Avançar para o conteúdo principal

Uma questão de originalidade



Estas clutches são um negócio daqui da cidade e gosto sempre de ver o sucesso das lojas da minha terra. Fico orgulhosa por ver pessoas a conseguirem dar a volta à crise. A clutch foi oferta da minha irmã, no Natal, e não poderia ter escolhido uma prenda melhor.

Comentários

  1. é mesmo muito gira, bem gira mesmo.

    Beijos

    ResponderEliminar
  2. so lhe tirava as flores :)
    Mas foi uma excelente prenda!

    Paulinha

    ResponderEliminar
  3. Não gosto, acho muito deselegante.

    ResponderEliminar
  4. Fiquei a conhecer através de ti e adorei o conceito.
    Amo de paixão a que está no facebook deles a passear em Veneza!

    ResponderEliminar
  5. Padrão tigresse é originalidade em ti?

    ResponderEliminar
  6. Muito original sim senhora (mas também lhe tirava as flores).

    www.prontaevestida.com

    ResponderEliminar
  7. Adorei o detalhe das flores , deu um toque especiale.
    bjs
    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  8. Muito prática!... Mas ouve lá, com essa cara linda porque é que ficaste a olhar para o chão?...:-)
    xx

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Laura, para não perder tempo a tentar ficar bem na foto. ahahah

      Eliminar
  9. Tá uma má combinação... que mau gosto. calma é a mh opinião

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu por acaso gosto. E muito. Acho que ficas muito bem assim mais simples. E repara que, contudo, há elementos marcantes, como o lenço. Mas gosto do efeito geral, está jovem, mas, ao mesmo tempo, com ar de mulher. Bem, eu gosto, pronto. :-)

      Eliminar
    2. Ah. E pra acrescentar: por vezes dás a entender que és gorda. Eu acho que não, tens um corpo proporcional e bonito. E sou mais magra do que tu, não digo isto tipo por ser gorda e querer defender quem se acha gorda. Acho mesmo que tens um corpo bonito! Por isso, não te voltes a chamar lontra. Ainda que a brincar. :-P

      Eliminar
    3. Anónimo das 19.59, eu também gosto, caso contrário não usava. E agradeço os simpáticos elogios. Com corpo mais ou menos bonito, o que importa é que uma pessoa se sinta bem na sua pele. <3

      Eliminar
    4. Gosto muito da clutch S. No entanto acho que frequentemente usas algo que eu pessoalmente não gosto e que acho que não favorece ninguém, que é botas de cano alto com calças largas. Acho que deverias apostar em calças justas ou leggins para esse tipo de botas. Apenas uma opinião, espero que não entendas isto pela negativa.

      Eliminar
    5. Anónimo, por acaso são skinny jeans da Mango... mas como não tenho a perna magra, não uso mesmo calças coladas-coladas. Isto é o mais justo que eu uso, de calças. ahahah

      Eliminar
  10. Acho um máximo a mala :)
    E sabes uma coisa S*? Ignora os anónimos, é só inveja... Enfim
    Um beijinho e bom fim de semana :)

    ResponderEliminar
  11. É linda e original :) Admiro muito as pessoas que em altura de dificuldades não se acanham e fazem tudo o que está ao seu alcance para vencer!

    http://miscelaneathesecond.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. S* um dia ainda vou ver-te num vestido de noite irresistível ;)

    ResponderEliminar
  13. Dessa vez acertaste mais no look, que milagre, até me espantei. Hahahahaha. O detalhe do lenço caiu bem. O casaco em si não gosto, deixa-te bem cheia, e tem aspecto assim de roupa mais ou menos, lol, mas sim, o look está bom. Menos é mais, definitivamente.

    ResponderEliminar
  14. Adorei a mala!
    http://catarynamendes.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  15. Ainda bem que gostaste da prenda da tua irmãzinha,fico muito contente!! Beijinhos fofinhos!!

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Para dormir - solução, procura-se!

É uma pessoa desesperada que vos escreve, esta manhã.

Conhecem soluções naturais para dormir bem de noite? Algo que me faça ferrar o galho e só acordar no dia seguinte?

Estou farta de noites mal dormidas. Estou farta de ficar até às 5 ou 6 da manhã sem conseguir dormir. Chego ao desespero, com vontade de chorar. De dia, sinto-me cansada, porque o descanso é uma porcaria.

Não sou grande adepta de medicamentos mas, se tem de ser, é. Alguém conhece um remédio, uma erva, o que seja?

O que é nacional é bom

Anda Portugal a usar cestas desde sempre e esta vossa S* a usá-las há sete ou oito anos... e vem agora a Carolina Herrera descobrir a pólvora (imagens acima).
Por favor, acho isto verdadeiramente errado. A desfaçatez que é pegar em algo tradicional de um país e de o apresentar como uma "criação"... Ainda por cima chamar-lhe "Aveiro"... E em nenhum sítio dizer que tem inspiração portuguesa.
E a pechincha que está? Quase 500 euros por uma cesta. Não tinha nada contra o preço... se efectivamente fosse um produto de original.
É só googlar "cesta portuguesa" e encontram-se imensos exemplares realmente nossos... E sem custarem quase um salário mínimo.
Querem cestas de classe? Então comprem das nossas. Das verdadeiras. Cópias descaradas? Não, obrigada.
Sugiro a Victoria Handmade. Não são caras, são dispendiosas e têm o preço do que é realmente bom. São feitas à mão, são portuguesas e assentam na nossa tradição. 

Voltar ao início

Depois de quase 9 anos e meio de relação, não vamos fingir que são tudo rosas. Ultimamente, temos até de admitir que têm sido mais os dias maus do que os dias bons. As chatices do dia-a-dia, os remorsos, os ressentimentos, os problemas a que somos alheios mas que nos afectam... Não é fácil de gerir e mentiria se não admitisse que já pensamos "será que vale a pena?".
Da minha parte, apesar dos momentos menos bons, continuo com a nítida percepção de que é um bom homem, com bons princípios, e que dificilmente encontraria companheiro que encaixasse tão bem em mim (que eu sou osso duro de roer, no que toca ao convívio caseiro).
Vale sempre a pena, porque não perdemos esta capacidade de nos reencontrar e voltar ao início. Enquanto soubermos olhar um para o outro e reconhecer o valor um do outro, vale mesmo muito a pena.