quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Projectar nos filhos os nossos sonhos

Ainda em relação ao Toddlers & Tiaras, não posso deixar de me sentir incomodada por reparar que a grande maioria das mães participam naquele tipo de concursos por si e não pelas filhas. Parece que projectam nas filhas os seus sonhos de serem consideradas bonitas e realizadas. Coincidência ou não, mas a verdade é que a maioria daquelas mães parece dever pouco à beleza. Não sei, parece-me sempre que usam as filhas para conquistar sonhos de quando também elas, as mães, eram crianças. É meio incómodo... Acontece o mesmo com aqueles homens que se roem todos para quase obrigarem os filhos a serem grandes jogadores de futebol. Os filhos deveriam poder escolher os seus sonhos sozinhos, em vez de se limitarem a viver os sonhos dos pais.

25 comentários:

  1. Isso é medonho! Ainda hoje falava com o meu Bu sobre isso e veio a historia da filha na baby publicidade, mas isso fica para uns posts adiante.
    A minha filha vai escolher o caminho que ela quiser.
    Na Jamaica encontrei uma senhora que dizia que a missão dela como mae era fazer os filhos sonhar, para atingirem os seus objectos.

    Bjs

    ResponderEliminar
  2. Partilho exactamente da mesma opinião. As mães coitadas parecem umas frustradas, e na maioria das vezes obrigam as miúdas a fazer aquilo, como se fosse mais importante o que elas querem/pensam... Mas vindo da mentalidade americana não era de se esperar muito mais.

    ResponderEliminar
  3. Olá S*, quanto aos Toddlers & Tiaras
    nem me vou pronunciar porque é muuuiiito mau (ok, já me pronunciei.
    Quando tive o meu pequenote a 1ª coisa que lhe disse ainda no hospital quando estávamos só os 2 à noitinha sem ninguém no quarto foi "agora já não me pertences, agora pertences ao mundo". Mas posso-te dizer que a única coisa que sempre projectei no meu filho foi o querer que ele cresça sem medo de falar, sem medo de ir à descoberta ... (porque nunca tive eu a coragem de fazer).

    ResponderEliminar
  4. É exactamente isso que eu penso, tal e qual :)

    ResponderEliminar
  5. :( O que dizes soa sem dúvida a grande verdade, mas muito triste mesmo.

    ResponderEliminar
  6. Isso infelizmente vê-se por aí aos pontapés... Pais que querem que os filhos estudem até serem "doutores" porque não tiveram oportunidade para o fazer, quer os filhos queiram quer nao... pais que querem que os filhos tenham a profissão X porque também eles a queriam ter... e essa do futebol então é que é! Agora não tanto, mas já lidei com crianças pequenas de 10/11 anos, e via muitos pais de rapazes mais interessados em que os filhos se dessem melhor no futebol do que na escola... É quem mais tem esperança de ter um futuro Cristiano Ronaldo em casa....

    ResponderEliminar
  7. Eu pessoalmente considero aquele show ridiculo. Sobretudo depois de assistir uma mãe a dar pacotes de açucar á filha pra lhe acalmar uma birra, ou de ver crianças cheias de sono, exaustas, serem forçadas a abrir a pestana e irem desfilar.
    E concordo contigo - elas é que deviam querer desfilar! Enfim são os excessos Americanos.

    ResponderEliminar
  8. mais do que projectarem os sonhos, projectam as frustrações. :(

    ResponderEliminar
  9. sobre esse show nem digo nada. a proposito da projecção nos filhos muito haveria para dizer pois por mim passaram muito salunos ocm sonhos por concretizar esses que pertenciam aos pais.
    Ex: medicina ballet ginástica e lá vao eles concretizer um sonho com o qual nao sonharam. Alguns têm a coragem de dizer: não, esse sonho é teu e não meu
    kis >:=(

    ResponderEliminar
  10. Esse programa é absolutamente abjecto!
    As progenitoras (mãe é termo a usar com parcimónia no caso dessas criaturas) são umas frustradas e acéfalas e o pior é que estão a criar pessoas que não vão ser melhores do que elas, talvez piores ainda, porque vão ter os seus valores (ou a falta deles) e ainda vão ser por cima arrogantes, pretensiosas e petulantes em último grau...

