A força das circunstâncias

Já vos aconteceu conhecer uma pessoa e terem a sensação de que era com aquela pessoa que deviam ficar?

Já vos aconteceu sentirem que aquela pessoa tem tudo o que vocês sempre que quiseram mas que, por infelicidade da vida ou por falta de esforço de uma das partes, a coisa não se deu?

A mim já. Penso nisso (quase) todos os dias.

Comentários

  1. Sim, já me aconteceu isso... são os tais casos mal resolvidos que mexem sempre connosco... Ficamos sempre a pensar... " e se..."
    O que tiver q ser teu, será. Disse-me uma amiga.. acho q é verdade!

    Kiss kiss

    ResponderEliminar
  2. e fazer uma loucura nao ? :P

    ResponderEliminar
  3. Yep. Mas isso daqui a uns meses/anos passa-te. Acredita.

    ResponderEliminar
  4. eu já senti isso. e até agora está a dar, felizmente =D

    ResponderEliminar
  5. como ja foi dito... hade passar!
    ainda vais encontrar alguém que seja aquilo que procuras!
    ou se nao for, se te apaixonares, mesmo que nao procures passas a procurar. bjo

    ResponderEliminar
  6. Oi linda

    Fiquei tão feliz de receber
    uma resposta que até vou te levar para o cantinho de Portugal no meu blog....kkkkkkk.
    Claro que voçê sabe que casos mal resolvidos não terminam assim....existe o dia de amanhã sabia?....e aproveita quando encontrar de novo....se for pra ser minha filha...pode se esconder no meio da selva africana que acontece....
    Beijim
    Deusa
    vasinhos coloridos

    ResponderEliminar
  7. Sim, já aconteceu... mas já esqueci... ok, ok... quase!!! ;-DDD

    ResponderEliminar
  8. Sim, já. Mas acabei por não o conseguir amaar como queria, como ele merecia...mas era o homem certo em muitos aspectos.

    ResponderEliminar
  9. Já e nunca vamos estar juntos, é andar em frente e seguir a vida. ;)

    ResponderEliminar
  10. aconteceu-me uma vez:

    chamava-se Tobias e parecia mesmo um Beagle, apesar de ser rafeiro. Estava triste no canil e eu queria-o, mas os meus pais preferiram levar um caniche. Se eu me tivesse esforçado mais, podia ter pedido mais, chorado com mais força, poderia ter ficado com ele, mas não, desisti...

    ainda hoje sinto remorssos, apesar de ainda não saber como se escrever.

    eu sei, é triste. era um cão mas era como uma pessoa.

    ResponderEliminar
  11. Já também, mas o problema é que acabamos por conhecer essas pessoas sempre nas alturas erradas, no meu caso, teria sido otimo se a tivesse conhecido hoje, mas nao aos 21 da altura.. ainda precisava de voar muito, hoje de certa forma lamento, mas.. em frente.

    ResponderEliminar
  12. Todos os dias. E não sei o que fazer para o tirar cá de dentro :(

    ResponderEliminar
  13. Já me aconteceu, mas por coincidência e azar, são todas actrizes de Hollywood :|

    ResponderEliminar
  14. eu tenho dois ou tres que sim, seriam os perfeitos. mas felizmente (ou nao, nao sei) tornaram-se grandes e bons amigos.. :)

    ResponderEliminar
  15. Já, e passado algum tempo vi que, afinal, estava enganada, e a pessoa não era nada daquilo que pensava :S
    Beijo*

    ResponderEliminar
  16. Não! Já me aconteceu conhecer uma pessoa e ter a sensação de que era com aquela pessoa que queria passar a noite, mas ficar para sempre é muito tempo.

