domingo, 11 de agosto de 2013

Montanelas


Não se deixem enganar por este ar de bebé. O Pirata, doravante também conhecido por Montanelas, fartou-se de tentar montar a cadela labrador de 3 anos e meio, da minha irmã. Ela tem seis ou sete vezes o tamanho dele, mas ele afinfava-lhe com gosto.


PS: Mentalizem-se. Vamos ter muitos posts sobre o meu príncipe nos próximos tempos.

PS 2: Para estas e outras aventuras, sigam-me no FB.
https://www.facebook.com/sasterisco.asminhaspequenascoisas

36 comentários:

  1. S*, estás a pensar castrá-lo?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro. Por volta dos 6 meses, como aconselhou a veterinária. :)

      Eliminar
    2. Ah sim senhora, acho que fazes muito bem :)

      Eliminar
  2. Estou "mentalizada" e gosto! Venham de lá essas aventuras do Montanelas ;)

    ResponderEliminar
  3. Ups!!! Quem vê cara (focinho) não vê coração...ou outras coisas!!!
    Bjs
    Maria

    ResponderEliminar
  4. Há algum gato que chegue aos calcanhares dum cão? Ahahah
    O gajo tem estilo. lol

    ResponderEliminar
  5. Isso não tem nada a ver com sexualidade...É pura questão de comportamento e de dominância. Para evitar problemas sérios de futuro são comportamentos que não devem ser incentivados, muito pelo contrario.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. becas, não me parece que um cão de 2 meses esteja a tentar dominar uma cadela adulta. De qualquer forma, o comportamento não foi incentivado, pelo contrário. Mas não deixo de lhe achar graça. ;)

      Eliminar
    2. Realmente, há quem não tenha nada de bom para comentar... O animal tem 2 meses!!! Para ele isto não passa de pura brincadeira.

      Cabe aos donos (que são a S* e o namorado, não meia blogesfera maldosa) irem evitando que ele tenha este comportamento.

      Eliminar
    3. Anónimo, agradeço a defesa mas a pergunta da becas não me pareceu maldosa. Apenas não me fez muito sentido.

      Eliminar
    4. S*, eles começam a dominar ainda com a ninhada. Começam com comportamentos dominantes na disputa da mama, na disputa do lugar mais confortável no ninho etc etc.
      Montar é uma forma de domínio, mesmo com dois meses. Aliás, se ele só tem dois meses e já está em tua casa saiu cedo demais da ninhada. 2 meses é o tempo mínimo para estarem com a mãe e os irmãos. É nesta fase que aprendem o básico.
      Muitas pessoas por inocência os donos acham piada, deixam e brincam quando os cachorros começam com isto e mal sabem que estão a ajudar a criar uma personalidade dominante. Não pode. E sim também é a brincar, mas é a brincar que eles começam a definir as fronteiras, que começam a criar a sua personalidade e que começam a perceber o que podem e não. O maior erro que se pode cometer na educação de um cão é achar que porque são cachorros é a brincar e não faz mal. É por serem cachorros que se tem que mostrar o que pode, não pode, logo desde que chegam a casa. Boa sorte na educação do pirata e não te deixes enganar por esse ar de anjo , esses gajos sabem-na toda :-)

      Oh anónimo e que tal deixar-se de parvoíces? Hum?! Tente... ou então vá dar banho ao cão!

      Eliminar
    5. Becas, a minha família sempre teve cães, mas cães de quintal. Este é o meu primeiro cão de casa. Agradeço os conselhos.

      Já percebi que o meu peludo é obstinado... Mas a partir de hoje vai começar a dormir no chão. Sim... Cometi o erro de o deixar dormir na cama.

      Quanto ao facto de o ter adoptado com apenas mês e meio, infelizmente o dono da mãe dele abandonou-o... E eu tive a sorte de o adoptar.

      Eliminar
    6. Vais ter que ser firme... falta-lhe tempo de matilha para aprender o básico.
      Só podes deixar fazer aquilo que estiveres disposta a tolerar para sempre, nomeadamente a cama. Se é para passar a dormir na cama ok, se é só hoje, ou amanhã não podes deixar. Eles não entendem isso do às vezes :-) O mesmo para comportamentos que não estejas disposta a tolerar, é cortar logo.
      Boa sorte... ( e a gataria não o põe no lugar?)

      Eliminar
  6. Isso é o instinto natural, não é? Que ele tem montes de personalidade lá isso tem.... !

