segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Dos blogues que nos unem

Há já algum tempo que estava para escrever este texto...

Há quem diga que a blogosfera não deve ser levada muito a sério - e não deve. A blogosfera deveria ser só (mais) um espaço onde nos podemos divertir, trocar opiniões, debater e partilhar. No entanto, levo a blogosfera a sério no que toca aos laços que cria.

Afina, a blogosfera não sou só eu. É o encanto da Me, uma mulher forte com quem tive o prazer de almoçar. São as asneirolas inteligentes do Patife, são os textos sempre repletos de humor da Pólo Norte do Quadripolaridades. É a meiguice da ana do Coisas esdrúxulas. É a izzie, que já não escreve, mas que tem muito em comum comigo. É a Julie, uma mulher 5 estrelas que também já conheci. E oh, ela faz-me rir! São os 1001 segredos do Shiuuuu. É a Ana do Guess So, Guess Not..., provavelmente das mulheres mais independentes que já conheci. É a NI, sempre Entre Amigos, jovial e divertida. É a Caixa Poeirenta da minha irmã, pois está claro. É a Sofia e os seus "We Three", tão nova mas tão madura. É a maldita da Miss Murder, que diz que é Ruiva mas que eu acho que é morena.

É também o Arrumadinho e a sua amada Pipoca, tão adorados por uns e tão odiados por outros, sempre na onda "os cães ladram e a caravana passa". É a Cláudia, misturada nos seus Encantos & Recantos, uma das pessoas que mais gosto de acompanhar, apesar das picardias que já tivemos (:P). É a Cat, a nossa médica da blogosfera. O E, do "Eu e o meu ego", um cavalheiro. A Laetitia, uma rapariga que põe felicidade em tudo o que escreve.

A Eva Luna, uns dias apaixonada e outros dias mordaz. A loira jeitosa do "Também quero um blog" também cá está, bem como "A Turista Acidental*", que convive com todos e promove interacção blogosférica como ninguém.

A querida Suspiro, do "Sinto-te a falta", uma mulher meiga que ficou no meu coração. O Dexter e a sua Rosa Cueca, que se conheceram nos blogues e já têm um descendente. A Kitty Fane, mais apaixonada do que nunca, no seu "O amor é um lugar estranho". O Puzz, que pouco escreve, mas que sei que é um bom amigo. "O Bom sacana", um blogue de homem repleto de cultura e de filmes. A talentosa da Mariquitas e as suas agendas maravilhosas.

Temos também a Cat do "Folhas de chá", com textos apaixonantes. A minha querida Petra, o "Enigma da groselha", que passou de virtual a melhor amiga. A Maria do "Elementar", um blogue sem papas na língua. A "Panda" do "Panda, querida?", que casou há pouco tempo. A fashionista Amberhella e o cómico do Rafeiro Perfumado.

A Maçã de Eva que me faz rir com as histórias do Poisoned Apple Man. A Carolina que escreve o "Café com Canela" do Brasil. A Scarlet Perry e a sua loucura por séries e por filmes. A Cartas à Filo-sofia, que sempre me prendeu com as histórias da vida em Paris. A SF, que diz que é Quente no Inverno e Fresca no Verão e o seu amor à distância. O Miguel que ensaia permanentemente sobre a vida... e que foi o meu guia num passeio por Cascais. A Saltos Altos Vermelhos radiante com a sua Sabrininhas e o Alfaiate Lisboeta sempre cheio de estilo e bom gosto.

A Mimi, rapariga mais bonita, autora do Pó de Diamante. O Pestinha, coitado, vive rodeado de incompetentes e não tem pudores em escrevê-lo. A Mulher Certa, uma das minhas bloggers favoritas, está ali entre o amor pelo Zé e a crítica aos outros blogues. O Confuskos, que sonha com as cartas que nunca escreveu, um homem como deve ser. O Gonçalo e o seu Sabor da Palavra, muito inteligente, educado e cheio de boa disposição.

A Malena, minhota sensual. Dos Meus Saltos Altos, outra Pipoca, uma loira que tem tanto de jeitosa como de simpática. A querida Bê, no seu Cantinho, entre o amor dos gatos e o amor do marido. A Carolina Bernardo, a menina que me fez as cestas. A Teresa do Gota de Ran Tan Plan e os seus textos honestos e crus. A Geri do "A vida acontece", que ainda não esqueceu um amor do passado (e a quem eu desejo todo o amor do mundo)."A vida de uma gaija", teria muito a escrever sobre ela, mas pouco seria quando comparado com a amiga fantástica que é.

aMARYcan life, uma portuguesa que casou com um americano e que vive entre Lisboa e os EUA. A Framboesa, que diz que é uma Diva de Galochas, pouco dada a textos íntimos mas muito dada a textos interessantes. A Joanissima, do Digo Eu com os Nervos, que me faz rir texto-sim, texto-sim. A Asinhas de frango, outra blogger que admiro, por saber ser crítica sem perder a educação.

Ficava aqui a noite toda...

Portanto, minha gente, a blogosfera não deve ser levada demasiado a sério... Mas os laços que nos unem, esses podem ser bastante sérios. E bonitos, acima de tudo bonitos.

61 comentários:

  1. oh... que linda, tu!! : ))
    sim, a blogosfera pode ter muita maçã podre mas, tem tanta mas tanta coisa boa, que essas outras menos simpaticas se esquecem com toda a facilidade.

    Não se deve levar muito a sério esta cosia dos blogs... mas ha pessoas por tras dos blogs que ainda bem que os/as levamos a sério de tão esepciais que são e que se tornaram!! : ))

    um beijo cheio de ternura para ti!

    ResponderEliminar
  2. Também levo a blogosfera muito a serio. E também já me apaixonei por muito blogues. O teu é um deles. ;D

    ResponderEliminar
  3. Estás na graixa..!! Queres qualquer coisa? Anda lá desembucha, o que é que tu queres? :P :P :P

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  4. Ooops acho que o meu primeiro comentário se perdeu na blogosfera... bem de qualquer das formas, foi só para dizer que algumas das pessoas que mencionas-te são-me muito queridas! A Petra, a izzie, o gonçalo, a Ana e tantos outros! Assim como também nutro um carinho especial aqui pelo teu cantinho e por ti! beijocas

    ResponderEliminar
  5. Em 2007, incentivada por uma pessoa extraordinária, criei o meu blogue e até hoje não me arrependo com a decisão. Tem-me permitido conhecer pessoas excepcionais, algumas com ideias completamente diferentes das minhas. Permitiu-me interagir com pessoas de todas as faixas etárias e com elas tenho aprendido imenso. É claro que há pessoas por quem nutro um especial carinho e simpatia como é o teu caso S*. Porque és uma jovem com maturidade, habituada a lutar por aquilo que quer.

    E concordo com a tua conclusão porque a blogosfera me permitiu, acima de tudo, conhecer duas pessoas que hoje são, apenas e tão só, dois amigos e confidentes.

    Beijo

    ResponderEliminar
  6. Sabes que tens toda a razão...São laços incompreendidos para muito, mas nós sabemos como são fortes.

    Parabéns pelo texto, estar aqui no meio desta família é um privilégio.

    Beijinhos

    PS- Tenho tantas saudades da Izzie, sabes como posso falar com ela?

    ResponderEliminar
  7. Adorei este post! Realmente as pessoas atrás dos diversos ecrãs são fantásticas e gostamos dos blogues delas devido às suas personalidades (:

    ResponderEliminar
  8. Pela parte que me toca, agradeço a consideração e retribuo. As picardias, a meu ver, não são mais do que mostrar que diferentes estilos de pensamento conseguem perfeitamente conviver em plena harmonia. É sinónimo de maturidade e compreensão sobre aquilo que nos rodeia.
    E são estes textos e estes sentimentos que, apesar dos dias maus e dos cromos que de quando em vez nos aparecem, fazem este mundo valer a pena.

