terça-feira, 13 de março de 2012

Hereafter - Outra vida



Filme de 2010, realizado por Clint Eastwood e com Matt Damon no principal papel. Duas boas razões para o ter gravado.

Ora bem... Gostei do filme. Não me deixou em êxtase, mas é um filme que mexe num assunto delicado - a morte - e que nos faz pensar sobre o que acontece quando morremos.

George (Matt Damon) é um homem que sente uma ligação especial com os que já partiram. Consegue ouvi-los, falar com eles, entende as suas mensagens. Marie (Cécile de France) é uma jornalista francesa que passou por uma experiência de quase-morte, ao ser apanhada por um tsunami. Marcus é um rapazinho que vive em Londres e que tem uma vida difícil, com uma mãe que se droga... o irmão gémeo acaba por morrer num acidente e Marcus perde a força de viver. O caminho dos três acaba por se cruzar, já no final do filme. É uma história forte, com um tema complexo, e que nos faz pensar na dor, na mágoa, na revolta que é perder quem se ama. Deixa-nos ainda a pensar naquilo que nos acontece quando partimos.

Não é espectacular, mas é um filme bonito e introspectivo.

6 comentários:

  1. Eu gostei do filme.
    Principalmente ao ver os contornos que a vida dá e como o destino junta as pessoas.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. estou a tentar vê-lo .
    o que vi tou a gostar, e interessante o tema
    bj

    ResponderEliminar
  3. Já tinha ouvido falar, ainda não vi. tenho que tratar disso, porque se tu sugeres é bom de certeza. Bjs

    ResponderEliminar
  4. Não é dos melhores trabalhos do Clint Eastwood. Será até dos menos conseguidos, inclusive pelo final, muito cliché. Mas estamos, obviamente, a falar de um dos melhores realizadores da actualidade, melhor até do que aquilo que foi enquanto actor. Portanto, tomara a muitos terem conseguido realizar um filme destes.

    ResponderEliminar
  5. Phyxsius, estava à espera de mais, exactamente por causa do Clint. Mas é um bom filme, não deixa de ser interessante. :)

    ResponderEliminar
  6. Não sendo extraordinário, não deixa de ser um bom filme.

    ResponderEliminar