    ResponderEliminar
  7. Taras e manias

    Eu tenho alguns comportamentos obsessivos. Sou uma pessoa calma, bastante normal, digamos assim. No entanto, existem partes de mim que não são tão normais assim.

    Sou meio obcecada. No meu quarto, no meu espaço, tudo tem uma ordem. A roupa é colocada sempre pela mesma ordem (ordenada por preferência), as pantufas são colocadas sempre na mesma posição e o pijama dobrado da mesma maneira. Na minha mesa-de-cabeceira tudo tem um sentido: telemóvel à direita, pílula ao meio (para me certificar de que a tomei) e caixa de lentes à esquerda.

    Tenho de repetir determinados "rituais" todos os dias, numa dada altura. Se não cumprir com esses hábitos sinto-me nervosa e não consigo relaxar. É parvo? Sim. É irracional? Sim. Mas a verdade é que estou habituada a que assim seja e quem me conhece bem sabe que há coisas que não mudam.

    Quando estou a estudar a obsessão torna-se assim maior. Utilizo sempre canetas de cores para sublinhar os apontamentos. Coloco, sempre à minha direita, caneta, lápis, safa, corrector, caneta rosa, caneta roxa e borrona cor-de-rosa. As cores vão mudando, mas a ordem é sempre a mesma.

    Este ano tive um professor que fazia a mesma coisa com as suas canetas e ouvia os meus colegas a gozarem com isso. Pois bem, eu sou igual.

    Em fases de maior ansiedade e nervosismo torno-me ainda mais metódica e, por isso, já sei que as épocas de exame são sempre assim.

    Saio sempre da cama pelo lado direito, incomoda-me sair pelo lado esquerdo. Motivos para tal? Desconheço-os.

    Tenho também a mania da organização. Não viajo de Viana para o Porto sem fazer uma lista detalhada, tim-tim por tim-tim, de tudo o que coloco no saco. Desde o perfume às cuecas, tudo é escrito numa folha. Não suporto esquecer o que quer que seja, nem que a "viagem" só dure um dia.

    Tarada? Maníaca? Obcecada?

    Hum... Prefiro dizer que sou organizada. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hum? Pois bem, este meu texto continua a fazer todo o sentido.

      Eliminar
    2. Mas isto foste tu que escreveste!

      Eliminar
    3. Eu sei. E, tal como disse, continua a ser válido.

      Mas colocou-o aqui por que motivo?

      Eliminar
    4. Porque realmente fiquei na dúvida!

      Eliminar
    5. Dúvida? O texto é mesmo meu e real.

      Eliminar
    6. Mas é o que dá a entender.

      Eliminar
    7. ?!? Não entendi. Mas deixe lá.

      Eliminar
    8. Quem não entendeu fui eu.

      Eliminar
    9. Olhe, você ou não bate bem da bola ou quer chatear. Passe bem.

      Eliminar
  8. Monta...nelas...ahahahahah:)
    Genial!

    Boa SEmana!

    jinhosssssss

    ResponderEliminar
  9. Montanelas é muito bom. É de pequenino que se torce o pepino lolol

    ResponderEliminar
  10. he!he!he! É da idade, depois passa-lhe. O meu hoje em dia de vez em quando ainda tenta montar nas caminhas dele e na gata, mas nada como quando veio cá para casa.

    ResponderEliminar
  11. Cadelas mais velhas e tudo uh uhhhh ;D esse cão é um playboy loool. Fantástico :D

    E que venham mais posts do teu principe. Tem uma graça ele xD

    ResponderEliminar
  12. És tu com o teu pirata e eu não tarda muito com o meu Tom (o gatinho que vou ter não tarda nada)

    ResponderEliminar
  13. Foste tu que escreveste o texto das Taras e Manias??? Estou feliz... Obrigada... Não me sinto sozinha no mundo... Ate posso ser meio doida... mas não estou sozinha... Fico sempre super feliz quando descubro que mais alguém tem estas "taras" como eu...

    Ass: Denise Aytekin

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Denise. :) Infelizmente, o texto é meu e muito real. Nada mudou, continuo a ser meia obsessiva-compulsiva. :) É complicado de gerir.

      Eliminar
  14. 0 que tem demais o pobre mamífero brincar de montar, gente? Precisa chegar às vias da castração por causa disso? Antes montar na fêmeas, né véro???

    ResponderEliminar