    ResponderEliminar
  9. Sem dúvida, S*. Os laços que aqui se criam são o que de melhor retiramos disto tudo. Continuo a dizer que a blogosfera, apesar de tudo, tem gente muito boa e eu tenho tido o prazer de conhecer algumas. E tu foste uma delas:)

    ResponderEliminar
  10. concordo! A blogosfera são as pessoas...

    ResponderEliminar
  11. Oh que querida :) Cat, a médica da blogosfera, agradece e fica sentida com a recordação :) Texto muito amoroso!

    ResponderEliminar
  12. É por pessoas assim que isto vale a pena :)

    ResponderEliminar
  13. E eu? Lol. Estou a brincar. Sei que ainda não sou muito conhecida na blogosfera e que o meu blog está a léguas de atingir o sucesso dos que aí enumeraste, mas espero um dia vir a ser uma blogger de sucesso e com direito a entrar numa lista como essa! Eu conheço muitos dos que aí referiste, resta agora eles conhecerem-me a mim! :P. Continua o bom trabalho neste blog, gosto muito! Beijinhos.

    ResponderEliminar
  14. Que fofinho *.* Obrigado por me incluíres.

    ResponderEliminar
  15. Minha querida S*, descreveste a nossa blogosfera como ninguém! Fazes uma análise intensiva e clara, mesmo daqueles que eu pouco conheço.
    Não estivesse eu em "votações", e pedia-te para fazer um link, lá para a Turista.
    Obrigada pelo fantástico texto. :)

    ResponderEliminar
  16. E daqui retiramos, sim, muita coisa. É bem mais fácil e proveitoso quando encaramos isto da maneira que deve ser, sabendo que há pessoas por trás dos blogues que são tudo isto e mais alguma coisa. E foi por isso mesmo que daqui tirei amigos, nos quais tu te incluis sem dúvida. Conhecer-te pessoalmente só fez gostar ainda mais da tua forma de ser genuína e fez-me admirar ainda mais a tua luta pela vida que desejas. Seja muito ou pouco aos olhos dos outros és uma menina mulher de quem me orgulho muito.

    Um mega beijo e sê sempre tu e os teus afectos e essa tua boa disposição e espontaneidade ;)

    ResponderEliminar
  17. :))) Acho que é isso mesmo... Há laços que se criam e fazem esquecer as tricas e os comentários anónimos maldosos!
    Beijinhos, rapariga do Norte!!

    ResponderEliminar
  18. Não pude deixar de partilhar este texto no meu blog =)
    http://acarolinabernardo.blogspot.com/2012/02/vida-pela-blogoesfera.html
    "A Carolina Bernardo, a menina que me fez as cestas." Faço pois, e com muito gosto!!!!

    ResponderEliminar
  19. E, depois, há os blogues pequeninos, menos conhecidos, que também criam laços entre si... :)

    ResponderEliminar
  20. Andas muito esquecida.
    Não...saltaste um que tanto te Adora?
    Eheh

    ResponderEliminar
  21. Comecei a investir neste mundo em Outubro do último ano, por insistência de uma amiga, é verdade, adoro escrever e estou a amar descobrir este mundo novo. Obrigado por tudo, e boa continuação ;) beijokinhas

    ResponderEliminar
  22. Obrigada S* pela menção. Como tu, eu penso da mesma forma com relação aos amigos de blog, os considero queridos, dos quais tu estás incluída.

    Por vezes percebemos que a pessoa não é chegada a muitos beijos aqui, beijos ali, então eu procuro me adequar, mas costumo ser bastante afetuosa com quem gosto.

    Beijos do Brasil

    ResponderEliminar
  23. Gostei muito deste post...já percebi que há uns ódios,mas também há uns amores.E como o amor supera tudo...

    ResponderEliminar
  24. Falta alguém muito importante neste texto: TU.