    E agora outro assunto:
    Está certo que no meu blog só faz sentido dizer coisas sem sentido, mas não é necessário levares aquilo à letra. É que a respeito da metáfora da "estrada com dois sentidos", dizes que foi por isso que sentiste necessidade de mudar.
    Porquê? Só sabes andar em estradas de sentido único?
    Espero que não seja em contra-mão :)
    Já ontem me deixaste a pensar com a conversa da escrita familiar. Que eu saiba nunca trocamos cartas de amor e se temos algum parentesco, é uma questão de analisarmos a nossa árvore genealógica.
    Na volta ainda somos primos e não sabemos. :)

    ResponderEliminar
  17. Tive uma sorte do tamanho do mundo porque conheci essa pessoa e ela ainda está comigo, depois de muiiitos anos! :)

    ResponderEliminar
  18. Se pensas nisso quase todos os dias, então é normal que a quimica com outros não se dê...

    Mas então qual é o problema?

    Vais ter de resover isso, ou sim ou sopas, se essa pessoa está livre, vais ter de seguir em frente, arriscar e pisar onde os próprios Anjos têm medo.

    Olha, entre tomar nenhuma decisão e tomar a decisão errada é preferivel tomar a decisão errada.

    ResponderEliminar
  19. Já, e arrependo-me a cada minuto não ter dado um passo em frente. Era ela. Desde sempre e para sempre. Continuo a ser dela, e ela, se bem que casada, confessa-me que sempre foi e será minha. Haverá mais triste fado?

    ResponderEliminar
  20. Pensar pensei, mas não foi. Talvez tenha sido melhor assim.

    bjs ;)

    ResponderEliminar
  21. ººº
    Amiga, bateu-te forte. E fizeste alguma coisa p'ra contrariar?

    ResponderEliminar
  22. Todos acabamos, em alguma altura da nossa vida, por querer muito alguém ideal que ou não existe no final, ou então não podemos ter!

    ResponderEliminar
  23. Vi apenas um parte do filme, para muita pena minha, mas tenho esperança de o ver até ao fim,

    ResponderEliminar
  24. S*, andas a cuscar a minha vida? Parece-me que sim..x)

    ResponderEliminar
  25. Sim, já me aconteceu. Actualmente, penso como a amiga da Carrie " o que tiver de ser teu, será". Contudo, confesso é horrível lidar com os casos amorosos mal resolvidos.

    ;)

    ResponderEliminar
  26. Sim, ja aconteceu! mas o final não foi muito feliz!

    Boa sorte p ti!


    beijos

    ResponderEliminar
  27. sentimento normal, ainda bem que eu nunca senti.

    ResponderEliminar
  28. Já. E há bem pouco tempo. Por causa dessa relação mudei mesmo muita coisa na minha vida, até que de repente as coisas acabaram.

    ResponderEliminar
  29. É que nem de propósito... Eu estou na fase referente à primeira linha... E confesso ser uma situação deveras estranha, porque é algo completamente novo para mim... One step at a time...

    ResponderEliminar
  30. Já me aconteceu conhecer alguém que me pareceu ser a pessoa que sempre pensei querer ao meu lado...

    ... mas não era!

    O que é isso de sentirem que era aquela pessoa? Não será antes uma vontade que seja?

    É uma frase feita mas o que tem de ser acontece... Quando tem de ser é porque as duas pessoas querem...

    Há pessoas que vivem em lugares tão distantes e isso não os impede de se juntarem e serem felizes, pois não? Então o que impede quem vive mais proximo a não ser as proprias pessoas?

    E sabes que mais?
    Vais ficar a pensar sempre isso até que alguém apareça e te faça esquecer essa pessoa... mas para isso também é preciso que a queiras esquecer. Lembra-te disto...

    beijinho

    (quem não nos quer, não nos merece)

    ResponderEliminar
  31. Gostei do comentário do Miguel :) principalmente da parte "quem não nos quer, não nos merece"... Só é pena que às vezes demoremos a perceber isto...

    ResponderEliminar
  32. Demoramos sempre, MC. É normal. A nossa vontade é exactamente a oposta. Por isso demora tanto a tomar essa consciência. E mesmo quando a tomas, sabendo que essa é a realidade, há uma parte de ti que não larga o sentimento...

    Daí o tempo ser importante. E não fechar portas que um dia podem colocar outra pessoa na tua vida...

    Enfim, este tipo de coisas são muito pessoais. A teoria é bem mais simples. Na pratica, cada um lida com isso à sua maneira...

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares