terça-feira, 22 de setembro de 2015

Ahahah


Coisas que envio ao mais-que-tudo. Só para ele relativizar e pensar que há gente que está "pior" que nós.

A página de Facebook mais porquinha de sempre - Esther, the wonder pig.

14 comentários:

  1. ahah vou mostrar à minha mãe, fica passada só com um gato imagino com este zoológico todo como ficava. ;)

    ResponderEliminar
  2. GOD se ainda há quem se queixe por ter como animais de estimação um cão ou um gato fará um porco. ahahah :)

    ResponderEliminar
  3. Quando eles ficaram com a porquinha pensaram que era de raça pequena mas depois descobriram que afinal não, era uma porca como as outras: grandalhona (e fofa). Apesar disso assumiram o compromisso que fizeram no início. cuidar dela para sempre. :)

    ResponderEliminar
  4. Mas um dia... um dia vais lá chegar. É pouco provável encontrares uma porca de quatro patas abandonada. Mas daquelas de duas patas, minissaia e colãs rotos, sentadas em cadeiras de lona à beira da estrada, há muitas.
    Adota uma, coitadinhas... eheheheh

    ResponderEliminar
  5. Vês??? Afinal ainda podes juntar mais uns membros à família ;)

    ResponderEliminar
  6. I feel you! Três gatos, quatro cães.

    perdidaemcombate.blogspot.com

    ResponderEliminar
  7. Sigo a Esther há muito tempo, adoro!
    Bj S

    ResponderEliminar
  8. Aqui em Braga, há uma senhora, falada por toda a cidade, que passeia orgulhosamente uma porca com uma trela, pelas ruas do centro... É interessante observar os olhares daqueles que veem a cena pela primeira vez, hahaha!

    ResponderEliminar
  9. Faz-me um pouco de impressão. Até podem ser animais inteligentes e tal, mas em casa faz-me impressão...

    ResponderEliminar