Avançar para o conteúdo principal

Ando a perder a vontade de escrever no blogue... Não queria que acontecesse, mas dez meses depois sinto-me sem inspiração. Não é só no blogue, é mesmo na vida. Tenho um trabalho final para entregar quinta, e mal o comecei. Sabem aquela coisa dos românticos verem coisas onde elas não existem? Pois.

Eu vi, vi muito. Mas fui só mesmo eu que vi.

Vá, vamos lá esclarecer uma coisa: eu não vou fechar o blogue. Já cancelei um, já me chegou. Só ando sem motivação. Pode ser que daqui a pouco venha assim uma brisa suave que me traga inspiração. ;)

Comentários

  1. Querida S, eu acho que o defeito deve ser mesmo de nós românticas. Já me acusaram de ver coisas onde não as há, quando todos os sinais lá estavam. Por isso não te martirizes, acho que o problema está sim em quem gosta de "manter os outros em banho maria".... quanto á inspiração, ela volta.... também me acontece... bjs

    ResponderEliminar
  2. escreves bem... seria uma pena deixar de poder ler-te!

    ResponderEliminar
  3. Não deixes de escrever S. Se precisas de uma pausa força.. nós esperamos..

    Vemos sempre mais do que aquilo que é :(

    Beijinhos e força

    ResponderEliminar
  4. Não nos deixes, querida S*! Organiza-te, entrega esse trabalho e quando estiveres mais relaxada talvez a inspiração volte! Para o blog e para a vida... *

    ResponderEliminar
  5. Espero que não desanimes! O Rio Lima só banha terras de mulheres fortes! provavelmente é o trabalho que também interfere com o teu ânimo. Agarra-o com força, entrega-o e vais ver que te sentes melhor.
    Quanto a teres visto coisas onde não existiam...se calhar viste. E depois? Aos 20 tens muuuuuuitos anos para ver coisas que existem! Vamos! Coragem! **

    ResponderEliminar
  6. Nao percas...tens textos tao bonitos.

    ResponderEliminar
  7. não nos faças isso...
    queremos-te por aqui;) salva-nos dos blogues cor-de-rosinha!

    ResponderEliminar
  8. Bolas... reconheço-me tanto nessa última frase...

    ResponderEliminar
  9. Bolas... reconheço-me tanto nessa última frase...

    ResponderEliminar
  10. Há-de passar, vais ver. Às vezes desinteressamo-nos pela vida, outras vezes é tudo maravilhoso!

    ResponderEliminar
  11. "Every dog has its day"... Não, não te estou a chamar de cão. :P Simplesmente estou a dizer que há dias assim, ou semanas assim, ou até meses assim. Faz parte. Eu tento me inspirar na vida, nas pequenas coisas ;) que ela nos trás. bjs

    ResponderEliminar
  12. Também tenho fases dessas, mas depois passa-me e se for preciso faço uns 3 posts seguidos.
    Fechar jamais, que este é um dos melhores blogs que eu já li, sim?
    Beijoca

    ResponderEliminar
  13. S*, entendo-te perfeitamente, porque me tem acontecido o mesmo e eu adoro escrever. É o meu escape. Mas às vezes, outros valores e necessidades se elevam.

    ResponderEliminar
  14. E sim, a inspiração há-de chegar, quando menos esperares...

    ResponderEliminar
  15. Bem, se fechas isto vou à tua procura e dou-te porrada, estás avisada. Eu percebo-te, mas a inspiração volta. A brisa, o vento, a chuva ou mesmo um raio de sol envergonhado vão fazer com que ela venha o de cima. Beijos

    ResponderEliminar
  16. Olá outra vez! Não sou uma visitante recente. Leio-te há muito tempo. Pode-te parecer estranho uma maluca como eu que varia entre o teu blogue e o do toupeira x estar empenhada em estimular-te mas as pessoas são muito mais do que o que exprimem nos seus textos. Sei mt bem das angústias dos trabalhos com prazo que parecem não nos sair das mãos (estou a fazer agora um e vê lá por onde ando a navegar). Acho mesmo que depois de o fazeres (e faz o favor de deixar o blogue e ir fazê-lo) vais sentir-te muito melhor! ***

    ResponderEliminar
  17. não te obrigues a escrever amiga...
    convem é andares sempre com um lapis e bloco...quando te vier a inspiração..pimba!!!!

    agora...não te deixes ir a baixo

    ResponderEliminar
  18. tudo o que é realmente nosso acaba por voltar.
    Escreves tão bem, essa brisa aparecerá rapidamente (;

    ResponderEliminar
  19. Às vezes acontece... a escrita tem destas coisas... mas qd o bichinho está lá, acredita que ele acaba por voltar!

    Beijos

    Pink

    ResponderEliminar
  20. A inspiração há-de voltar, volta sempre. Eu gosto tanto de vir aqui ler o que tu escreves :)

    ResponderEliminar
  21. Sabes às vezes os sinais estão mesmo lá, mas é só porque nos querem ter ali... para o que quer que seja, mas ao mesmo tempo não querem...enfim se te compreendo.

    Se achas que precisas faz uma pausa, mas volta que nós gostamos muito de cá vir.

    ResponderEliminar
  22. S., um beijinho grande. Há dias (fases) assim, mas passam. Uma dose extra de força e inspiração para esse trabalho :). Força, sim?

    Um abraço.

    ResponderEliminar
  23. Por acaso tb ando um bocado assim...se eu já só escrevia merdinha então agora... Qq dia tiro uma licença sabática ;)

    ResponderEliminar
  24. A inspiração é assim, vai e vem :) Acho que é isso que faz com que seja boa quando existe (a tua, pelo menos, é!).

