Perante a profissão que escolhi, sou obrigada a ler os jornais nacionais todos. DN, JN, Público, Correio da Manhã, Jornal de Negócios, desportivos. Tudo me passa pelas mãozinhas logo às oito da matina.

Vá... O 24 horas eles não compram. Não sei porquê, mas dizem que não vale a pena. :P

Apesar do Público ser o jornal politicamente correcto e de ficar em (e bonito) dizer que se lê o dito cujo... eu acho-o um bocadinho chatinho. Assumo que é um bom jornal, gosto de ler, mas não tenho pachorra para o ler de fio a pavio. O meu favorito sempre foi o Jornal de Notícias. O meu tio compra-o todos os dias, desde que eu sou pequenita. Cresci a ler o JN e habituei-me ao estilo (que nem sempre é o mais correcto).

O Correio da Manhã, já se sabe, é o jornal de maior tiragem, é o que mais vende. Mas há lá qualquer coisa que não me agrada. É capaz de ser isto:


Título bonito. Expressivo. Comovente. De fazer chorar as pedrinhas da calçada.

Que é que importa que a família do miúdo esteja a sofrer? Bora lá fazer disto uma tragédia grega e aproveitar para tirar umas fotos ao Simãozinho. Assim como quem não quer a coisa, ainda se faz uma caixa de texto para dizer que o drama serviu para aproximar o Simão Sabrosa do irmão. Tinham-se zangado, depois do Sabrosa ter acusado o irmão de lhe fanar 300 mil contos. Coisa pouca.

E ontem ainda era mais bonito.

Uma criança de meses caiu a um poço, morreu, e eles espetam no jornal o nome da criança, as fuças dos pais e ainda fotografias dos irmãos. Fotos de crianças, ilegal perante a lei.

Os pais, coitados, nitidamente pobres e com um aspecto algo duvidoso... A contarem o drama que foi encontrar o filho morto no poço.

Como diria a minha professora de Ética...

Pornografia dos sentimentos.

PS: Agora deixa-me calar, que sou capaz de ir parar a uma destas redacções. Se tiver sorte. Se não tiver sorte, fico mas é em casa.

Comentários

  1. É que é mesmo. Há cada leiturinha por aííí... e o mesmo na TV, ainda que pouca TV veja, no caso por exemplo da TVI. É haver um desastre e ver quem mais pode fazer perguntas inconvenientes às famílias, nos piores momentos. Jornalista da TVI, se puder, vai logo fegar ao funeral mesmo (exagero!lol), com a perguntinha do "Então? Como se sente? Está a sofrer?"! :) (esta parte já é verdade!)

    Ai, rapariga, não deve ser fácil (con)viver com os media...

    ;)

    ;)

    ResponderEliminar
  2. Continua assim! Tambem estou na área e adorei o que li
    Ana

    ResponderEliminar
  3. Infelizmente é o mundo podre que temos....beijo

    ResponderEliminar
  4. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  5. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  6. Esta tarde também reparei como as notícias são expostas consoante quem são as pessoas envolvidas...

    Enfim! Acho o Correio da manhã muito sensacionalista. talvez por isso atraia tanta gente.

    Beijoca!

    ResponderEliminar
  7. é tão trsite não arranjarmos emprego no que realmente queremos:S!

    Boa sorte.

    ResponderEliminar
  8. Olá sanxeri :) Por acaso, só compro o Público à Sexta por causa do caderno de Economia. De resto, tudo online (jornais). Sinceramente, para mim o JN apresenta a mesma linha que o Correio da Manhã. Até acho o JN mais parcial nas análises que faz. Mas como eu não gosto de um nem de outro.. lol
    Jornal preferido não tenho, apenas secções ;)

    Boa Quarta***

    ResponderEliminar
  9. Vale tudo para vender, mesmo enganar o leitor. No outro dia vi uma revista que na capa dizia "ANgélico destrói carro de Rita Pereira", para depois descobrir lá dentro que lhe deu dois pontapés. Ou o gaijo tem um pontapé demolidor ou então é intrujice da maior!

