quinta-feira, 6 de abril de 2017

Maravilhas da maternidade #7


Ui, que alegria a perspectiva de ter de lavar pelo menos 5 ou 6 máquinas com roupa de bebé e mais 2 ou 3 com roupa de berço. 

Se passar a ferro é aborrecido, não quero imaginar ter de passar a ferro 1001 peças de roupa tamanho mini.

Vai ser a loucura. 

44 comentários:

  1. Quer uma sugestão?!!Lavar, eu e a minha mãe lavamos em casa. Mas passar aquelas roupas minis, eu já com um barrigão, não dava... Levei aquelas casas de engomar. Rápido, super bem passadas, sem gastar tempo e luz. Foram €50,00, mas bem gastos, não pagou o trabalho que aquilo dava.

    ResponderEliminar
  2. Não passes :P Eu não passo roupa nenhuma mesmo! Nadinha.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pensava que era a única xD Eu só passo meia dúzia de peças mais 'sensíveis'...

      Eliminar
    2. Ahahah eu ia deixar um comentário a dizer isto mesmo xD Eu às vezes nem compro roupa se achar que vou ter que a passar hehehe

      Eliminar
    3. Mas a roupa do bebé convém passar.

      Eliminar
    4. Eu também passo pouca roupa, só gangas duras, camisolas de trabalho do meu rapaz e peças mais delicadas. No entanto, faço questão de preparar da melhor forma as primeiras roupinhas do Rafael.

      Eliminar
    5. Convém se estiver exposta a possíveis bichinhos, pós, etc. Quem lavar e meter a secar na máquina basta dobrar e está pronta para usar sem problema nenhum. Não sei é se a S* tem máquina.

      Eliminar
    6. A minha mãe sempre passou tudo tudo e eu há anos que lhe pedia para, por favor, não passar as minhas calças (ficavam tão duras!). Acho que o ferro acaba por estragar imenso as peças e prefiro mesmo não passar :) Agora em minha casa tenho um ferro e uma tábua, mas estão arrumados desde sempre.

      Eliminar
  3. Tens que começar a treinar. É um bom estágio!

    ResponderEliminar
  4. As mães com olheiras não são um mito... O que nos vale é aquela dose de amor extraordinário!

    Beijos, mamã :)

    ResponderEliminar
  5. Então no meu tempo tinham morrido eu e milhares de mães!!A minha filha nasceu em Maio e eu só comprei máquina em julho,tinha que lavar tudo á mão e fraldas de pano (não havia outras),cuecas de plástico,e passado 23 meses nasceu o meu filho,nessa altura é que começaram a aparecer fraldas descartáveis, mas comparadas ás de hoje eram horríveis!! E tinha 1 mês de licença de maternidade de cada filho e...cá estou:)))Pense no que se evoluiu nesse aspeto no nosso País!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ahah Teresa, embora eu perceba a sua opinião, o mundo evoluiu e hoje em dia não prescindimos de comodidades que obviamente não existiam antes. :)

      Eliminar
    2. Divisão de tarefas impõe-se!

      Eliminar
  6. Eu nunca engomei roupa para o meu peixinho, nem a primeira. Lavei tudo na máquina, com detergente próprio para bebés, pendurei na corda, dobrei e guardei. Conheço várias pessoas que engomaram tudo, sei até de quem tenha lavado a roupa à mão e enxugado dentro de casa. Não vejo diferenças no resultado final. ;)

    ResponderEliminar
  7. As mães tem super poderes pelo que vejo pela minha e pelas minhas avós por isso também vais conseguir querida :)

    Lumos
    Instagram

    ResponderEliminar
  8. Embora eu ache um exagero de máquinas, imagina-te grávida e com mais 2 filhos, um de 2 e outro de 3 anos. Era um festival!!!

    ResponderEliminar
  9. Eu tive a sorte de a minha mãe me ter passado a roupa toda. Lavar e secar lavei eu e, na altura, ainda fui naquela conversa de não por roupa a enxugar no exterior à noite...Na segunda já não...punha roupa a qualquer hora.

