Avançar para o conteúdo principal

Instaweek

Dias de sol com cestas e Ipanema.

Sandálias coração, da Grendha.

Começamos a passada semana no cabeleireiro.

Uau, o Pirata 2 cá de casa. ;)

Nos últimos dias tem andado bem mais irrequieto... nem a chupeta, nem a bola musical da Chicco o acalmam.

O cão anda tão cansado, senhores...

Biberão ao colo do pai.

Silvestre babado. :D

Presentes! Querida leitora - mesmo simpática! - entregou-me esta mantinha feita por ela. Adorei, vai dar imenso jeito no tempo mais frio.

Pernocas cada vez mais gorduchas.

Boa semana!

Comentários

  1. Está a ficar um tigre. Quando for grande vai quebrar muito corações. :)

    ResponderEliminar
  2. Adoro ver esse resmungão crescer!!!

    Beijocas:)

    ResponderEliminar
  3. Mas que bem que te fez a maternidade. Estás gira, mas o que se diz gira.

    ResponderEliminar
  4. Os bebés devem deitar-se na horizontal sem almofadas. Tenho visto o teu bebé muitas vezes encostado a almofadas e isso é prejudicial ao desenvolvimento da coluna.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "Os bebés devem deitar-se na horizontal"... eu acho que a S* para fazer tudo como manda a lei da maternidade devia começar a medir de regra e esquadro, tirar raízes quadradas e calcular ângulos geométricos antes de deitar o Rafael na cama, não vá a criança ficar traumatizada por a terem deitado na vertical.

      Isto opinar toda a gente opina, ajudar a pagar as contas é que já é mais complicado.

      Um beijinho S* (a maternidade pôs-te mais gira!! :D)

      Eliminar
    2. Deve ser só durante o momento da fotografia...

      Eliminar
    3. Por acaso a teoria é muito linda na teoria, na prática é tramada. O meu filho rebola-se desde a primeira semana de vida, pelo que não dá para o pôr sempre a dormir de barriga para cima, como indicam os médicos de hoje em dia. Umas vezes dorme, outras vezes não dorme. Coloco-o sempre a meio do berço, barriga para cima, e ele vai sempre parar aos pés do berço, completamente atravessado na horizontal. A almofada costumo pôr para o tentar "encaixar" e evitar que ele fuja tanto... mas, na maioria das vezes, foge na mesma. :)

      Eliminar
    4. Eu estava a falar das várias fotos do menino recostado nas almofadas, até mesmo a dormir. Os bebes não devem usar almofadas só isso.

      Eliminar
    5. Como por exemplo na foto "silvestre babado" , o menino está a dormir mas numa posição incorrecta para a coluna

      Eliminar
    6. Não loja tuc tuc há umas almofadas anti rebolar. Mantém as costas apoiadas no colchão (sem almofadas a elevar nem nada) tem um rolo de um lado e um boneco de outro. Penso que ninguém estava a pedir régua e esquadro, mas a verdade é que a coluna deve estar apoiada no colchão sem elevações, dormir de barriga para cima (de forma a minimizar o síndrome de morte súbita) e nada de almofadas fofas nos berços devido ao risco de asfixia. Se há tanta informação útil é importante para que os nossos bebes se desenvolvam bem, porque não seguir os especialistas? Ai no tempo da minha avó não havia nada disto e também tinham filhos, verdade, mas a mortalidade infantil também era enorme!! Felicidades :) tem um bebe mt querido!

      Eliminar
    7. Desculpa S, mas creio que foste tu que escreveste aqui há uns tempos que "filho meu, dorme de lado". Não tem mal se essa é tua opção, estas no teu direito. Ele está muito fofo!

      Eliminar
    8. Ana, acontece que a minha vontade não interessa... ele dorme como quer e prefere de barriga para cima. :)

      Eliminar
    9. Não percebi essa de 'dormir na vertical' do anónimo. É que isso para mim seria dormir em pé!!! Lol

      Não me querendo meter, mas já me metendo: não se deve colocar almofadas no berço , nem peluches, nem nada que possa eventualmente atrapalhar a respiração dos babies. É uma recomendação pediátrica internacional.
      Se por acaso estiveres a olhar para o baby não faz mal porque qualquer coisa ages logo, mas é completamente desaconselhado por aumentar o risco de morte súbita (tal como dormir sem ser de barriga para cima, usar lençóis e cobertores em vez dos sacos-cama and so on).
      A única coisa com que nao facilito é mesmo com as regras de segurança.

      Eliminar
  5. ai não aguentoooooooooooooo!! ele é tao lindooo!! COMO ASSIIIIIM??? <3 <3 <3 <3

    Um beijinho dourado,

    Catarina

    ResponderEliminar
  6. Fotos lindas. Estás uma gatona S*
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Que sorriso bonito - e que fotografias todas tão bonitas! :)

    A Marta

    ResponderEliminar
  8. o meu coração até fica gigante de saber que gostou da mantinha 😀 foi feita com todo o gosto e carinho.. e o pequenito ainda é mais lindao ao vivo do que nas fotos, fiquei encantada de vos conhecer

    ResponderEliminar
  9. Obrigada a todos pela simpatia. :)

    ResponderEliminar
  10. Estás fantástica e esse miúdo vai ser um quebra corações!! É um lindão!

    ResponderEliminar
  11. oh que fotinhas mimosas! :)
    Com isto tudo lembrei-me que tenho de comprar umas sandálias!
    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  12. S tens de ensinar o pai a dar o biberão, o bico é para cima e não para baixo! ;)

    ResponderEliminar
  13. Acho que nem a própria S sabia disso!

    ResponderEliminar
  14. Cesta bonita e colorida, como convém.
    Em relação ao baby, continua fresco e fofo. :)

    ResponderEliminar
  15. Não há nada melhor no mundo, não é? Está a ficar grande, muitas felicidades aos quatro

    ResponderEliminar
  16. A mantinha é adorável! Tens umas leitoras amorosas. :)

    ResponderEliminar
  17. As almofadas que mencionam acima chamam-se "anti-giro", creio, na altura comprei na pré natal. Como o Rafael, a minha filha era "agitada" desde que nasceu; foi a solução para a manter de barriga para cima e sossegada na cama.

    ResponderEliminar
  18. Opa, o teu bebé é a maior fofice! ^.^

    ResponderEliminar
  19. Você ficou mais bonita depois que se tornou mãe!

    ResponderEliminar
  20. A passar por cá para desejar um ótimo dia.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã. Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte? Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria. Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

Womanizer - O Feedback

Pois bem, minhas amigas... O Womanizer lá chegou através da Amazon de Espanha ao fim de uns dez dias.  E tenho a dizer-vos que custou 189 euros e vale cada cêntimo. Obviamente que não vou estar aqui a entrar em detalhes, mas é um estimulador muito bonito, com um toque agradável, que vem acompanhado por um gel lubrificante que diz "Orgasm is a human right" , o que me parece um excelente princípio. Admito que, por incrível que seja, ainda demorei uns bons minutos a perceber exactamente o encaixe. Parece óbvio, mas não é, porque vibra mal toca na pele e, com o estímulo, não é assim tão simples quando poderia parecer. Ou sou eu que sou aselha. Mas também garanto, minhas amigas, que a partir do momento em que há encaixe, é uma questão de segundos. Não é exagero, são segundos. E uma coisa que se prolonga até à infinitude... Ou até já não aguentarem mais e desligarem, como acontece comigo. Sim, sou uma descarada. Sim, vale todos os euros. Sim, é garantia total. Repetidamente. Infini

:)

Um mês e dez dias depois, tive oficialmente "alta" médica. Ainda não estou aí para as curvas, mas já obtive autorização para voltar a conduzir. Também posso fazer fisioterapia sem preocupações... Já tinha feito uma sessão - na passada semana - e é impressionante o bem que apenas 45 minutos de fisioterapia me fez! Este fim-de-semana volto para o meu apartamento e para as minhas rotinas. Estou feliz por voltar ao meu mundo, mas reconheço que quase mês e meio no ninho da mãe, nesta fase do campeonato, me fez muito bem. Precisava de curar-me física e emocionalmente. Não estou boa, mas estou quase boa.  O melhor ainda está por vir. A todos os níveis.