terça-feira, 20 de novembro de 2012

"As raparigas de Riade"


"A mulher que concede a vida aos outros é uma mulher que não encontrou um homem a quem conceder a sua vida".

Tawfiq Al-Hakim

Uma das frases que marca o livro. Este livro é considerado "O Sexo e a Cidade" árabe e tem sido uma descoberta deliciosa. Não pensem que é um livro só sobre pudores. É um livro cru que junta os pudores muçulmanos com a jovialidade e a vontade de viver de quatro mulheres.

15 comentários:

  1. Por acaso é daqueles livros que gostava de ler. Abriste-me o apetite. ;)

    ResponderEliminar
  2. Já tinha ouvido falar do livro e fiquei com imensa vontade de o ler :)

    ResponderEliminar
  3. Hummmm, não conhecia, mas fiquei curiosa. Ando a ler um que é assim assim, mas sempre dá para entreter enquanto ando nos transportes.

    ResponderEliminar
  4. não há raça ou credo que mude a vontade de todos sermos tão diferentes e ao mesmo tempo tão iguais:) beijinhos!!!

    ResponderEliminar
  5. Ainda não o conheço; hei-de ir procurá-lo.

    ResponderEliminar
  6. Não conhecia este livro, mas depois da descrição que fizeste, parece-me que vale a pena.
    :-))

    ResponderEliminar
  7. Só mesmo os muçulmanos para acharem que as mulheres nasceram para conceder a vida a um homem. O amor nada tem a ver com conceder, podemos amar um homem e os outros seres humanos. Amor pelo outro é apenas amor...Mas vou ler o livro ;)

    ResponderEliminar
  8. Uma frase bem interessante. Fiquei curiosa.
    Beijinhos grandes.

    ResponderEliminar
  9. Ainda não tinha ouvido falar deste livro, mas parece ser interessante.

    ResponderEliminar
  10. Mais uma vez as tuas sugestões literárias deixam-me sempre curiosa. Não conhecia.

    ResponderEliminar