segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Sleepboxes

Moscovo abre primeiro micro hostel

As "sleepboxes" são à prova de som e, para além da cama, cada uma tem um armário, uma pequena mesa, prateleira e acesso à internet.


É que nem que me pagassem eu dormia ali. Que atrofio!

JN

48 comentários:

  1. Não me choca, parecem melhor que as boliches dos comboios!

    ResponderEliminar
  2. Claustrofóbica como sou também não dormia ali!

    ResponderEliminar
  3. Interessante :) se me pagassem bem até que dormia ali ;)... na verdade, parece uma excelente experiência eheheh, maluca como sou até de graça experimentava :p

    ResponderEliminar
  4. Até acho uma certa piada, sendo que isso se reflectiria no preço do "quarto". Para aquelas estadias em que não se pretende usufruir do espaço e apenas se quer uma cama para dormir é uma solução boa para poupar uns dinheirinhos no alojamento.

    ResponderEliminar
  5. Pode nao ser muito comodo, mas sempre deve ser melhor do que passar a noite ao relento.

    ResponderEliminar
  6. Eu até gostava de experimentar isso :D

    ResponderEliminar
  7. E porque não?
    Se é para dormir, tb n se veem as vistas de qualquer maneira...
    Eu dormia e muito bem!

    ResponderEliminar
  8. pois eu acho a ideia genial! Tem um ar super confortável, apesar do pouco espaço.

    ResponderEliminar
  9. Por acaso até gostei. É um bom hotel para turistas com pouco dinheiro.

    ResponderEliminar
  10. Por acaso faz-me impressão. Mas se for bem mais barato que um hotel (deve ser, não?), há que aproveitar. Turismo low-cost. Ahahaha

    ResponderEliminar
  11. Para quem tem Claustrofobia nem pensar, mas os japoneses estão acostumados com lugares assim. Talvez seja cultural.

    ResponderEliminar
  12. Eu acho que é uma ideia inteligente :)

    ResponderEliminar
  13. Era mesmo isto que eu precisava nas minhas saídas. É que dormir nas pousadas da juventude nem sempre é muito barato e eu só lá vou mesmo dormir.

    ResponderEliminar
  14. Pois, parece-me um bocado claustrofóbico. Mas olha q, sendo bem paga, dormia ali as vezes q me pedissem! xD

    ResponderEliminar
  15. Até era capaz de experimentar, deve ser aconchegante :p ahahaha

    ResponderEliminar
  16. Oh eu não me importava, desde claro que o preço fosse apelativo. É bom quando só queres um sítio para dormir e de resto o tempo é para vasculhar a cidade. Se o preço for bom porque não? :)

    ResponderEliminar
  17. Acho atrofiante. :P Mas eu detestei viajar no avião da Portugália, por exemplo, por achar que era apertado.

    ResponderEliminar
  18. Eu trazia a almofada para fora e enroscava-me à porta :)

    ResponderEliminar
  19. Olha que esta ideia num aeroporto perto de si era um luxo!

    Gostei da ideia!

    ResponderEliminar
  20. eich, parece-me demasiado claustrofóbico

    ResponderEliminar
  21. Que horror! Super claustrofóbico! Imagina dormir aí com uma pessoa que não conheces...quase que Lhe deves sentir o bafo! Biek!

    Coisasquetaiseafins.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  22. Têm bom aspecto. Quem já fez campismo numa roullotte não terá problemas!

    ResponderEliminar
  23. eu não me importava de experimentar, eheh.
    Beijinhos, Catarina
    http://petitsmorceauxdemoi.blogspot.co.at/

    ResponderEliminar
  24. É bem capaz de não ser tão mau quanto parece. Para viagens rápidas, noites de escala ou outro exemplo, desde que individuais não diria que não. Mas eu vejo a coisa pelo lado mais económico também :)

    ResponderEliminar
  25. Não me ia dar bem a dormir num sitio desses. Sou um pouco claustrofóbica.

    ResponderEliminar
  26. ;) não se se me cativa, mas parece ser boa ideia. na falta de alternativa.. é melhor que nada

    ResponderEliminar
  27. Queria experimentar!

    ResponderEliminar
  28. Para uma sexta antes de não sei o quê..olha que é muito bom! É fechar os olhos e deixar que o sono nos leve!

    ResponderEliminar
  29. E a claustrofobia?!
    Esquece lá isso.

    ResponderEliminar
  30. Só vendo de perto, tinha que analisar muito bem...mas a falta de outras soluções, não está mau pensado!!

    ResponderEliminar
  31. eu acho que a malta jovem adora estas coisas!

    ResponderEliminar
  32. Eu não me dou bem em espaços fechados... Acho que não conseguia dormir ali :s

    ResponderEliminar
  33. Com a minha claustrofobia, era menina para fugir a sete pés!

    ResponderEliminar
  34. Ui, eu dormia! Façam um cá em Portugal e vais ver.

    ResponderEliminar
  35. Eu dormia, se fosse prai um a dois dias, ou mais se for preciso, deve ter um preço acessível, e acho que tem uma boa imagem, acolhedora (:

    ResponderEliminar
  36. Credo... ainda me dava uma coisa má de noite.

    ResponderEliminar
  37. Se são à prova de som se calhar até dormia ou então ia sentir-me enfiada dentro de uma dispensa e atrofiava!

    ResponderEliminar
  38. Na China - ou Japão? olha, já não sei - há umas ainda mais pequenas. Umas quase prateleiras. É uma questão de hábito. E cultural também.

    ResponderEliminar
  39. Já somos duas!!E aquelas casas de banho públicas??

    ResponderEliminar
  40. Até gostei dessa coisa! Eu experimentava. Nos aeroportos faria sucesso.

    ResponderEliminar