Querido, você...

Acho ridículo, patético e sei lá mais o quê ver casalinhos a tratar-se por Você.

É pouco íntimo, é frio e incómodo. Não faz o mínimo sentido.

Um namorado/noivo/marido/qualquer-coisa-do-género deve ser das pessoas que nos estão mais próximas. Das pessoas com quem partilhamos mais coisas e com quem estamos durante mais tempo. Por isso não entendo essa necessidade de ser formal.

Irritante também são aquelas senhoras já mais velhas que tratam o marido pelo apelido. O marido não se chama Pedro, Rui ou João. Nops. Chama-se Sousa, Silva ou Cardoso. Trés chic.

E não sei se é só a mim que acontece... Mas sempre que ouço um casal jovem a tratar-se com tanta formalidade só me apetece perguntar...

"Ouçam lá, quando dão uma queca também se tratam por você?"

É que se tratam, deve ser muito divertido. :P

Comentários

  1. Para mim há uma coisa pior do que tratar o marido por você. É tratar os filhos. E os filhos tratarem os pais por você. É algo que não entendo!!!

    ResponderEliminar
  2. E tratar os filhos por você?

    Querida S*, a menina tem de sair mais, 'tá?

    =)

    ResponderEliminar
  3. sei o que isso é, uma vez, fui cantar a um casamento e no fim, um casal lisboeta vem ter cmg e diz "ai querida que voce canta taaao bem, nao acha querido? nao acha que ela cantou lindamente, querido?", virando se para o marido, que ouvia com cara de frete...lol

    xD

    ResponderEliminar
  4. Tratam, tratam, S*, são uns queridinhos, conheço vários...devem ter uma vidinha entre lençõis muito feliz! ;-)

    ResponderEliminar
  5. Pior pior é mesmo tratar os pais (e filhos) por você. É tão estúpido! Tens toda a razão

    Beijinhó

    ResponderEliminar
  6. Alguém a gritar "venha-se!" é do melhor! :-D

    ResponderEliminar
  7. Ahaha.. Já deu para rir, o teu texto ;)

    ResponderEliminar
  8. Óra viva minha amiga, há quanto tempo não tinha o prazer de a cumprimentar. A menina está bem e recomenda-se, ou nem por isso ?

    :) Beijo.

    ResponderEliminar
  9. Você não diga isso, não vê que é chique!;)

    ResponderEliminar
  10. "Oh Sousa...você meta aqui dentro, tá a ver?! Quando se vier, diga..."
    LOL!
    Por acaso, tratar por você nesses casos torna-se completamente impessoal...
    E "você" na relação pais/filhos, pior ainda...

    KisseS*
    Fénix*

    ResponderEliminar
  11. lol
    do que te foste lembrar rs
    mas pensando bem, é irritante sim senhor :b

    ResponderEliminar
  12. acredita, isso irrita ! ''novos ricos''

    :)

    ResponderEliminar
  13. e tratar primos/primas da mesma idade por voce? e os irmãos tambem!é o cumulo, eu que vim de uma escola privada levava com essa cambada toda dos "vocês"

    ResponderEliminar
  14. A menina está a ser possidónia tá a ver ? Aqui para nós, que ninguém nos vê e lê (salvo seja), são muitos anos de namoros de Cascais, Carcavelos e Av.de Roma e Alvalade, aqui em Lisboa zonas chiques como podes verificar.Graças a Deus que me curei.

    :) beijos.

    ResponderEliminar
  15. É realmente estranho esse tipo de tratamento entre casais e pais/filhos...Então na intimidade dos lençóis... ui ui! Lol

    ResponderEliminar
  16. Nem sei que te diga... acho que é um mundo à parte... transcende-me!

    Nem vale a pena pensar muito nisso!

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  17. Entre casais nunca tinha ouvido mas entre pai e filhos sim e já acho uma frieza tremenda.

    Beijos

    ResponderEliminar
  18. as pessoas podem tratar-se de maneiras mais formais e terem tanta cumplicidade como as pessoas que se tratam por tu, tambem suponho que depende da educação de cada um.. sei la'.. as pessoas que se julgam importantes devem sentir necessidade de se diferenciarem das outras pessoas de alguma forma.. cada maluco com a sua pancada :D

    ResponderEliminar
  19. Que interessante este post. No Brasil, "você" é super informal. Somente em algumas partes do país se usa o "tu", mas mesmo nesses lugares "você" é informal tb. Agora, essa de chamar pelo sobrenome tb acho horrível! rs

    ResponderEliminar
  20. Claro que tratam!
    - A menina não está a gostar?
    - Ai desculpe, pensei que já tinha acabado, daí ter começado a limar as unhas!

    ResponderEliminar
  21. Conheço um caso assim... é mesmo muito irritante! mas dão-se bem é o que interessa...

    ResponderEliminar
  22. são pessoas paralelas, sem dúvida... mas o mais engraçado é que nós, para eles, também somos diferentes... «ora esta moda de tratar por "tu"!!!»

