sexta-feira, 1 de junho de 2012

O mais-que-tudo de vez em quando chateia-me

Vamos lá ver:

Cama por fazer, pelo segundo dia consecutivo;

Louça do pequeno-almoço por lavar;

Rolo de papel do WC vazio, para eu mudar.

E hoje nem tem a desculpa das horas. Ele levantou-se às 10... eu às 6:30.

25 comentários:

  1. Lá está um dos lados masculino a trabalhar. A culpa é do DNA e não deles... Brincadeira S*!

    ResponderEliminar
  2. na verdade eu não acho isso nada justo S*, nem bonito. por mais que gostes de fazer as coisas em casa, não custa nada ele ajudar. as tarefas têm que ser divididas. não pagam a renda a meias? então as coisas em casa também tem de ser feito a meias... se é para viver pela perspectiva de antigamente, então tu tomas conta da casa e ele encarrega-se sozinho da parte financeira... ai eu sei que não é nada da minha conta mas discordo totalmente destas coisas!

    ResponderEliminar
  3. Peço desculpa mary... mas quem é que disse que é bonito? quem é que disse que assim é que devia ser? Tenho ao meu lado uma pessoa que nunca fez um corno em casa, porque tinha a mamã a fazer tudo por ele. Por acaso - mas só por acaso - ele costuma "ajudar", fazer as tarefas dele. Mas de vez em quando "esquece-se" e deixa as coisas para eu fazer. Este meu post era uma queixa. Já lhe mandei mensagem a queixar-me. Quando chegar a casa, vai ouvir. Água mole em pedra dura tanto dá até que fura. :)

    ResponderEliminar
  4. Acho muito bem, dá-lhe na cabeça :P às vezes aqui é também é assim, noutras tarefas :P

    ResponderEliminar
  5. Tens de lhe mudar essas coisas. :P

    E obrigada pela Boa sorte querida. :)

    ResponderEliminar
  6. S*, o rapaz se calhar está cansado. Eu sei, porque eu também estaria

    (não sei se já resolvi aquilo do blog. Quando lá voltares, diz-me se sim ou não, ok?:). )

    ResponderEliminar
  7. Vic, eu bem sei que ele tem um trabalho cansativo... mas eu não passo o dia a olhar para o tecto, acordei às 6:30... não é justo chegar a casa e ainda ter de arrumar o que ele desarrumou.

    ResponderEliminar
  8. Boys will be boys. Acho que nem à pancada eles lá vão.

    ResponderEliminar
  9. hahahahahahaha onde é que eu já vi isso??? hahahahahahaha

    ResponderEliminar
  10. Põe-lhe a dormir na varanda que logo logo não se esquece de novo! ;)

    ResponderEliminar
  11. solução: amua que ele limpa tudo em três tempos. cá em casa resulta. LOL.

    ResponderEliminar
  12. Ele sabe que tu apareces e tudo se transforma como num click.
    Ele acha que és a Super Mulher.
    Cá em casa acham o mesmo.
    Que raaaaaaaiva!!

    ResponderEliminar
  13. Temos que viver com estas "limitações" dos homens. e o pior é que para eles está sempre tudo tãooo limpinho!

    ResponderEliminar
  14. *o homem cá de casa nunca fez nada em casa enquanto viveu com os pais porque a mãe fazia tudo por ele. quando fomos morar juntos não teve outro remédio se não começar a partilhar as tarefas domésticas, caso contrário tinhamos discussão na certa.

    *eles têm que ser bem educados. se não foram pelas ricas mães, são por nós, que (quanto a mim) não sou mãe de ninguém nem tenho escrito "empregada doméstica/escrava/sopeira" na testa..

    ResponderEliminar
  15. A guerra do rolo de papel é uma batalha constante cá em casa, já consegui que ele começasse a ir buscar um novo, mas que ele deitasse fora o antigo e o substituisse pelo novo é que está mais dificil :S

    ResponderEliminar
  16. Hummm....aonde já vi isto.....tu afinfa-lhe...n facilites!!!
    Osomessãotramados!!! Grrrrr

    ResponderEliminar
  17. Eu depressa lhe tirava os maus hábitos. Quando o meu marido vira preguiçoso eu também viro. Até ele perceber o caos e o arrumar.

    ResponderEliminar
  18. ai ai, alguém vai levar um puxão de orelhas (e muito bem dado, diga-se de passagem)

    ResponderEliminar
  19. Pois... Pra mim tem mesmo de haver interajuda... da-lhe na cabeça.

    ResponderEliminar
  20. não o deixes esticar-se. eles começam aprender desde o início. lol
    bjs*

    ResponderEliminar
  21. Os homens são assim mesmo... Eu já nem digo grande coisa, é só para me chatear a mim. O meu namorado tinha empregada em casa, não fazia nenhum por isso também é complicado para ele... ainda por isso é medico tem uma profissão super desgastante e eu sou o mais compreensiva possivel. Mas às vezes custa chegar a casa e ela estar pior que quando eu sai... mas pronto. Se fosse perfeito não tinha piada ;)

    ResponderEliminar
  22. Minha querida,
    como te entendo!
    Adiciono uma: vai despejar o lixo depois de eu pedir dez vezes, e não põe um saco novo no caixote.

    ResponderEliminar