Avançar para o conteúdo principal

É preciso ter "tomates"

Uma cientista que pesquisa o efeito dos pesticidas nas crianças assumiu o seu passado de prostituta de luxo, para conseguir pagar o mestrado.

"O mistério que entusiasmou o Reino Unido e fez sonhar a blogosfera mundial foi desvendado. A autora do blog erótico "Belle de Jour" é uma cientista inglesa da área da oncologia, que viveu uma vida dupla como prostituta de luxo durante 14 meses.

Brooke Magnanti, ou como é tratada nos média britânicos, a Dra. Brooke Magnanti, de 34 anos, assumiu-se como a autora do "Belle de Jour" - "Diário de uma Call Girl", blogue que alimentou páginas de comentários, no estrito senso literário. Porque das linhas desempoeiradas e divertidas de "A bela da tarde" se terão alimentado muitos sonhos e expectativas.

O mistério durou seis anos. Cresceu, de blog erótico na Internet, fez-se best-seller em livro e até deu uma minissérie televisiva protagonizada pela actriz Billie Piper. Meia dúzia de anos volvidos, Brooke Magnati, a Dra Brooke, cientista que combate o cancro, confessa ser a autora dos textos autobiográficos e a mulher que vestiu, durante 14 meses, a pele de uma prostituta de 300 libras à hora (cerca de 335 euros)."

No Jornal de Notícias.


O ser humano é testado quando se encontra em situações difíceis. Acho que qualquer uma o faria, se precisasse mesmo de dinheiro. Agora de luxo? Não é para quem quer, é para quem pode. Admiro a coragem dela. Não a admiro pelo facto de ter tido sexo com desconhecidos, para pagar os estudos - não é admirável. Admiro-a sim por ter tido forças para deixar um mundo de luxos - que vicia - para perseguir o sonho da investigação. Ainda por cima numa área tão nobre.

Comentários

  1. Admiro-a por ter conseguido deixar esse mundo de luxos materiais, é rara aquela que o deixa...
    Bjis

    ResponderEliminar
  2. dá que pensar...

    Um beijinho
    Eduarda
    Be in ♥ love

    ResponderEliminar
  3. Estou como diz a Eduarda, dá que pensar!

    Bjoo*

    ResponderEliminar
  4. Essa é mais uma história muito mal contada.
    Se todos os desempregados fossem assaltar bombas de gasolina para matar a fome aos filhos, não havia bombas de gasolina para todos.
    Se todas as mulheres de poucas posses que pretendessem estudar, se dedicassem à prostituição, não havia clientes que chegassem para todas.
    Conclusão:
    Não me venham dizer que a criminalidade perigosa aumenta por causa do desemprego, nem me digam que o que leva as mulheres à prostituição são as dificuldades financeiras.
    Por norma um pai que sempre trabalhou e foi apanhado na teia da crise, não deixa de ser honesto e não começa a assaltar bombas de gasolina.
    Do mesmo modo uma mulher que quer estudar procura um emprego, nem que seja a fazer limpezas.
    A história da "desgraçadinha" que se dedicou à prostituição para pagar os estudos, é uma história para otários. Porque os gajos que pagam para ter sexo, são uns otários.
    Eu conheço um tipo que viajou, do Porto até Lisboa, no Alfa-Pendular, onde travou conhecimento com a Carolina Salgado, já depois de terem estoirado as broncas entre ela e o Pinto da Costa. Mesmo assim, o otário chegou a Lisboa convencido que ela era uma grande mulher que só teve "azares" na vida.
    A ver se elas alguma vez procuraram um trabalho a sério...
    É que trabalhar faz calos eheheh.

    ResponderEliminar
  5. Admiro que ela tenha admitido o passado dela sem problemas..acho que pouca gente é capaz disso.

    beijo*

    ResponderEliminar
  6. PS: Mudaste o sapatinho para uns ténis ... sabe tão bem :) mas um sapatinho é um sapatinho ;)

    ResponderEliminar
  7. A senhora também podia ter arranjado outro trabalho... mas pronto, se calhar foi o que lhe veio à cabeça, dinheiro fácil, é só abrir a perna... é tipo as do Técnico que andam no ataque para pagar os estudos.

    Mas visto por outro ponto de vista, eu que dou o pipi à borla vou começar a cobrar ao Abade 335e à hora lol... sempre tenho o prazer e a recompensa ehe

    ResponderEliminar
  8. E ha pessoas fantásticas não ha?
    bjoo

    ResponderEliminar
  9. O que esta senhora viveu (e digo "senhora" sem qualquer ironia) não me parece que seja motivo de admiração nem de censura.
    Vamos jogando com as cartas que nos calharam em sorte. Ganhamos umas vezes, perdemos outras...
    Cada um tem a sua história de vida e essa é a dela.

    *beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Não posso deixar de concordar com o Galo. Não embelezemos a coragem da senhora! Até porque o bloguezinho não era inocente... No Reino Unido há muitas estrangeiras a fazer trabalhos de limpeza, inclusivamente a esfregar escadas, porque não são tarefas apetecidas pelas mulheres nativas.
    A auto-promoção nos dias de hoje também começa a ser feita de forma muito sub-liminar! **

    ResponderEliminar
  11. Tb admiro. E ainda por conseguir por a verdade assim, a nú...

    ResponderEliminar
  12. Tb admiro. E ainda por conseguir por a verdade assim, a nú...

    ResponderEliminar
  13. História curiosa. Será verdade ou simples folhetim?

    ResponderEliminar
  14. eu não a admiro, e nem me admiro já com quase nada!!! penso que ela se está a auto-promover ao revelar-se!!!
    nada de novo, portanto.

    ResponderEliminar
  15. Não conhecia a história! Obrigada por partilhares*

    ResponderEliminar
  16. Ola S*,
    aqui está uma grande Mulher.
    Abraço grande
    Sairaf

    ResponderEliminar
  17. Cada um sabe seu valor. Não devemos julgar nem apontar-lhes o dedo.
    Cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é :)

    ResponderEliminar
  18. Li a noticia e umas partes do blog em questão. Não se lhe pode apontar o dedo.. ao menos não andou a roubar. è preciso ter muita coragem. O anonimato estava-lhe a tirar o sono e a confundir-lhe as emoções.
    KissKiss

    ResponderEliminar
  19. Há mesmo gente que nos consegue meter de "boca aberta".

    ResponderEliminar
  20. Ui! Que história!
    Mas... era mesmo a sua última e única hipótese, a prostituição? :o

    Kiss Kiss*

    ResponderEliminar
  21. Eu duvido que a sua unica hipotese fosse a prostituição. Há muita, mas mesmo muita gente honesta que trabalha para pagar os seus estudos. Não sei o que me dá mais volta ao estomago, se estas mulheres que vendem o corpo por dinheiro facil, se os homens que pagam para ter sexo :S acho que é daquelas coisas que nunca irei compreender.

    ResponderEliminar
  22. que mulher de coragem, e com muita força....



    bjux

    ResponderEliminar
  23. a mim cheira-me um bocado a esturro. mas lá que a pesquisa dela fica famosa fica...

    ResponderEliminar
  24. Tento não julgar vidas que não são a minha, porque não tenho maneira de vivê-las na pele.
    Sei da existência da série televisiva e tudo, mas não sei, sinto que não é suficiente para entrar neste assunto.
    Ainda mais, quando envolve dinheiro/lucro, as coisas não são lineares.

    ResponderEliminar
  25. Olá minha querida.´
    é a Bia.

    Eu concordo plenamente contigo. Acho que dificil mesmo nao é entrar nesse mundo de luxo, mas sim sair dele!

    Para quem, durante algum tempo, é muito facil ter tudo o que quer e consegue ganhar muito dinheiro,é extremamente complicado voltar atras!

    ResponderEliminar
  26. Também vi isso... cada um sabe de si...

    ResponderEliminar
  27. D'accord. Fê-lo enquanto realmente necessitou.

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã. Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte? Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria. Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

I wish

 Faço anos daqui a um mês e, este ano, vou querer prendas muito práticas e objectivas. Algumas coisas preciso comprar, outras substituir, mas acho que vou deixar um pouco as vaidades de lado e optar por poupança real - porque são coisas que teria de comprar. Alisador de Cabelo a vapor BELLISSIMA My Pro (Titânio - 170 °C - 230 °C ) Este ou outro qualquer, desde que seja bom e não me estrague (demasiado) o cabelo. Uns auscultadores. Preferencialmente giros. Preferencialmente sem fios. Estes ainda por cima dobram-se, o que é muito prático para colocar na mala. Um candeeiro de tecto novo para o meu quarto, que o que tenho é antigo e tapa imenso a luz. A minha irmã comprou este candeeiro de mesa para o quarto do meu pequeno (em preto) e amei de paixão. Queria assim em tom cobre para o meu quarto. :) Todos os candeeiros da Leroy Merlin / AKI.

Work in progress

Aprender a lidar com a solidão não é um processo mesmo nada fácil. Ando a diversificar as minhas formas de entretenimento, mas, convenhamos... A COVID não é muito minha amiga. A chuva rouba-me as caminhadas. Valham-me as amigas que me telefonam para ir apanhar pinhas ao monte e as colegas sempre presentes.  Comecei a dançar às segundas-feiras à noite - com a vantagem de achar a professora uma simpatia. A amiga Netflix tem-me feito muita companhia. Estou a ver a primeira temporada de Outlander e sei que tenho série para umas semanas. Os livros também prometem ser grandes amigos, mas sinto-me sempre com tanto sono e com tanto cansaço que tenho evitado a palavra escrita. Estou bem, mas estou a adaptar-me. Com dias melhores e dias menos bons. Obrigada a todos os que, de uma forma ou de outra, demonstraram caminho.