    ResponderEliminar
  23. Tive um namorado o qual sempre conheci a tratarem-no 'plo último nome. Aliás, há muita gente que desconhece o seu 1º. Antes de ser namorada era aquela 'conhecida', já estava mais que habituada a tratar-lhe pelo último nome. Quando passei a namorada não consegui que isso mudásse... :P

    E sim, tratar alguém por você... precisa de ter o dobro da minha idade (no minimo). E nem são todas. Eu já sou do tempo em que a minha mãe trata a minha avó por você. Mas eu, a neta, trato a minha avó por tu.

    E irrita-me ver pais tratarem filhos por você. E imagino ver os paizinhos em pleno acto sexual tratarem-se por você. É de rir! :D

    ResponderEliminar
  24. Também acho horrível e uma tentativa parva de parecer mais finos que os outros.

    ResponderEliminar
  25. Conheço algumas pessoas que se tratam na segunda pessoa do plural. Desembocada e curiosa como sou, já perguntei o porquê de tanta formalidade!? Pois que a resposta foi tão simples quanto esta: "é uma questão de hábito e educação, porque para nós o "você" não nos afasta ou aproxima mais, é igual ao "tu"". Posto isto, calei-me e fiquei com o que me pareceu, ou seja, que não tenho cromos para tanta cagança!

    ResponderEliminar
  26. Isso e os pais que tratam os filhos por voçê... enfim.. são coisa que não entendo
    KissKiss*

    ResponderEliminar
  27. Concordo e também acho os filhos chamarem os pais por voce

    ResponderEliminar
  28. Também não compreendo... é simplesmente ridículo!! Aqui há uns tempos encontrei um casal que para além de falarem assim vestiam roupas iguais: ele versão calça e ela versão saia... MEDO!!

    **Beijinhos**

    P.S.: Gostei do blog :)

    ResponderEliminar
  29. Eheheh! Deve ser mesmo muito divertido e devem ter uns "SENHORES" orgasmos.

    ResponderEliminar
  30. É muito divertido! :D
    E não se trata de tentativa de parecer fino ou diferente, é-o como forma de respeito, mas também por habituação com quem se convive. É-me indiferente Tu ou Você, mas, e na maioria dos casos, denota a educação a que essas pessoas tiveram.
    E falando de respeito e não querendo ser fino, que tal conjugar o verbo sem usar o pronome: não acha?

    ResponderEliminar
  31. "oh Drº Cardoso... o seu Falo encontra-se deveras inflado."
    "sem duvida! Deviamos tomar providências.."
    "oh.. oh!! oh!!"
    "Sei lá... cheguei!"

    ResponderEliminar
  32. E os pais que tratam os filhos por você? Eu nem os meus pais trato por você!

    "Manuel Maria, o menino venha cá!!" (claro que tem sempre de ser um nome beto do género ;))

    ResponderEliminar
  33. É horrível os pais tratarem os filhos por você. E as amigas tratam os filhos das outras por você também.

    Quanto aos filhos tratarem os pais por você já acho que é uma questão geracional. Acontece isso com os meus pais e avós.
    No entanto, eu já trato todos por tu e sou tratada por tu também. A minha família mais próxima é toda "corrida a" tu ;)

    ResponderEliminar
  34. É isso e aqueles pais que tratam os filhos por vocês, e estes tratam os pais por tu.

    ResponderEliminar
  35. Também não percebo.. Enfim, manias.
    beijinho.

    ResponderEliminar
  36. Ai sim deve ser muito engraçado... tenho uma imaginação muito perversa, não a vou deixar divagar.. :p

    ResponderEliminar
  37. Eu já conheci um casal que se tratava por 'você', mesmo na queca. Gives me the creeps!

    ResponderEliminar
  38. Se calhar apanha-los quando estão a começar uma brincadeirinha para continuar mais à noite.. patrão e empregada, chefe e funcionário, professora e aluno, chefe e secretária... Se não se tratarem por você não tem graça! :p

    ResponderEliminar
  39. Dependendo do tipo de relação que tens com a "outra" pessoao o tratamento por "voce" pode ser um charme,uma piada:)funciona quase como um teaser...à noite isso já não é necessário ah ah ah

    brijinho**

    ResponderEliminar
  40. Pergunta pertinente: "O que é que te leva a pensar que essas pessoas fazem sexo umas com as outras (ou até de todo)?"

    ResponderEliminar
  41. Conheço filhos que tratam os próprios pais por você?!
    É desconfortável!

    *

    ResponderEliminar
  42. Fixxx fixxx foi apreciar numa espalanada duma estância em Andorra (lesionada e sozinha a beber umas p tentar relaxar) e topar 1 senhora a implicar com os 3filhos rapazes e terroristas k só queriam mandar neve uns aos outros, a tratarem-se uns aos outros (irmãos) por você. Os putos claro k nem a ouviam.Então foi vê-la muito subtilmente a pedir ajuda a 1das amigas peruas,uma vez k os dela estavam tão bem educadinhos... dahhhhhhhhhhh =//

    Marta

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares