Avançar para o conteúdo principal

Quando sou boa, sou mesmo boa!

Não sou de me gabar, até porque não tenho talento excepcional para absolutamente nada.

Mas elogio - porque é digna de ser elogiada! - a minha capacidade de organização. Tenho todas as minhas fotografias, documentos, trabalhos e ficheiros variados organizados por ano, por mês e por temas. 

As fotografias são as meninas dos meus olhos. Estou sempre a tirar fotografias, pelo que a única condição que coloco quando adquiro um telemóvel é ter uma boa câmara. 

Este sábado passei mais duas horas a organizar as fotografias que tirei no último semestre. Mais de 1.500 fotografias armazenadas no telemóvel e que, agora, estão devidamente arquivadas no computador e no disco externo. Para mal dos meus pecados, há uma década o meu portátil de estimação morreu da noite para o dia e perdi tudo... Todas as fotografias, os trabalhos da faculdade, as memórias da juventude... Ainda hoje sinto remorsos, pelo que guardo sempre tudo em dois aparelhos.

O meu filho tem sorte com esta mãe (pouco extremosa) que lhe calhou na rifa, porque tem apenas três anos de vida, mas já conta com quatro ou cinco álbuns físicos completos. Escolho três ou quatro fotografias de cada mês, imprimo e guardo no álbum, assinalando a data em que foi registada e o local (se for digno de destaque).

É uma alegria imensa ver todos os álbuns, recordar momentos e sorrisos. Gasto algum dinheiro neste processo, mas é um investimento que me enche de alegria.

Comentários

  1. Quem me dera ser assim! Parabéns.

    ResponderEliminar
  2. Muitos parabéns por essa disciplina. Gostava de começar a organizar as minhas... mas deixei passar demasioado tempo! Enfim. Um dia...

    ResponderEliminar
  3. Adoro fotografias de todos os tamanhos e feitos, sobretudo, o analógico.
    Fazer álbuns físicos e guardar, mas há uns tempos reparei que por falta de tempo deixei acumular e tenho o telemóvel com demasiadas fotos, tudo ao molho... uma desgraça.
    No pc também deixei de ter os álbuns organizados . Tenho tudo por pastas mas tenho muitas fotos repetidas, outras por apagar ou com datas erradas.
    Costumava guardar em discos externos.

    ResponderEliminar
  4. Ola, e pode recomendar álbuns físicos ? Obrigada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho um absolutamente maravilhoso da Dreambooks. É fantástico, preparei online e adorei o acabamento, a espessura do papel, o brilho... :) Mas geralmente imprimo na Fotosport e coloco em álbuns normais.

      Eliminar
    2. Os álbuns da Dreambooks ficam realmente bonitos. Mas dá para fazer alguns também bonitos desde a raíz, com colagens, autocolantes, moldes, com fotos tipo polaroid e “normais, com tecido, etc. Há várias ideias engraçadas.
      Ando a fazer um agora para dar a uma prima quando ela fizer um aninho.
      Também há uns álbuns amorosos da Mr.wonderful ou o Caderno do bebé (no caso para bebés).

      Eliminar
    3. Para bebé há uns álbuns super amorosos e personalizados ao gosto do cliente: http://www.cadernodobebe.com/

      Eliminar
  5. Tenho tantos álbuns de fotos que agora já tenho de fazer racionamento.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã. Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte? Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria. Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

I wish

 Faço anos daqui a um mês e, este ano, vou querer prendas muito práticas e objectivas. Algumas coisas preciso comprar, outras substituir, mas acho que vou deixar um pouco as vaidades de lado e optar por poupança real - porque são coisas que teria de comprar. Alisador de Cabelo a vapor BELLISSIMA My Pro (Titânio - 170 °C - 230 °C ) Este ou outro qualquer, desde que seja bom e não me estrague (demasiado) o cabelo. Uns auscultadores. Preferencialmente giros. Preferencialmente sem fios. Estes ainda por cima dobram-se, o que é muito prático para colocar na mala. Um candeeiro de tecto novo para o meu quarto, que o que tenho é antigo e tapa imenso a luz. A minha irmã comprou este candeeiro de mesa para o quarto do meu pequeno (em preto) e amei de paixão. Queria assim em tom cobre para o meu quarto. :) Todos os candeeiros da Leroy Merlin / AKI.

Work in progress

Aprender a lidar com a solidão não é um processo mesmo nada fácil. Ando a diversificar as minhas formas de entretenimento, mas, convenhamos... A COVID não é muito minha amiga. A chuva rouba-me as caminhadas. Valham-me as amigas que me telefonam para ir apanhar pinhas ao monte e as colegas sempre presentes.  Comecei a dançar às segundas-feiras à noite - com a vantagem de achar a professora uma simpatia. A amiga Netflix tem-me feito muita companhia. Estou a ver a primeira temporada de Outlander e sei que tenho série para umas semanas. Os livros também prometem ser grandes amigos, mas sinto-me sempre com tanto sono e com tanto cansaço que tenho evitado a palavra escrita. Estou bem, mas estou a adaptar-me. Com dias melhores e dias menos bons. Obrigada a todos os que, de uma forma ou de outra, demonstraram caminho.