    Beijo!

    ResponderEliminar
  10. Sanxeri estes títulos de jornais vendem ...

    ResponderEliminar
  11. Eu acho que o Correio da Manhã está para a TVI assim como a TVI está para o correio da manhã...desculpem-me os funcionarios do canal e do jornal...mas isso é td uma grande palhaçada!!!TVI só para ver o dr House e correio da manhã para ler o horóscopo ;)

    ResponderEliminar
  12. O Coreio da Manhã exagera sempre nas notícias mas pior mesmo é o 24 Horas e o Crime...lol

    Eu cá sou como tu o Jornal de Notícias ou o Diário de Noticias são excelentes!

    ResponderEliminar
  13. Os jornais são o reflexo de um povo, uma cultura...
    Neste país onde quem conta um conto acrescenta um ponto, tudo acaba por ser possível...
    Nos jornais/televisão é a mesma coisa... acrescenta-se sempre algo ao texto ou título para se vender!!! Temos que ser bons interpretadores para saber ler/ouvir o que realmente interressa!!!
    Mortes com crianças sempre existirão (infelizmente), escussam é de se aproveitar destas notícias para ter audiências... Comuniquem o que se passa e limitem-se a isso!!!
    Se não passem a escrever apenas crónicas!!!

    ResponderEliminar
  14. não tenho um olhar tão critico sobre a imprensa escrita... confesso até que me passa um bocado ao lado... quando muito leio a dica da semana, pelo menos sei que eles me estão a tentar vender qualquer coisa, sem dissimulações...

    ResponderEliminar
  15. Não gosto muito do Jornal de Noticias, a nivel nacional só tem noticias sobre o Norte. Se calhar irás achar que o oposto se passa com o Publico ou o DN. Já tive a fase DN com o DNA que eu adorava e agora gosto muito do Publico à sexta ou durante o fim de semana.

    ResponderEliminar
  16. eu concordo contigo até comentei com o meu marido que no caso da criança encontrada morta num poço de certeza que vão dizer que foi falta de cuidado dos pais no outro caso diz-se são coisas que acontecem.
    Quanto aos jornais habituamo-nos aos jornais conforme os temos disponiveis, e encontramos melhor as noticias no que estamos habituados a ler. Eu costumo ler o JN e sou fã da noticias magazine, mas eu acho que o Público é diferente, melhor talvez não sei dizer, :( é mais caro

    beijo faz-me uma visitinha

    ResponderEliminar
  17. Essa expressão matou-me!!!!

    Beijo meu ♥,

    A Elite

    ResponderEliminar
  18. humm.. jornais.. eu tenho pena que as coisas estejam assim (cada vez pior).

    conheço a redacção de 3 dos jornais de q falaste (dn, publico e jornal de negocios) mas fica mal estar aqui a dar a minha opinião.

    [as coisas estão mm mal nesta área. eu desejo-te boa sorte]

    *

    ResponderEliminar
  19. Gostei das palavras "pornografia dos sentimentos"

    ResponderEliminar
  20. Também cresci a ler o JN, mas vivi os últimos 3 anos em LX e realmente lá o que dá é msm o Correio..
    Tive a um passinho de me formar em Jornalismo, mas no final enveredei por uma vertente de ciências comunicação ao lado, RP. E claro, a malta lê jornais pq gosta mas por causa de assessoria deveríamos estar realmente informados. A professora era o topo dos topos e convinha que dessemos o nosso melhor. E olha querida, o JN (edição alfacinha) n é cm o nosso..:) mas mau mau é ler o Expresso. Achava um sacrilégio 50% do jornal. Mesmo. O mesmo se passa com o Jornal Nacional qd apresentado pela M.M.Guedes. Não consigo mesmo.

    Em relação às manchetes do caso do bebe que faleceu aqui na minha Terra concordo contigo. Muito triste certo jornalismo.


    bjis e b.sorte

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares