terça-feira, 28 de abril de 2015

Um ano

Faz hoje um ano que perdemos a nossa matriarca, a minha avó. Faz hoje um ano que perdemos os ataques de riso que tinha sempre que contava as histórias de África. Contava sempre as mesmas, mas ria-se como nunca, como se fosse a primeira vez que recordava as velhas memórias de um continente distante.

Faz hoje um ano que perdemos aqueles olhos verdes tão bonitos, que nenhum de nós herdou, a não ser o meu irmão, que teve a honra de nascer com uns olhos verdes escuros que ficam mais claros nos dias de sol.

Há um ano deixamos de ter a presença dela... mas hoje, no Dia Mundial do Sorriso, sorrimos por ela e para ela. A partida dela só nos tornou mais unidos, porque era isso que ela quereria para nós. E se ela tivesse tido a oportunidade de ver e conhecer o Baby Miguel, sorriria muito. Disso podemos ter a certeza absoluta.

17 comentários:

  1. É algo que ainda não senti...receio muito que chegue esse dia :(
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  2. É sempre tão difícil :/
    Um beijinho forte forte :)

    ResponderEliminar
  3. Deixaste-me toda arrepiada, S*. Um beijinho para ti.

    ResponderEliminar
  4. Um grande beijinho para ti e para os teus querida!

    ResponderEliminar
  5. Beijinho para ti minha querida. Ficam os bons momentos, lembranças... para sempre!

    ResponderEliminar
  6. Que texto lindo e singelo *-* Isso aí, é ótimo ver que você guarda coisas boas, boas recordações...

    jj-jovemjornalista.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  7. Conserva as boas recordações. É uma situação sempre difícil de lidar, acho que independentemente do tempo que passe :/ beijinhos!

    ResponderEliminar
  8. Esse é o espirito ;) toma lá uma abracinho cheio de sorrisos para aí!

    ResponderEliminar
  9. Custa tanto a partida... Mas o que fica de bom torna-se em milhares de sorrisos e boas memórias. :)

    ResponderEliminar
  10. Com alguns dias de atraso, não podíamos deixar de enviar um beijinho especial de netas para neta :(

    ResponderEliminar