    A S*, que é uma miúda-mulher, apaixonada e sem vergonha de o dizer, com o condão de juntar no mesmo pacote as mais diversas pessoas.

    ResponderEliminar
  25. A Mimi e a Petra também gostam muito da S* amorosa, amiga, apaixonada, desbocada, dedica e acima de tudo bom carácter, citando Martinho da Vila "Você é sangue bom muleca"

    ResponderEliminar
  26. Fiquei feliz por te teres lembrado de mim!
    Obrigada!***

    ResponderEliminar
  27. Eu amo este mundinho.
    Na maioria das vezes, são os primeiros a saber das coisas mais importantes da minha vida.
    E obrigada pelo que escreveste. Soube bem. :)

    ResponderEliminar
  28. Muito bom sim senhora, alguns conheço outros nem por isso, mas todos se tocam nas entrelinhas, é triste quando à picardias e disputas todas, mas é bom ver e ler que haja alguém que saiba separar as águas.
    Muito bonito este texto S*.
    Abraço doce
    :)

    ResponderEliminar
  29. Pode haver muito que não interessa a ninguém, mas há gente a quem nos ligamos, gente que acabamos até por conhecer.
    Já para não dizer que é um passatempo completamente viciante :)

    ResponderEliminar
  30. A blogosfera é também a S*, uma menina-mulher que nos encanta com as aventuras do seu dia-a-dia. A S* que nos transporta para as nuvens com a história do seu amor e que nos faz pensar no mundo terrestre com a diversidade dos assuntos que comenta. A S* que tive o privilégio de conhecer e de quem gostei muito porque a pessoa real correspondeu ao que eu estava à espera. A S* que me pôs uma lágrimazinha nos olhos com a frase que aqui colocou sobre mim e a quem agradeço pelo carinho.
    A blogosfera é tudo isto e é por isso que vale a pena.
    Bjs

    ResponderEliminar
  31. O bom aqui da coisa é que as pessoas são mais sinceras do que a maioria daquelas que conhece-mos desde à muito, em carne e osso.

    ResponderEliminar
  32. Por trás dos posts, do outro lá do ecrã não é só um blog, são pessoas que vamos conhecendo, muitas vezes melhor que se convivessemos diariamente por elas. Vamos gostando cada vez mais, umas ficam nossas amigas reais, outras virtuais e no fundo todos levamos os blogues demasiado a sério, porque afinal fazem parte das nossas vidas, são espelhos da nossa alma.

    Um beijo minha querida, belo post.

    ResponderEliminar
  33. Tu és TAO AMOROSA que apetece dar-te uma beijoca nessa bochecha :D obrigada querida por este gesto de carinho para comigo e outros bloggers**

    ResponderEliminar
  34. Dos que aí estão conheço muito poucos mas fiquei curiosa com alguns. Vou cuscar!

    ResponderEliminar
  35. Sem dúvida. Acaba por ser um mundo paralelo, onde também fazemos amizades. Como todos os outros, há que também estimar esses laços.

    ResponderEliminar
  36. A blogosfera é uma ponte para se criarem laços e um palco onde podemos trocar opiniões.
    Essas opiniões até podem divergir, mas com educação... com respeito.
    Agora se ha quem use um ecrã e com ele se proteja para destilar veneno, assobiar frustração e tentar projectar naqueles que não conhece as suas frustrações....
    Há que ter pena muita pena, porque depois na vida social, cara a cara e sem o escudo virtual, são cordeirinhos manhosos sempre a engolir elefantes...... Enfim.
    Sim mulher adoro a blogosfera e todos os laços importantes que aqui são criados sem dúvida e isso é que importa.

    ResponderEliminar
  37. Menia Wow, isso é porque tu não escreves. E eu estive ali a ver a minha lista de leituras e não encontrei o teu nome porque tu não actualizas o sacana no blogue. :D Mas sabes que te adoro.