    Beijinho

    ResponderEliminar
  25. Todos nós temos momentos sem inspiração, sem vontades, sem animo, sem força, mas não desistas, de nada. Faz uma pausa. Descansa. Aproveita para colocares as ideias no sítio e arrumá-las. Quem gosta de te ler, vai ficar, ansioso, à tua espera... :)

    *

    ResponderEliminar
  26. Quando não estiveres à espera "BUMMMM" vem a onda de inspiração!!! Nós ficamos à espera!

    Beijos aluados!

    ResponderEliminar
  27. ás vezes é preciso tirar ferias do blog pra chegarmos aqui cheias de novas energias..

    compreendote

    beijinhoe boas inspiações e bom trabalho =D

    beijo

    ResponderEliminar
  28. Querida S*,

    Se precisares de tempo e espaço, compreendo que vás de férias. Contudo, seria uma pena fechares esta janela de vez!
    As tuas pequenas coisas são também as nossas, as de quem te lê :)

    *beijinho

    ResponderEliminar
  29. É o Outono, S*, é apenas o Outono. Que nos tira inspiração (e transpiração), não achamos nada de jeito, tudo nos aborrece...É só e apenas o Outono, a Chama está lá! Bj

    ResponderEliminar
  30. O que está a sentir acontece a muita gente, é natural! o corre, corre do dia a dia, refecte-se até nas coisas que gostamos muito de fazer. Pare um pouco (digo-o com pena) e volte, volte com genica... Que seja breve, por si e por nós que a seguimos e apreciamos.
    Bijinhos e força...

    ResponderEliminar
  31. É... andas a ver coisas. Deve ser dos remorsos ;PPP
    É muito bem feito que tropeces num monte de bosta e cagues um pé até ao joelho. eheheh

    Beijinho.

    ResponderEliminar
  32. Acontece a todos, S*

    Há dias que uma linha que seja parece uma vacuidade intransponivel.

    Mais tarde, sem que nos apercebamos, tudo se altera e volta a alegria de editar um post.

    Voilá!

    ResponderEliminar
  33. ~minha querida depois de um dia de trabalho cansativo, não me ocorrem nada inspirador.....
    Digo apenas e só a verdade que adoro este blog, que faz parte da minha rotina diária e que graças a ele conheci uma menina doce que hoje comnsidero amiga.
    tu beijo enorme

    ResponderEliminar
  34. tu sem inspiraçao????


    nao acredito nisso....vamos la deixar esses pensamentos para tras!

    beijoca!

    leste o capitulo?

    ResponderEliminar
  35. Acontece-me a toda a hora... Não deixes que isso te vença...

    **

    ResponderEliminar
  36. Ora cá eu vou seguir estas pequenas, GRANDES coisas. Beijinhos Maçã e Canela

    A inspiração vem de mansinho..;)

    ResponderEliminar
  37. Pois.. "Aquela coisa dos românticos verem coisas onde elas não existem".. Como te percebo..

    ResponderEliminar
  38. Acho normal, eu por exemplo não gosto nada de rotinas e saber que devo/tenho que ir actualizando o blog acaba por me tirar algum do gozo da espontaneidade de escrever só quando me dá na telha. Tendo em conta a qualidade dos teus posts fico parvo como o consegues fazer numa base diária com temas frescos e interessantes, mesmo quando são pessoais. Acho que estás de parabéns e o trabalho deve vir primeiro, por isso boa sorte com a entrega ;)

    ResponderEliminar
  39. Faz uma pausa, ausenta-te por um período curto de tempo mas não feches o blog, ok? ;)

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  40. Acontece, são dias fases. Compreendo, mas olha depois há dias como hoje para mim em que é posts que até aborrece hehe

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã. Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte? Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria. Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

I wish

 Faço anos daqui a um mês e, este ano, vou querer prendas muito práticas e objectivas. Algumas coisas preciso comprar, outras substituir, mas acho que vou deixar um pouco as vaidades de lado e optar por poupança real - porque são coisas que teria de comprar. Alisador de Cabelo a vapor BELLISSIMA My Pro (Titânio - 170 °C - 230 °C ) Este ou outro qualquer, desde que seja bom e não me estrague (demasiado) o cabelo. Uns auscultadores. Preferencialmente giros. Preferencialmente sem fios. Estes ainda por cima dobram-se, o que é muito prático para colocar na mala. Um candeeiro de tecto novo para o meu quarto, que o que tenho é antigo e tapa imenso a luz. A minha irmã comprou este candeeiro de mesa para o quarto do meu pequeno (em preto) e amei de paixão. Queria assim em tom cobre para o meu quarto. :) Todos os candeeiros da Leroy Merlin / AKI.

Work in progress

Aprender a lidar com a solidão não é um processo mesmo nada fácil. Ando a diversificar as minhas formas de entretenimento, mas, convenhamos... A COVID não é muito minha amiga. A chuva rouba-me as caminhadas. Valham-me as amigas que me telefonam para ir apanhar pinhas ao monte e as colegas sempre presentes.  Comecei a dançar às segundas-feiras à noite - com a vantagem de achar a professora uma simpatia. A amiga Netflix tem-me feito muita companhia. Estou a ver a primeira temporada de Outlander e sei que tenho série para umas semanas. Os livros também prometem ser grandes amigos, mas sinto-me sempre com tanto sono e com tanto cansaço que tenho evitado a palavra escrita. Estou bem, mas estou a adaptar-me. Com dias melhores e dias menos bons. Obrigada a todos os que, de uma forma ou de outra, demonstraram caminho.