    Muito mau...

    ResponderEliminar
  11. É melhor as crianças desabituarem-se disso, dos sonhos, que qualquer dia também são taxados e, assim como assim, essa coisa de sonhar não põe a sopa na mesa.

    ResponderEliminar
  12. É efctivamete ridiculo, mas o projectarmos os nossos sonhos nos filhos, falo por mim, por vezes é inevitável aos primeiros pensamentos, eu propria tinha o sonho de ir para a universidade,não consegui ir, o meu maior sonho era que o meu filho fosse, este ano isso não foi possivel, e dei por mim a raciocinar que efectivamente ele poderá não ir, e senti-me bem com esse pensamento porque o vejo feliz com outras opções de estudo.
    E efectivamente o que eu quero para ele é que seja feiz, com a profissão, com a sua natureza genética.
    Amo-o acima de tudo, e simplesmente ajudo-o a escolher o melhor caminho deixando-o pensar.

    ResponderEliminar
  13. Infelizmente não é isso que acontece na realidade...

    ResponderEliminar
  14. Nunca vi esse programa, mas em relação aos filhos, é uma tendência que temos de combater em nós. Devemos dar-lhes as ferramentas e deixá-los usá-las de modo a que se sintam realizados.
    Demos-lhe asas e eles que voem.

    ResponderEliminar
  15. Não podia estar mais de acordo... muitas delas fazem dos filhos aquilo que, segundo dizem, gostariam de ter feito, gostariam de ter 'parecido' digo eu (que aquilo não é ser nada, é parecer... é parecer uma adulta, é parecer uma boneca, é parecer sei lá eu o quê). Acho sempre que aqueles pais têm ali qualquer coisa em falha na vida deles, na formação deles, na auto-estima, nas pessoas que são...

    ResponderEliminar
  16. O programa mais deprimente de sempre! E sim, pais a projectar os sonhos nos filhos é do mais triste que há. Detesto! E é quase um ciclo vicioso porque essas crianças, que foram privadas de viver os seus sonhos, vão tentar vivê-los nos filhos e assim consecutivamente :s

    ResponderEliminar
  17. Tens toda, toda a razão. Observação muito bem feita mesmo.

    ResponderEliminar
  18. eu nunca gostei desse programa exactamente por isso. e querem sempre tudo tão perfeitinho, faz-me impressão, ver as crianças tão pequenas e já a viverem as 'exigências' da sociedade..

    ResponderEliminar
  19. Aquilo para mim é degradante....
    Que me perdoem os paizinhos....
    Jamais faria aquilo ao meu minizinho.....
    Quero que ele seja ....feliz...e para isso será ele a escolher o seu percurso, tal como eu fiz .

    ResponderEliminar
  20. Eu concordo ctg. Lá em casa o namorado diz que as mães querem pôr as filhas assim todas bonitas porque as mães são horrorosas (e por acaso também acho).

    ResponderEliminar
  21. É horrivel! chega a ser doentio!
    Bj S

    ResponderEliminar
  22. Totalmente. E depois essas mães dividem-se em 2 tipos: as que também parecem barbies como as filhinhas e as que sofrem de obesidade mórbida e, talvez, por isso queiram transformar as filhas naquilo.

    ResponderEliminar
  23. Deve ser direito inalianevel dos filhos poderem sonhar; deve ser obrigação de qualquer pai ou mãe ajudar os filhos a sonhar.

    ResponderEliminar
  24. este programa nem devia ser permitido! A defesa das crianças devia intervir ...

    ResponderEliminar
  25. Isso é tão comum que até assusta!
    Bjs

    ResponderEliminar