sábado, 15 de setembro de 2012

Más opções

Eu entendo que ânimos exaltados possam gerar alguma violência, mas não entendo a lógica de estar a ver indignados a atirarem coisas à polícia e aos cães-polícia. Aquilo é trabalho, não significa que a polícia não concorde com o protesto. Se querem bater em alguém, que seja em quem nos pôs nesta situação.

44 comentários:

  1. Sim, a polícia por muito que concorde com o ideal dos manifestantes só está a cumprir o seu trabalho. E no meio disso tudo surgem outras pessoas que também só estavam a fazer o seu trabalho, que foi o caso do jornalista do correio da manhã que foi atingido na cabeça.

    ResponderEliminar
  2. Tinha pensado o mesmo, o que é que estão a fazer em frente á Assembleia??? A estragar a imagem de Civismo que demos por todo o País !! Arre!!

    ResponderEliminar
  3. A manifestação correu bem, de forma pacífica como foi pedido.
    Mas estes extremistas e sedentos de sangue têm que aparecer e mostrarem-se.E aproveitam-se destas manifestações para se fazerem ver.
    Sou e serei sempre contra a violência, seja quem for que a faça.Violência só gera violência.
    Quanto à polícia, estão lá para cumprirem ordens e têm que o fazer.E acredito que muitos deles estejam lá contra a sua vontade.

    ResponderEliminar
  4. É trabalho de infiltrados.
    Gostava que os manifestantes agarrassem e identificassem os tipos, só para saber quem lhes pagou para desestabilizar.

    ResponderEliminar
  5. Estou contigo a 100% tens toda a razão as pessoas acabem por nao saberem separar as coisas...

    Http://styleloveandsushi.blogspot.com

    ResponderEliminar
  6. Pois, mas os gajos deviam de estar em casa sentados no belo do sofá a gozar "o prato" e a pensar: Ainda não é tudo, vem aí mais.

    ResponderEliminar
  7. Concordo, mas no meio de tanta gente, há sempre quem se revolte demasiado, infelizmente.

    ResponderEliminar
  8. Aquilo já é o cansaço e a fome a falarem. A razão e lucidez vão descendo conforme os 1os vão subindo, e o cansaço nunca foi bom conselheiro.

    ResponderEliminar
  9. sim concordo contigo. apesar de me orgulhar de quem lá está a cantar e a gritar por um futuro melhor, não gosto nada de quem atira pedras as politicas. infelizmente são sempre os mesmos que sofrem!
    beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Definitivamente, há pessoas que vão às manif só para arranjar confusão...

    ResponderEliminar
  11. É mesmo!Só estão a fazer o seu trabalho.As pessoas têm que trabalhar para se sustentarem...

    ResponderEliminar
  12. Precisamente, a policia tal como já referiu está do nosso lado. Ao manter a ordem apenas está a cumprir ordens... Enfim.

    ResponderEliminar
  13. Não podia concordar mais. é perder a razao.

    ResponderEliminar
  14. Vc disse tudo. Um bom final de semana pra vc!

    ResponderEliminar
  15. Concordo.
    Mas quando os ânimos se exaltam, não se vê nada à frente...

    ResponderEliminar
  16. É uma cobardia e obra de agitadores profissionais, parece-me. Enfim.

    ResponderEliminar
  17. Concordo contigo. E digo mais: são este tipo de extremistas que levam a ditaduras e a regimes totalitários.
    Seja como for, no geral, fiquei orgulhosa do nosso povo. Porque, apesar de tudo foi uma manifestação pacífica e organizada.

    ResponderEliminar
  18. Pois.. mas quem nos pôs lá está em Paris de férias.. e ainda se deve estar a rir por cima. Disso poucos se lembram.

    ResponderEliminar
  19. Até porque a violência nunca irá resolver nada, muito pelo contrário!

    Beijinhos :)

    ResponderEliminar
  20. Se´m dúvida uma estupidez... trabalho bem ingrato o dos polícias.
    Só sou a favor da violência.... direta para com os políticos!

    ResponderEliminar
  21. Concordo, é absurdo. Mas há sempre alguém, no meio disto tudo, que gosta de armar confusão só porque sim.

    ResponderEliminar
  22. Tentei ignorar a parte da manif mais à noite. Fiquei demasiado orgulhosa do povo português com o que se passou à tarde. Quero ficar com isso na memória.

    ResponderEliminar
  23. Eu concordo na parte dos cães. Na parte da policia concordo em certa parte, pois sei que estão apenas a fazer o seu trabalho. Mas também é revoltante as pessoas estarem a tentar manifestar-se e eles agirem como se estivessem do lado do Governo. Eu sei que eles já disseram que estão do lado dos manifestantes, mas então acho que deviam agir como tal. Se isso ia contra as ordens dadas? Possivelmente, mas as pessoas que se estão a manifestar estão a lutar também pela policia que por seu lado esta a impedir as pessoas de reivindicarem direitos que têm. São opiniões, não acho bem, mas por um lado entendo, a situação está tão má que qualquer pessoa que aja contra "nós" é porque está do lado "deles" (Governo).

