :p

    Bjs :)

    ResponderEliminar
  11. Faltou dizeres que gostas de cuspir no prato onde comeste ahahahah!!

    Ou isso não conta?

    ResponderEliminar
  12. Charmoso... não respondo a provocações. ;)

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã. Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte? Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria. Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

Womanizer - O Feedback

Pois bem, minhas amigas... O Womanizer lá chegou através da Amazon de Espanha ao fim de uns dez dias.  E tenho a dizer-vos que custou 189 euros e vale cada cêntimo. Obviamente que não vou estar aqui a entrar em detalhes, mas é um estimulador muito bonito, com um toque agradável, que vem acompanhado por um gel lubrificante que diz "Orgasm is a human right" , o que me parece um excelente princípio. Admito que, por incrível que seja, ainda demorei uns bons minutos a perceber exactamente o encaixe. Parece óbvio, mas não é, porque vibra mal toca na pele e, com o estímulo, não é assim tão simples quando poderia parecer. Ou sou eu que sou aselha. Mas também garanto, minhas amigas, que a partir do momento em que há encaixe, é uma questão de segundos. Não é exagero, são segundos. E uma coisa que se prolonga até à infinitude... Ou até já não aguentarem mais e desligarem, como acontece comigo. Sim, sou uma descarada. Sim, vale todos os euros. Sim, é garantia total. Repetidamente. Infini

:)

Um mês e dez dias depois, tive oficialmente "alta" médica. Ainda não estou aí para as curvas, mas já obtive autorização para voltar a conduzir. Também posso fazer fisioterapia sem preocupações... Já tinha feito uma sessão - na passada semana - e é impressionante o bem que apenas 45 minutos de fisioterapia me fez! Este fim-de-semana volto para o meu apartamento e para as minhas rotinas. Estou feliz por voltar ao meu mundo, mas reconheço que quase mês e meio no ninho da mãe, nesta fase do campeonato, me fez muito bem. Precisava de curar-me física e emocionalmente. Não estou boa, mas estou quase boa.  O melhor ainda está por vir. A todos os níveis.