    ResponderEliminar
  10. Não é preciso engomar tudo, tudo e tudo. Mas se precisares ou quiseres passar tudo, as roupinhas de bebé também são tão pequeninas. Nada a ver com o vestuário adulto... Descomplica, as coisas vão acontecendo! :)

    ResponderEliminar
  11. Queres um conselho? Passa só mesmo mesmo o necessário e vais ver que reduzes muito! Passar mini roupas é uma chatice, pá :D eu raramente passava as do meu pequeno. Bodies, calcinhas interiores, alguns babygrows (dependendo do tecido), fraldas de pano, toalhas de banho... não passava nada. Ainda hoje, roupas interiores, alguns tecidos e pijamas... não passo nada :P

    ResponderEliminar
  12. Nunca achei que passar roupa de bébé fosse complicado, e odeio passar a ferro. O que eu fazia, visto que a roupa era tão pequenina, era passava várias peças e colocava-as num montinho, no final dobrava as peças todas. Sempre achei que assim era muito mais rápido.
    Mas dos melhores investimentos que fiz foi uma máquina de secar roup. Não há stresses no inverno com roupa que nunca mais seca e, além disso, não tenho que passar essa roupa a ferro porque sai impecável da máquina.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exatamente. Também comprei máquina de secar quando engravidei.

      Eliminar
  13. Eu acho essencial passar a roupa dos bebés, primeiro desinfecta e depois para assentar e por no lugar as costuras que ficam sempre fora dos sitio ou enrrugadas para não aleijarem, mas a roupa dos bebés é muito facil de passar pois de tão pequenina que é estica-se na tábua de passar e é só quase por o ferro em cima que fica passada....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também eu! Não sei como ha quem não passe a roupa a ferro! Que impressão que me faz! alguma vez tem comparação uma coisa com a outra? Desculpem mas não acredito mesmo que a roupa fique impecável sem ser passada! Outra coisa que me faz uma tremenda confusão também são as mães que vestem aos miúdos roupa nova sem ter sido lavada primeiro. Credo!

      Eliminar
    2. Roupa de bebé claro que me parece melhor passar, porque creio que vai ficar mais macia. A minha, sinceramente, não me faz diferença. :)

      Eliminar
  14. Engomadoria! Dinheiro bem investido :)

    ResponderEliminar
  15. Não estarás já a lavar roupa a mais? :) Ou pelo menos a passar? Porque não tratas das roupas para os primeiros 3 meses (6, na loucura) e deixas o resto para quando for preciso? :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nop. Só estou a lavar e engomar o que é até aos 6 meses... vá, dei ali uma margem para roupa até 9 meses porque está previsto ser um bebé muito grande. ;)

      Eliminar
    2. Então definitivamente a minha teve pouca roupa. :D

      Eliminar
    3. Tété, provavelmente bem menos que o meu. ahah A que eu comprei era suficiente, mas ainda tenho a que herdei do sobrinho. :D

      Eliminar
    4. Isso da previsão do peso é muito relativo...
      Tive um com 4,5kg, cujo peso 5 dias antes de nascer foi estimado em 3kg.
      Na seguinte previram um bebé grande, no percentil 90, e ela nasceu com 3,260kg.

      Eliminar
    5. Ainda ontem falei nisso num jantar de grávidas... há tanto que pode mudar entre a última eco e o parto!

      Eliminar
  16. Epa... não sei se vou ser capaz de passar a ferro tudo! Mas... vamos lá ver quando chegar a minha vez. Boa sorte! :)

    ResponderEliminar
  17. Um ano e pouco depois posso dizer que a alegria é a mesma ao olhar para o monte de roupa mini que insiste em continuar a aparecer :D mas por outro lado, é da roupa que mais prazer dá a passar. Eu dou sempre prioridade à roupa pequenina e a nossa...é quando puder :D

    ResponderEliminar
  18. Pensei que alguém altamente metódico e organizado lidasse melhor com estas coisas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O seu comentário é altamente parvinho. Não estou a ver como é que ser organizado pode estar relacionado com gostar de passar a ferro. Deve ser uma relação demasiado à frente para a minha capacidade...

      Eliminar
  19. A criança não tem pai? ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lá está um comentário de quem nem sequer sabe como as coisas têm sido feitas cá em casa. Sim, tem. E um pai muito presente.

      Eliminar
  20. Eu adorei organizar a roupa do meu primeiro filho (mas não tinha nem metade!!). Foi a roupa que mais gozo me deu de passar.
    Já a roupa do segundo (a maioria era a mesma) foi um sacrifício (também me aventurei a tratar da roupa até aos 9 meses).
    O pior é que começava a recordar as coisas menos boas (traumas do parto) e desatava a chorar (ai o medo do parto...).
    Enfim... uma palermice! Tanto medo e consegui ter um parto santo.
    Mas as roupinhas... fofura!
    Truque para passar a ferro: TV (séries). ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ontem fiz maratona de duas horas e passei tudooo o que herdei!!

      Eliminar
  21. Não passes o que não vale a pena passar. Dobra direitinho... Pensa nisto!! Beijocas

    ResponderEliminar