Avançar para o conteúdo principal

Vaidades


Pensei que ao aumentar consideravelmente de volume ia deixar de ter esta vontade constante de comprar roupa... Mas não. Não só não perdi a vontade, como agora tenho a desculpa ideal. 

"Amor, comprei uma blusinha porque nada me serve...".

Sim, é capaz de resultar. Já se sabe que as grávidas não devem ser contrariadas, para não entrarem em stress desnecessário. 


Brincadeirinha.

Comentários

  1. Ele que tenha cuidado... com as grávidas todo o cuidado é pouco! Em segundos viram feras...

    ResponderEliminar
  2. E fazes bem, devemos gostar do que vemos ao espelho e continuar com as nossas vaidades quer estejamos mais ou menos rechonchudas, independentemente do motivo. Mas, tem só em atenção porque essa roupa depois vai ficar arrumada, pois o volume vai diminuir, e depois vais querer outros trapinhos. Mas compreendo pois sou igual, uma vaidosa, pindérica e adoro compras. Já fui pior, mas como grande parte das mulheres ir às compras não é sacrifício. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Na verdade, o estilo de blusas e túnicas que eu gosto tanto dão para usar agora como depois. Gosto de coisas fluidas. :)

      Eliminar
    2. Em relação a blusas/túnicas, sim eu sei que gostas de coisas mais fluidas. As partes de cima é sempre mais fácil. :)

      Eliminar
    3. A minha dica seria, se possível, comprar partes de cima que sejam adaptáveis para amamentares também. Assim o investimento dura mais tempo...

      Eu estou com quase 31 semanas e também me dizem para não comprar roupa porque a vamos arrumar depois e então agora durante 40 semanas andava nua? Não dá. E no pós-parto também dificilmente saio da maternidade com o corpo que tinha há 9 meses atrás, qual Carolina Patrocínio... vou precisar de roupa que se adapte a mim, às minhas necessidades, me faça sentir bem e confortável!!

      Eliminar
  3. Aproveita a desculpa! :P comprar roupa sabe sempre bem. Desde que possas usar depois da gravidez, é perfeito :)

    ResponderEliminar
  4. Acho que é mesmo a desculpa perfeita ^^

    Beijinhos, O blog da Mó | Instagram ^^

    ResponderEliminar
  5. Há que aproveitar sempre que temos um boa desculpa! :D

    ResponderEliminar
  6. Ahahah!
    Parece-me a desculpa perfeita!

    ResponderEliminar
  7. Por acaso não fiz muito isso quando estava grávida da Luísa, mas comprei muita coisa para a miúda. E isso é que piora sempre :) e vais a qualquer lado e vem sempre qualquer coisa para ela e para mim nicles ;)!

    Beijinhos e tudo a correr bem neste último mês!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã. Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte? Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria. Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

I wish

 Faço anos daqui a um mês e, este ano, vou querer prendas muito práticas e objectivas. Algumas coisas preciso comprar, outras substituir, mas acho que vou deixar um pouco as vaidades de lado e optar por poupança real - porque são coisas que teria de comprar. Alisador de Cabelo a vapor BELLISSIMA My Pro (Titânio - 170 °C - 230 °C ) Este ou outro qualquer, desde que seja bom e não me estrague (demasiado) o cabelo. Uns auscultadores. Preferencialmente giros. Preferencialmente sem fios. Estes ainda por cima dobram-se, o que é muito prático para colocar na mala. Um candeeiro de tecto novo para o meu quarto, que o que tenho é antigo e tapa imenso a luz. A minha irmã comprou este candeeiro de mesa para o quarto do meu pequeno (em preto) e amei de paixão. Queria assim em tom cobre para o meu quarto. :) Todos os candeeiros da Leroy Merlin / AKI.

Work in progress

Aprender a lidar com a solidão não é um processo mesmo nada fácil. Ando a diversificar as minhas formas de entretenimento, mas, convenhamos... A COVID não é muito minha amiga. A chuva rouba-me as caminhadas. Valham-me as amigas que me telefonam para ir apanhar pinhas ao monte e as colegas sempre presentes.  Comecei a dançar às segundas-feiras à noite - com a vantagem de achar a professora uma simpatia. A amiga Netflix tem-me feito muita companhia. Estou a ver a primeira temporada de Outlander e sei que tenho série para umas semanas. Os livros também prometem ser grandes amigos, mas sinto-me sempre com tanto sono e com tanto cansaço que tenho evitado a palavra escrita. Estou bem, mas estou a adaptar-me. Com dias melhores e dias menos bons. Obrigada a todos os que, de uma forma ou de outra, demonstraram caminho.