    ResponderEliminar
  24. S,

    És uma grande melga do meu blog, provavelmente a única, obrigado.

    Eu acho que a violência contra a polícia é um acto de desespero e também é chocante ver jovens a sangrar de uma bastonada na cabeça.

    ResponderEliminar
  25. Nem mais S* e nem mais Runaway*!
    Ainda temos de aprender essa parte!
    Respeitar quem está a trabalhar e já disse estar do nosso lado, identificar e isolar agitadores a mando de quem quer que uma manifestação pela dignidade se pareça com um bando de arruaceiros!

    ResponderEliminar
  26. Exacto estão a exercer o seu trabalho...Estes manifestantes mais exaltados acabam por instalar a desordem e afins, não sendo esse o propósito principal desta manifestação!*

    ResponderEliminar
  27. totalmente de acordo!
    a polícia estava ali também para garantir a segurança dos manifestantes!

    xoxo

    ResponderEliminar
  28. Não concordo que se agrida quem está a trabalhar, muito menos que se queira destruir património que é de todos, mas sem muito esforço consigo compreender que haverá muita gente desesperada que tenta apelar para tudo, mesmo que saiba estar errado.

    Não imagino o que seja ter perdido o emprego, não ter perspectivas e ter em casa filhos para alimentar e cuidar. Acho que em casos como estes a razão e a razoabilidade deixa de ter qualquer importância e eu compreendo, embora não concorde.

    ResponderEliminar
  29. Sim a policia não tem culpa. Eles próprios estão a ponderar manifestarem-se. Isto não agrada a ninguém.

    ResponderEliminar
  30. Quem nos pôs nesta situação anda por aí bem à vontade. E depois falam que são contra as medidas. Chicos espertos, mas é!

    ResponderEliminar
  31. Completamente, as pessoas estão tão chateadas que meio que perdem a noção :)

    ResponderEliminar
  32. As pessoas que estavam a atirar pedras à polícia não eram pessoas desesperadas por não terem dinheiro para alimentar os filhos, simplesmente porque nem idade tinham para tal. Pelo que pude ver, eu e os outros, na televisão, que os focava, eram jovens, muito jovens, que estavam ali, não para lutarem pelo seu futuro, que está a ser roubado, mas decididamente para provocar confusão e violência.Tapavam a cara porquê? Quem não deve não teme. Se estão de boa fé a defender os seus direitos, dão a cara, não se escondem impunemente atrás duma "máscara". Eu sou do tempo (sim já sou uma velha senhora!)em que protestar era, muitas vezes arriscar a vida e, sempre o fizemos de cara descoberta, porque lutavamos com a força da razão. Estas foram atitudes provocatórias e, sim, contra quem estava a trabalhar e que também tem sido sistematicamente roubado nos seus ordenados e não só. Só por isso nunca poderiam estar do lado do governo. É muito fácil dizer que se juntassem aos manifestantes. Di-lo quem não sabe do que fala. Ser agente da autoridade não é como ser, por ex, empregado de escritório ou outro... Há códigos de conduta que têm de ser obedecidos. Quem não o faz é, minha gente, DESPEDIDO. Nada justifica a violência gratuita contra quem não tem culpa de nada. E o desespero, mesmo que o fosse, não justifica tudo. Querem ser violentos? Sejam-no contra os culpados. Foram fazer o quê para o Parlamento? Por acaso estava lá alguèm? Era sábado, estava fechada! Queriam destruir o edifício, era? É património e é de todos nós. Se fosse destruído era parte da nossa ´História que se destruia. E dinheiro, pois que, seria necessário reconstruir!Quando as pessoas perdem o descernimento, perdem a razão!

    ResponderEliminar
  33. Concordo plenamente. Parece-me que as pessoas pensam que a polícia, só por estar a fazer o seu trabalho, quer dizer que apoias os políticos... Enfim...

    ResponderEliminar
  34. Fernanda, subscrevo totalmente. E lamento mesmo que meia dúzia de arruaceiros tenham conseguido ensombrar, por pouco que seja, uma manifestação grandiosa.

    ResponderEliminar
  35. Concordo por inteiro com a Fernanda.

    ResponderEliminar
  36. Concordas, portanto, com a violência.

    ResponderEliminar
  37. Anónimo, isso nem merece resposta.

    ResponderEliminar
  38. "Se querem bater em alguém, que seja em quem nos pôs nesta situação."

    Então o que queres dizer com esta frase? Se conseguissem chegar ao Passos Coelho, por exemplo, e lhe batessem, já achavas bem?

    Violência NUNCA é o caminho.

    ResponderEliminar
  39. Anónimo, não, não defendo violência nunca. Não perca tempo com preciosismos bacocos. Obviamente que a frase só significava que os polícias não eram culpados desta situação.

    Mas oh sim, os políticos deviam ir presos e pagar pelo que nos fazem.

    ResponderEliminar
  40. Concordo, assim perdem a razão toda. Lá se foi a manifestação pacífica =/

    Beijo ^^

    ResponderEliminar