    Pássaro viajeiro, oh meu caro, prefiro falar de coisas boas... Porcaria eu dispenso. :P

    ResponderEliminar
  38. Obrigada, de coração, pela referência! :)
    É nestes momentos que sei, que blogosfera me dá o bom que pode.

    O maior dos beijinhos,

    ResponderEliminar
  39. Obrigada a todos. Obrigada aos que me esqueci de referir mas que leio todos os dias... é que se eu leio, é porque gosto. :)

    ResponderEliminar
  40. Ah, e eu que até tenho escrito umas coisecas... LOL -.-

    Tens razão, eu fiquei uma desmiolada..
    O apetite não tem sido lá grande coisa...

    Mas eu prometo que vou actualizando nem que seja com uma barbaridadezita.

    E já agora, para quando um próximo jantarinho?

    Eu queroooo tantoooooo...... :$

    Beijoquinha*

    ResponderEliminar
  41. Menina Wow, temos de pensar nisso... O último jantar da blogosfera já foi há 2 meses. :P

    ResponderEliminar
  42. Que lindo texto! :)
    os laços, acima de tudo ;)

    ResponderEliminar
  43. Siiiim um jantarito da blogolândia no Porto pois então.

    ResponderEliminar
  44. A blogosfera é uma coisa espectacular. Criam-se laços. Bela demonstração, belo texto. :)

    ResponderEliminar
  45. lembro-me que o primeiro blog que comecei a ler regularmente foi o "às nove no meu Blog", daí a surgir o bichinho foi um instante, e aproveitei a mudança para Lx para criar. Muitas pessoas sabiam desse blog e não me sentia livre a escrever. qd criei o meu actual senti que podia ser eu. e fui escrevendo e conhecedo outros blog. a rir, e a chorar, a revoltar-me com algumas injustiças. e dou por mim a sentir o meu dia vazio se não ler pelo menos os blogs que mencionaste e uns quantos mais.

    beijinho querida S*

    ResponderEliminar
  46. Faltas tu no post,minha querida S*. Sem ti, a blogsfera não seria a mesma coisa. E fiquei muito feliz por ter tido a honra de ter sido mencionada e pela forma como o fazes- é sempre bom sabermos como os outros nos vêm! Mil beijos

    ResponderEliminar
  47. Concordo mesmo. Uma pessoa não deve mesmo levar demasiado a sério, mas vai-se conhecendo uns e outros e as coisas são diferentes...
    ;)

    ResponderEliminar
  48. É mesmo... nutrimos carinhos muitos especiais por algumas pessoas que não conhecemos fisicamente, mas que "acompanhamos" nas suas aventuras e desventuras e que nos dizem algo... e em alguns casos esse algo é enorme!!!
    Ao ponto de ficar ficar muito feliz ou muito triste pelo que estão a viver e a partilhar nesse momento!!!
    É fantástico, sem dúvida... e só quem cá está consegue perceber o que se sente.
    ;-DDD

    ResponderEliminar
  49. É mesmo... nutrimos carinhos muitos especiais por algumas pessoas que não conhecemos fisicamente, mas que "acompanhamos" nas suas aventuras e desventuras e que nos dizem algo... e em alguns casos esse algo é enorme!!!
    Ao ponto de ficar ficar muito feliz ou muito triste pelo que estão a viver e a partilhar nesse momento!!!
    É fantástico, sem dúvida... e só quem cá está consegue perceber o que se sente.
    ;-DDD

    ResponderEliminar
  50. Gostei da parte que me tocou. És uma querida!

    :)

    Beijinhos***

    ResponderEliminar
  51. Ohhh este post ficou tão, tão lindo.♥
    É verdade a blogosfera vale o que vale, mas é incrível os laços que criamos com pessoas que não conhecemos de lado nenhum mas que nos são tão próximas pelo que lemos delas e vamos sabendo delas.No fundo é como se estivessemos a acompanhar a vida de um amigo à distância, e quando os sentimentos são puros e bons sabe mesmo bem:D
    Um mua grande grande.♥

    ResponderEliminar