terça-feira, 27 de agosto de 2013

Miley Cyrus


Isto é o que acontece quando uma jovem tenta passar radicalmente de criança para mulher.

Figuras patetas, Miley. És tão bonita, tens talento (goste-se ou não do estilo, pareces ter talento). Não precisas de agir como uma porquinha.

Ler aqui: Internet não pára de falar de Miley Cyrus

36 comentários:

  1. Concordo plenamente. E houve atuações dignas de serem faladas e perdem tempo a falar disto.

    ResponderEliminar
  2. Não sei se a ideia dela era fazer com que todos vissem que já não é a menina que interpretava a Hannah Montana ou quis apenas chocar. De qualquer forma, foi bastante deprimente e desnecessário. Claro que agora toda a gente fala disso. E se era esse o objetivo, conseguiu. Nunca hei-de perceber essa coisa de quererem ser o centro das atenções, mesmo que por maus motivos,"bem ou mal, falem de mim". Foi só triste. Eu fiquei com vergonha alheia.

    ResponderEliminar
  3. Mesmo... Fiquei de boca aberta... pela negativa...

    ResponderEliminar
  4. Fiquei parva com a actuação dela e o seu visual, mau muito mau

    ResponderEliminar
  5. Muita vergonha alheia! E ela fica com um ar absolutamente tresloucado quando mete assim a língua de fora! Não era preciso ir tão longe...

    ResponderEliminar
  6. Podes querer esta a real tristeza eu não entendo o que vai na cabeça dessa gente

    ResponderEliminar
  7. Podes crer! A minha filha adora ver a Ana Montana (personagem representada pela Miley Cyrus) e de facto acho que desceu muito o nível. Acho que está com um ar de porca :/ simplesmente nojenta.

    ResponderEliminar
  8. eu só não entendo uam coisa, estaria a moça com alguma afta? Estava constantemente de lingua de fora.

    Paulinha

    ResponderEliminar
  9. Parece que no mundo espectáculo o que interessa é que se fale, independentemente das razões... Deprimente!

    ResponderEliminar
  10. Parece que crescer significa obrigatoriamente um registo mais... enfim, "porquinho!, como tu disseste :P

    ResponderEliminar
  11. Muito mau! Espero que, pelo menos, tenha levado um raspanete à séria quando chegou a casa.

    ResponderEliminar
  12. ...mas espere que com o Robin T. a feiosa ñ corre perigo - quem naum sabe que o gay é gay?!
    Fez isso p/ roubar a cena da não menos chocante Lady GaGa!!
    Bem faz Madonna em ñ ir mais nessas premiações farofeiras! af

    ResponderEliminar
  13. Está a passar uma imagem péssima, do mais vulgar que pode haver... sem necessidade!

    ResponderEliminar
  14. Fui ver agora o vídeo e estou completamente sem palavras. Alguém lhe devia explicar que crescer não implica necessariamente o que quer que seja que ela está a fazer neste momento.

    ResponderEliminar
  15. Não sei o que ela pretendia com isso, se chamar a atenção e chocar ou passar a ideia de ser uma rapariga rebelde. A verdade é que foi uma vergonha e ela desceu a um nível bem baixo mas pronto... Cada um sabe de si. :\

    ResponderEliminar
  16. Chamem-me moralista mas concordo contigo. Além do mais, o novo penteado fica-lhe muito mal.

    ResponderEliminar
  17. Esta miúda e o Justin Bieber são daquelas pessoas que me passam mesmo ao lado. Acho que mais tarde ou mais cedo, a carreira vai-se ressentir de exposição tão mal programada.

    ResponderEliminar
  18. És tu e as tuas comentadoras, tanta ignorância junta que até dói.
    Isso é Arte, suas parolas! Arte! Sabem o que é isso?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. LOL arte. Essa desculpa mata-me.

      Eliminar
    2. Arte?!?!? Ahahahahahahahahahaha.
      É ridículo, simplesmente.

      Eliminar
    3. Anónimos, eu tenho comentários de bradar aos céus. ;)

      Eliminar
    4. Se calhar a pornografia é considerada arte. ahahah

      Eliminar
  19. Não poderia estar mais de acordo. A miúda é linda, tem um noivo de babar, um vozeirão do caraças e uma carreira pela frente, valerá a pena andar nestas figuras??

    ResponderEliminar
  20. é a cena de "quanto mais radical, mostradora de corpo desnudo, com danças porcas e cabelos que não-lembram-ao-diabo sou, mais fama tenho". Muito triste!

    ResponderEliminar
  21. Uma vergonha!!! Não sabia que tinha noivo.. im speachless!! Vulgaridade ao mais alto nivel e para o mundo todo! Ela que faça essas coisas em privado.. não percebo essa exposição toda. Se era sensualidade que ela queria mostrar não consegiu.. a roupa é horrivel! Awww odeio ver mulheres/raparigas a fazer figuras!!

    ResponderEliminar
  22. A Miley está na fase de transição, ainda é uma miúda mas quer ser uma mulher. Depois o resultado é este... [mas roçar-se no jeitoso do Thicke foi coisa para eu ter vontade de lhe arranhar a cara!!!]

    ResponderEliminar
  23. Foi uma "actuação" a roçar a ordinariçe.
    http://inesesp.blogspot.pt/2013/08/hanna-montanawhere-are-you.html

    ResponderEliminar
  24. Apesar de concordar que a figura da Miley é digna de pena, espanta-me que ninguém fale do Robin Thicke: homem casado, com um filho, actua nestes preparos com uma miúda de 20 anos, ao som de música nojenta que promove a violação e sexo sem consentimento. Eu diria que o comportamento problemático e preocupante vem muito mais dele do que da Miley Cyrus.

    ResponderEliminar
  25. Concordo plenamente, principalmente quando se foi já fã dela na infância... quando se gosta, gosta. Espero que ela mude, ou que volte a ser quem realmente é.

    ResponderEliminar
  26. A verdade é que mesmo com aquelas atitudes a Miley Cyrus continua a ser admirada, na pena.

    ResponderEliminar
  27. http://anobreartedapreguica.blogspot.pt/2013/08/volta-simone-estas-perdoada.html

    Para leres e aprenderes que o mundo não se esgota na tua visão limitada das coisas.

    E não vale a pena começares já a arfar e a gritar que tens direito à tua opinião, que não tens que seguir a opinião dos outros E QUE VAIS MANTER A TUA CUSTE O QUE CUSTAR (a esta altura já estás aos gritos, imagino) PORQUE TU É QUE SABES TUDO... e por aí adiante.

    É verdade. Tens todo o direito de pensares como queres e a nunca mudares (embora seja uma pena). Só quero com isto dizer que há mais vida para além do teu mundo pequenino e limitado, há visões mais amplas e não há mal nenhum nisso.

    E continua lá feliz com as tuas ideias. E não vale a pena vires aqui só para me dizeres "Caro Anónimo, não se preocupe com..." porque, a bem dizer, eu não estou preocupada contigo.

    ResponderEliminar